sábado, 10 de agosto de 2019

Boxe, MMA ou futebol? Jogo pelos veteranos termina em confusão em Ipatinga

Divulgação - Imagem do jogo realizado
no Bethânia. Teve muita confusão na partida.
O que era para ser uma partida de futebol, mais parecia um ringue de boxe ou MMA. Na tarde deste sábado teve o duelo entre BEC e Desportiva - ambos os times de Ipatinga.

O jogo realizado no campo do Bethânia. O amistoso pelos veteranos teve uma grande confusão, com troca de socos entre atletas, conforme as informações obtidas pelo FUTBLOG DO SORRISO.

O jogo terminou com o placar de 6 a 2 em favor da Desportiva. Por meio de rede social, a Desportiva se manifestou repudiando a atitude de membros do time do BEC, que também contaram suas versões com relação ao ocorrido através de pessoas ligadas ao clube.

Recentemente, pelo menos 7 árbitros tiveram problemas em uma rodada de fim de semana pela categoria veteranos. Há inclusive alguns clubes de futebol da região que vários árbitros tem oferecido resistência em apitar seus jogos. Os finais de semana tem sido marcados por excelentes jogos, mas também por duelos que não tem cara alguma de amistoso, parecendo mais com um campeonato.

Liga de Desportos de Belo Oriente reconhece título municipal conquistado pelo Cachoeiro

Francisco recebeu das mãos do presidente da Liga
Fernando Martins (D) e do Gerente de Esportes
Edson Martins de Almeida (E) a placa de
reconhecimento pelo título
O torcedor do Cachoeiro Esporte Clube pode vibrar e comemorar. Algo que o clube lutou e finalmente foi reconhecido.

Um dos times de futebol mais tradicionais do município de Belo Oriente, sendo um dos mais antigos na disputa do Campeonato Amador local, o clube alvinegro teve reconhecido pela Liga de Desportos de Belo Oriente-MG, o título do campeonato de 1998. A competição que havia começado no determinado ano citado e teve seu término apenas na temporada seguinte (1999).

Na cerimônia de entrega dos materiais realizada na última quinta-feira para os clubes que jogarão o certame neste ano de 2019, foi passado para as mãos de Francisco, um dos dirigentes do clube, uma placa de reconhecimento do título amador belo-orientino de 1998.

Ele recebeu das mãos do presidente da Liga de Desportos de Belo Oriente Fernando Martins Hermógenes e do Gerente de Esportes Edson Martins de Almeida "Dinho".

Arquivo / Cachoeiro EC
O Cachoeiro foi campeão naquele ano ao bater o Ouro Verde por 2 a 1 na partida decisiva. No primeiro tempo daquela partida, Wesley marcou em favor do Cachoeiro e Fá igualou para o Ouro Verde (clube atualmente inativo).

Na etapa final, o zagueiro Serjão colocou a bola na rede e garantiu a vitória do Cachoeiro (2 a 1). Wesley terminou como o artilheiro da competição. O time foi comandado por Ronaldinho da Quadra de Areia. A diretoria do Cachoeiro composta por Diro (presidente), Sr. Odilon (vice-presidente), St Jesus e Tucano (diretores).

O Cachoeiro na decisão foi de: 1 Anderson, 2 Robinho, 3 Pirão, 4 Serjão, 5 Ré, 6 Rui, 7 Ciano, 8 Lau, 9 Wesley, 10 Aranha e 11 Lu. Suplentes: 12 Carlão, 15 Helinho Cotia, 13 Delei, 14 Jorge Vanguarda, 16 Benezinho e 17 Mazinho.

Na estreia contra o Braúnas, Vila Bráz deposita suas fichas em goleador

Arquivo pessoal - André chega para ser um dos
comandantes de ataque do Vila Bráz 
Um jogo que promete ser movimentado na Arena Braúnas na tarde deste domingo logo na abertura do Campeonato Amador de Belo Oriente.

