‘Piloto escolheu cair na rua e foi um herói', diz morador que viu queda de aeronave em BH

Hoje em Dia 

Foto: Lucas Prates/Hoje em Dia
O piloto do avião que caiu na manhã desta segunda-feira (21) em Belo Horizonte fez uma manobra brusca pouco antes de despencar na rua Minerva, no bairro Caiçara, na região Noroeste da capital. O morador Marcos Vinícius Lages, de 52 anos, viu o acidente da janela de casa e definiu o piloto como um “herói”.

“Ele calculou para cair nesta rua, que é a mais plana do bairro. O piloto fez a manobra para evitar cair em cima de prédios e casas e também para evitar atingir um posto de gasolina. A tragédia poderia ter sido muito maior”, lembrou.

Segundo Lages, o piloto ainda desligou o motor para diminuir o impacto. “Eu vi tudo da janela de casa. Por coincidência, havia acabado de chegar na janela e vi a aproximação e queda da aeronave. Eu acho que ele tinha a consciência do que estava fazendo”, declarou.

O morador também destacou que o piloto acionou o paraquedas para diminuir a velocidade da queda. Após o acidente, Lages disse que está preocupado com a situação do Aeroporto Carlos Prates, de onde a aeronave decolou. “É preocupante. Alguma coisa de errada está acontecendo, pois não é normal cair tantos aviões. Não sou contra o aeroporto, mas acho que tem que ter mais fiscalização”.

Acidente

A queda do avião de pequeno porte deixou três mortos e três feridos, na manhã desta segunda-feira (21), no bairro Caiçara, na região Noroeste de Belo Horizonte. Antes de cair, a aeronave atingiu a rede elétrica e explodiu. Três carros foram destruídos pelas chamas.

O acidente aconteceu no cruzamento das ruas Minerva com Belmiro Braga, próximo ao Aeroporto Carlos Prates. Os destroços ficaram espalhados na rua e uma densa fumaça escura tomou conta da região.

As três vítimas foram socorridas e levadas para o Hospital de Pronto-Socorro João XIII. Os três corpos foram resgatados e encaminhados para o Instituto Médico Legal de BH.

Postar um comentário

0 Comentários