segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

"Caiu um gigante do Brasil", destaca toda a imprensa internacional, após o rebaixamento do Cruzeiro

Reprodução
A queda do Cruzeiro para a Série B do Campeonato Brasileiro foi assunto mundial. A equipe celeste perdeu para o Palmeiras por 2 a 0, neste domingo, no Mineirão. Os principais jornais da América do Sul e da Europa repercutiram o descenso celeste.

O jornal AS destacou o rebaixamento de um time 'histórico' e 'tradicional'. Os espanhóis ainda citaram as combinações que o Cruzeiro precisava alcançar para se livrar da 'humilhação'.

Um dos principais jornais da Argentina repercutiram o rebaixamento celeste. Na manchete, os argentinos destacaram a 'queda de um gigante' e ainda ressaltou que o descenso era histórico.

'Do céu ao inferno'. Foi assim que o jornal Marca destacou o rebaixamento do Cruzeiro. Os espanhóis comentaram sobre os títulos celestes no Brasileirão a cinco anos atrás.

O jornal português A Bola também repercutiu a queda celeste. Em seu portal, as conquistas da Copa do Brasil e Libertadores pelo Cruzeiro foram destacadas.

'Um dos dias mais triste para a história do Cruzeiro', destacou o jornal chileno La Tercera. O periódico também destacou a batalha campal no Mineirão e os gols marcados pelos palmeirenses na partida.

A crise financeira e o baixo rendimento da equipe celeste foi destaque no jornal ABC Color. Os paraguaios ainda comentaram sobre os incidentes no Mineirão.

O jornal El País também deu destaque ao rebaixamento do Cruzeiro. Os uruguaios também destacaram a tristeza de torcedores em meio aos conflitos que surgiram no Mineirão.

'Página mais obscura da história do Cruzeiro'. Foi assim que o jornal argentino Infobae destacou a derrota para o Palmeiras e a confirmação do rebaixamento celeste neste domingo, em jogo disputado no Mineirão.

O jornal argentino La Nación também repercutiu a queda do Cruzeiro. Eles destacaram o bom começo de temporada celeste e também os problemas da gestão da cúpula celeste. Para o jornal, o fim de 2019 se tornou o 'maior pesadelo' para o torcedor estrelado.

(Com informações: Superesportes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.