Em campo estarão se enfrentando Braúnas (tricampeão municipal) contra o Vila Bráz (caçulinha da competição). A bola rola às 15h10.

O Vila Bráz para essa partida deverá contar com um de seus reforços para a temporada, o atacante e goleador André, de Pedra Corrida.

O técnico Vanderlei pede concentração total a equipe em seu primeiro desafio no Campeonato Amador. Um jogo que entra para a história do clube recém-criado.

Atacante Red Bull sofre grave acidente: jogador iria disputar o Amador de Belo Oriente pelo Unidos

Arquivo pessoal - Atacante sofreu acidente
na manhã deste sábado
O Unidos comemorou muito o anúncio do atacante Red Bull para a disputa do Municipal 2019. Um jogador eficiente, que coloca a bola na rede e que ajudaria muito a equipe no Campeonato Amador de Belo Oriente que terá seu pontapé inicial neste domingo (11) com a realização de 4 partidas.

Segundo informações repassadas ao FUTBLOG DO SORRISO, o jogador sofreu um grave acidente na manhã deste sábado quando estava em uma rua de seu bairro (Chácara Madalena), em Ipatinga.

Conforme uma das informações: "o atacante Red Bull foi atropelado agora de manhã em uma rua do seu bairro. Primeiras informações relatam fratura em uma das pernas e que o mesmo se encontra neste momento no bloco cirúrgico do Hospital Márcio Cunha".

Red Bull tem passagem pelos mais diversos times de futebol amador da região e também já atuou em clubes profissionais. O jogador seria um dos principais atletas do comando de ataque do Unidos.

Red Bull teria sido atingido por um veículo quando estava nas proximidades de onde reside na cidade de Ipatinga, segundo as primeiras informações repassadas.

Prováveis escalações, dúvidas e desfalques de Avaí e Cruzeiro pela 14ª rodada do Brasileirão

Bruno Haddad / Cruzeiro / Divulgação
Hoje em Dia

Vencer no campeonato brasileiro. Esse é o objetivo de Avaí e Cruzeiro, que se enfrentam neste domingo (11), às 16 horas, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis. Tal tarefa, no entanto, não vem sendo cumprida pelas duas equipes ultimamente.

Em profunda crise, a Raposa não vence no Brasileirão há mais de três meses, quando derrotou o Goiás no Mineirão por 2 a 1. De lá para cá, foram 10 partidas sem vitória e a entrada na zona de rebaixamento do campeonato.

Ainda mais complicada é a situação do clube catarinense, que ainda não venceu no campeonato e amarga a última colocação na tabela de classificação, com apenas cinco pontos somados nas 13 rodadas disputadas até o momento.

Para a partida, o Cruzeiro terá novidade no banco de reservas. Após a saída de Mano Menezes, a equipe será comandada interinamente por Ricardo Resende, técnico da equipe sub-20 do clube. O treinador, no entanto, não poderá contar com Thiago Neves e Fred, suspensos por acumularem três cartões amarelos.

Confira as prováveis escalações e desfalques para o jogo deste domingo:

AVAÍ: Vladimir; Léo, Betão, Marquinhos Silva e Paulinho; Pedro Castro, Richard Franco, Ferrareis, João Paulo e Lourenço; Bruno Sávio. Técnico: Alberto Valentim.

