Comitê de enfrentamento de arboviroses se reúne para definir ações de combate ao Aedes aegypti

Reunião ocorreu na última quinta


O Comitê Permanente Intersetorial de Combate às Arboviroses se reuniu na quinta-feira, 20/02, na Secretaria Municipal de Saúde, para definir as ações de combate aos focos do Aedes aegypti em Belo Oriente. O município tem enfrentado um alto índice de casos suspeitos de Dengue e Chinkungunya.
A reunião contou com a presença dos representantes da Secretaria Municipal de Saúde, da Secretaria Municipal de Educação, da Secretaria Municipal de Obras, representante do Departamento de Posturas Municipais e da empresa prestadora de serviço responsável pela limpeza urbana.

Divulgação
O objetivo é reforçar o combate intensivo dos focos do mosquito transmissor da Dengue, Zika, Chinkungunya e Febre Amarela e de ações educacionais para a conscientização da população sobre a importância de se combater esses focos e planejamento de atividades. Também foram planejadas atividades de conscientização nas escolas municipais.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Ranieri Prado, para que as ações possam surtir efeito é necessário que os moradores participem e contribuam. “O combate ao Aedes aegypti é um trabalho em conjunto entre o poder público e a comunidade. A limpeza dos quintais e remoção de latas, embalagens, vasinhos de plantas, cobertura de caixas d´água, tambores, latões, cisternas, lixeiras, são ações que contribuem para redução dos focos”, orienta Ranieri.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.