CRUZEIRO: Fábio; Orejuela, Dedé, Léo e Dodô (Egídio); Henrique, Ariel Cabral, Robinho e Marquinhos Gabriel; Pedro Rocha e Sassá. Técnico: Ricardo Resende

Desfalques: Fred e Thiago Neves (suspensos), Rodriguinho (lesionado)

AVAÍ X CRUZEIRO

Motivo: Campeonato Brasileiro (14ª rodada)
Data: 10/08/2019
Estádio: Ressacada
Árbitro: Paulo Roberto Alves Silva (PR)
Auxiliado por: Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn, ambos do PR
VAR: Adriano Milczvski
Transmissão: Rede Globo e Premiere

Ministério da Saúde tira dúvidas sobre transmissão do sarampo

OMS / Divulgação
Agência Brasil

No último balanço apresentado pelo Ministério da Saúde, o Brasil registou, entre os dias 5 de maio e 3 de agosto, 907 casos confirmados de sarampo em três estados: São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia. A doença circula no país desde dezembro de 2017 e o ressurgimento do vírus, que não era registrado desde 2015, fez o país perder o Certificado de Eliminação do Sarampo, entregue pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). A doença é altamente contagiosa. Pode ser transmitida pela respiração, tosse ou espirro da pessoa contaminada. Para tirar dúvidas sobre o sarampo, a Agência Brasil entrevistou diretor do Departamento de Imunizações e Doenças Transmissíveis do Ministério da Saúde, Júlio Croda.

Agência Brasil: Quais são os principais sintomas do sarampo?
Júlio Croda: Os principais sintomas são febre e pele avermelhada, conhecida como exantema. Também podem ser apresentados coriza e conjuntivite.

Agência Brasil: O contágio da doença é fácil?
Croda: É muito fácil. O sarampo é uma doença transmitida pelo ar, por gotículas e é o que apresenta a maior transmissibilidade das doenças transmitidas pelo ar. Uma pessoa infectada pode transmitir a doença para 15 a 20 pessoas em um mesmo ambiente.

Agência Brasil: Existe risco de morte?
Croda: Existe para alguns grupos populacionais especiais, principalmente crianças desnutridas, imunossuprimidos e crianças abaixo de um ano.

Agência Brasil: Como a doença pode ser detectada?
Croda: A doença geralmente é detectada através dos sinais e sintomas clínicos. Também existe o exame laboratorial que pode confirmar a doença.

Agência Brasil: Quais são os locais no Brasil com maior incidência da doença?
Croda: Atualmente nós temos três estados com casos notificados e confirmados. São Paulo concentra 90% dos casos. A gente tem um caso na Bahia e cinco casos no Rio de Janeiro.

Agência Brasil: A vacinação do sarampo faz parte do calendário nacional de vacinação?
Croda: A vacinação faz parte do calendário nacional. Ela é dada dos 12 aos 15 meses. Toda a população entre um ano e 49 anos deve ter duas doses no seu cartão vacinal. Importante ressaltar que os profissionais de saúde devem tomar essas duas doses. Eles fazem atendimento à população e isso evita a infecção e adoecimento desses profissionais.

Agência Brasil: A vacina é segura?
Croda: A vacina é muito segura. Essa vacina tem décadas de uso, uma dose protege 93% e duas doses têm uma eficácia de 97%.

Agência Brasil: Quem pode vacinar?
Croda: Quem pode vacinar são crianças a partir de 12 meses até 49 anos de idade. Todos devem ter, idealmente, uma dose entre um ano e 29 anos e tomar a segunda dose entre 30 e 49 anos.
Atualmente, por conta do aumento do número de casos, nós estamos recomendando que crianças de seis meses a um ano que residam em municípios onde há transmissão da doença tomem uma dose extra da vacina. Crianças da mesma idade que vão viajar para esses municípios também precisam de uma dose extra.

Agência Brasil: Existem medidas que as pessoas podem tomar para evitar a doença?
Croda: As principais medidas para a prevenção são lavagem de mãos adequadamente, proteger o espirro com a mão e evitar locais aglomerados. O paciente que for diagnosticado com a doença deve ficar em seu domicílio. Essa medida é chamada de isolamento domiciliar, e evita que outras pessoas da comunidade sejam infectadas.

Prováveis escalações, dúvidas e desfalques de Atlético e Fluminense pela 14ª rodada do Brasileiro

Agência Galo / Divulgação
Hoje em Dia

Em posições bem distintas na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, Atlético (4)º e Fluminense (16º) se enfrentam neste sábado (10), às 21h, no estádio Independência.

Na quarta colocação do Brasileirão, o Galo pode até assumir a terceira posição na tabela, dependendo de um tropeço do Flamengo que enfrenta o Grêmio horas mais cedo. Do lado Tricolor, o objetivo e se manter fora da zona de rebaixamento, deixada pelo clube na última rodada, após a vitória contra o Internacional.

Para a partida, o técnico Rodrigo Santana terá um importante desfalque. O volante Jair, que vem sendo um dos destaques do Galo nos últimos jogos, não treinou nos últimos dias por conta de dores no músculo adutor e não foi relacionado para a partida. Sua vaga na equipe titular deve ser ocupada pelo paraguaio Ramón Martínez

O restante da equipe deve ser o mesmo que venceu o clássico contra o Cruzeiro, inclusive com a presença do lateral Fábio Santos, que deixou o treino de quinta-feira (8) com dores no tornozelo, mas treinou normalmente nesta sexta-feira e deve jogar.

Do lado Tricolor, o técnico Fernando Diniz conta com a volta de João Pedro. A jovem promessa do clube carioca não atua desde o clássico contra o Vasco, no final de julho, quando sofreu uma entorse no tornozelo. O atacante, no entanto, deve começar a partida no banco.

Confira as prováveis escalações e desfalques para o jogo deste sábado:

ATLÉTICO Cleiton; Patric Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Ramón Martínez, Elias, Chará, Vinícius e Cazares; Ricardo Oliveira

Desfalques: Victor (ainda se recupera de tendinite no joelho), Jair (desgaste muscular)

FLUMINENSE Muriel, Igor Julião, Nino, Digão e Caio Henrique; Allan, Daniel e Ganso; Marcos Paulo, Yony González e Pedro.

ATLÉTICO X FLUMINENSE

Motivo: Campeonato Brasileiro (14ª rodada)
Data: 09/08/2019
Estádio: Independência
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliado por: Fabrício Vilarinho e Bruno Raphael Pires ambos de GO
VAR: Héber Roberto Lopes (SC)
Transmissão: Canal Premiere

Henrique pede mais ação no Cruzeiro: 'Não podemos mais ficar aqui falando bonito'

Bruno Haddad / Cruzeiro / Divulgação
Hoje em Dia

Crises política, econômica e técnica. É com este cenário que o Cruzeiro tenta a recuperação no Campeonato Brasileiro, contra o lanterna Avaí, domingo (11), às 16h, no Estádio da Ressacada. Na zona de rebaixamento, 18ª colocação com 10 pontos, a Raposa tenta vencer no Brasileirão depois de dez partidas e marcar gol após oito jogos.

O capitão Henrique, que já vestiu a camisa celeste 492 vezes, já vivenciou outros momentos complicados no clube, mas, segundo o próprio jogador, nunca tão difícil como o atual.

“Momentos assim que já vivemos, claro que este é um momento mais delicado em todas as circunstancias que encontramos, mas temos convicções e confiança de que tudo possa melhorar. A gente vai fazer ainda mais para que as coisas melhores. E domingo temos que mostrar isso. Buscar vencer, porque agora não tem limite pra nada. Jogar pra vencer e vamos em busca disso”, destacou Henrique.

Para o capitão cruzeirense, é um momento de falar menos e jogar mais. Na derrota por 1 a 0 para o Internacional, no Mineirão, na última quarta-feira (7), pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil, Henrique chegou a ser vaiado pela torcida.

“Não podemos mais ficar aqui falando bonito, iludir as pessoas. A gente tem que colocar as ações. As nossas ações, as nossas atitudes e no campo falar. O campo vai falar por tudo que vai acontecer no campo. A gente voltar a jogar o futebol que a torcida está acostumada a ver no Cruzeiro. Nós temos que ter essa atitude, jogar com o espirito de vencedor, com coração, com alma, com entrega e assim nós vamos sair dessa situação. As vezes vai faltar aqui, ali, mas o grupo tem que está focado para que os objetivos sejam alcançados”, completou.

Para a partida, o Cruzeiro terá novidade no banco de reservas. Após a saída de Mano Menezes, a equipe será comandada interinamente por Ricardo Resende, técnico da equipe sub-20 do clube.

O treinador não poderá contar com Thiago Neves e Fred, suspensos por acumularem três cartões amarelos.

Brasil faz história nos Jogos Pan-Americanos de Lima

Alexandre Loureiro / COB / Divulgação
Agência Brasil 

Os jogos Pan-Americanos de Lima terminam amanhã (11) e a equipe brasileira tem feito história. Até agora são 142 medalhas conquistadas, sendo 46 de ouro, 37 de prata e 59 de bronze, mas o Brasil está na disputa em várias modalidades.

O país caminha para seu melhor desempenho na história dos jogos. O melhor resultado foi em 1963, em São Paulo, quando ficou em segundo no quadro de medalhas. Na ocasião, porém, foram 52 medalhas no total. Atualmente o número de países participantes, modalidades e atletas é muito maior.

As competições de hoje poderão trazer mais medalhas e chances de ouro, para consolidar o Brasil em segundo lugar no quadro geral. O país está na final do golfe masculino e feminino; no remo, e nas categorias de quatro remos e oito remos masculino. O Brasil também briga por medalha em finais na vela, no ciclismo de estrada e na patinação de velocidade.

Estarão em disputa ainda o bronze no polo aquático feminino, contra Cuba, e na natação 1.500 metros estilo livre masculino e 1.500 metros masculino e feminino. No basquete feminino, a seleção brasileira disputa a medalha de ouro contra os Estados Unidos.

No tênis de mesa feminino, o Brasil pode garantir uma medalha se vencer os Estados Unidos em uma das semifinais. Ontem (9) à noite, Jéssica Yamada e Caroline Kumahara venceram as chilenas por 3 sets a 0. Na mesma situação está o time feminino de vôlei. A vitória por 3 x 0 sobre os Estados Unidos garantiu a seleção na semifinal, hoje, contra a Colômbia.

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Amador de Belo Oriente 2019: clubes anunciam medalhões e campeonato promete pegar fogo

Reprodução e Divulgação - Breno, Mateusinho, Junão e Guill vão defender as cores do JUNAF

O Campeonato Amador de Belo Oriente 2019 começa neste domingo (11). Os clubes continuam se mexendo para chegar com tudo na disputa da competição. Unidos, Cachoeiro, Talismã, Vila Bráz, Fundão e JUNAF anunciaram nas últimas horas algumas peças que vão dar o que falar. O Unidos vai folgar na primeira rodada, mas visando os compromissos, repatriou o goleiro Leonam e o conhecido atacante Red Bull - artilheiro por onde passou. O jogador com passagem inclusive pelo futebol profissional vai reforçar o time de Cachoeira Escura.

Arquivo pessoal - Lucas, Guel e Pierre fecharam com o Cachoeiro; Já Red Bull vai jogar pelo Unidos   

Já o Cachoeiro contará com o polivante Lucas (atua tanto como goleiro como volante), além de Pierre e Guel - esse último é meia-esquerda. O Talismã não fica por menos e vai contar com nomes como de Thiago Viggiano e Michelzinho do Revés. Quem também foi em busca de reforço é o Vila Bráz. O time belo-orientino fechou com os jogadores Matheus Silva (atacante), Matheus (meia) e com o goleiro Galego - ambos do Naque.

Futblog do Sorriso - Michelzinho e Thiago Viggiano vão reforçar o Talismã 
O Fundão por sua vez foi em Periquito para buscar o jogador Jackson, além de contar com um goleiro experiente que virá do Naquinho. O meia Ricardo "Cavalo" será mais um atleta como reforço de destaque na equipe de Córrego Fundo. Já o JUNAF conta com uma legião de jogadores com experiência no futebol profissional, como são os casos de Breno (meia-atacante), Guill (volante com passagem pelo Coimbra), Junão (zagueiro) e Mateusinho (atacante). O time em seu elenco ainda outros nomes que chamam a atenção, como o experiente Marinho e o meia Jean.

Técnico interino comanda atividade no Cruzeiro após saída de Mano Menezes

Cruzeiro 
Vinnicius Silva / Cruzeiro / Divulgação


O técnico interino, Ricardo Resende, fez a primeira atividade com o elenco celeste na última quinta-feira (8) e adiantou que tentará colocar em campo uma equipe equilibrada para buscar o objetivo no domingo, contra o Avaí.

No Cruzeiro desde o início de 2018, Ricardo Resende, técnico da equipe Sub-20, recebeu da diretoria celeste a missão de comandar interinamente o time profissional da Raposa no próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, contra o Avaí, no domingo, em Florianópolis, após o desligamento de Mano Menezes.

Com 39 anos de idade, o mineiro de Belo Horizonte agradeceu à cúpula celeste pelo voto de confiança e já iniciou a preparação da equipe na tarde desta quinta-feira, na Toca da Raposa 2. O foco, segundo o Ricardo, é buscar os três pontos fora de casa, para que a equipe cinco estrelas inicie uma reação no Brasileirão.

“É uma oportunidade que a diretoria me deu para poder ajudar o Clube neste momento. Estou no Sub-20 há quase dois anos. Fomos vice-campeões da Copa do Brasil neste ano, campeões mineiros ano passado. O foco agora é ajudar o Clube, já pensando neste jogo no domingo contra o Avaí. Estou como interino, funcionário do Clube, para fazer uma boa semana e já buscar uma vitória que é importante para podermos sair desta zona de rebaixamento”, projetou.

O técnico celeste adiantou que tentará colocar em campo uma equipe equilibrada para buscar o objetivo e acredita que uma vitória diante do time catarinense pode colaborar na retomada da confiança por parte do elenco.

“Vamos analisar os atletas disponíveis para o jogo de domingo. Fred e Thiago Neves estão suspensos, então não estão disponíveis para o jogo. É um grupo com muita qualidade, atletas maduros. A expectativa é fazer uma equipe equilibrada, mas mantendo o DNA do Cruzeiro, de uma equipe ofensiva. Esperamos fazer um grande jogo e já conseguir uma boa vitória para elevar a autoestima e continuar forte nos objetivos do Cruzeiro”, destacou.

Na opinião de Resende, a experiência dos líderes do elenco será fundamental neste momento de turbulência que o Cruzeiro vive.

“É um grupo muito experiente. Vai ser muito importante eles saberem da liderança e importância deles. Vamos juntos pensar nesse jogo do Avaí, em que o essencial é conquistar uma vitória que o torcedor está esperando”, reforçou o treinador.

Cruzeiro e Avaí se enfrentam às 16h de domingo, no estádio da Ressacada. A partida é válida pela rodada 14 do Brasileirão.

Cazares transforma foto de drible aplicado em Egídio em quadro da sala de casa

Arquivo pessoal - O fotógrafo Denis Dias registrou o lance
 que caiu nas graças de Cazares
Hoje em Dia

A vitória sobre o Cruzeiro na última rodada do Campeonato Brasileiro ainda está viva na memória do equatoriano Cazares, camisa 10 do Atlético. Tudo por conta de um lance.

Após confronto com o lateral-esquerdo Egídio, da Raposa, o meia conseguiu ficar com a bola e o adversário no chão; o registro foi feito pelo fotógrafo Denis Dias e transformado em quadro.

Na tarde desta quinta-feira (8), um amigo de Cazares foi até o dono da “obra-prima” e adquiriu um exemplar, transformado em quadro na parede da casa do equatoriano. Num Storie (postagem no Instagram), postado por Cazares, é possível ver o presentinho.

Vereador é preso após tentar receber R$ 800 mil da Vale por tragédia em Brumadinho

Corpo de Bombeiros / Divulgação
Hoje em Dia

O vereador Josimar Silva Cardoso (PDT) da cidade de Mário Campos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi preso em flagrante suspeito de fraudar indenizações pela tragédia de Brumadinho, cidade vizinha e também na Grande BH.

Segundo a Polícia Civil, o parlamentar está sendo indiciado por estelionato consumado e tentado após tentar receber R$ 800 mil de indenização da Vale. Conhecido como Preto da Bela Vista, o suspeito entrou com um pedido de indenização afirmando ter arrendado um terreno atingido pela lama onde, antes, eram produzidos insumos agrícolas. A investigação, no entanto, apurou que as terras estavam em nome de outro proprietário.

Além da indenização pela produção, o vereador, que também é vice-presidente da Câmara de Mário Campos, também tentou receber o pagamento ao qual somente os moradores de Brumadinho têm direito.

A Câmara de Mário Campos declarou que não se pronunciará a respeito do ocorrido por se tratar de um fato externo à atividade de Josimar como vereador. A reportagem não conseguiu contato com a defesa do parlamentar.

O diretório mineiro do PDT, partido do vereador, emitiu uma nota condenando a atitude de Josimar. "Em meio a tanta dor de perdas irreparáveis causada por uma das maiores tragédias humanas do país, é extremamente chocante constatar práticas ilegais em busca de aproveitamento financeiro ilícito", diz o texto. Assinada pelo deputado federal Mário Heringer, presidente do PDT de Minas Gerais, a nota ainda informa que o partido tem "mecanismos legais para afastar de imediato e de forma permanente qualquer representante do partido que pratique esse tipo de conduta criminosa e qualquer outro tipo de ilicitude."

Fraudes

Josimar não foi o primeiro preso pela prática ilícita. O último caso aconteceu no início de julho, quando a polícia também prendeu dez pessoas, sete de uma mesma família, suspeitas usar declarações de saúde falsas para fraudar as indenizações pela tragédia. Para terem acesso ao benefício, os suspeitos pagaram por declarações de um Posto de Saúde da Família (PSF) do município.

Carro despenca de rua sem infraestrutura em Caratinga e causa prejuízo a morador

Reprodução / Super Canal Caratinga 
Super Canal Caratinga 

O acidente foi registrado durante a noite de terça-feira (06/08), na Rua Sebastião Cirilo Veloso, no bairro Esplanada, em Caratinga. Tudo aconteceu após Paulo Sérgio de Oliveira, de 53 anos, que mora nas proximidades retirar o seu carro da garagem para uma rotina normal. Só que a infraestrutura da rua que não ajuda em nada, colaborou para o veículo despencar da via pública, segundo ele.

O mecânico ficou ferido e quebrou alguns dedos da mão após o acidente. O carro caiu em um barranco e só parou cerca de dez metros por conta de ter colidido contra a parede de uma residência. O veículo gol ficou bastante danificado e precisou da família contratar um guindaste particular para a retirada, que aconteceu no fim da tarde de quarta-feira (07/08).

A estimativa é um prejuízo de aproximadamente R$10.000, para quem cobra com frequência da prefeitura uma manutenção no local.

Há anos que o jornalismo do Super Canal realiza reportagens no local e mostra as dificuldades dos moradores com a falta de infraestrutura. As principais reclamações antigas são a rua que a cada tempo que passa está caindo aos poucos, a lama no período chuvoso e a poeira quase o ano todo. No início de 2018, Aparecida Ricardo, uma das proprietárias do carro que caiu no local, é quem aparece cobrando providências.

A reclamação se mantem por parte dos moradores e eles aguardam um parecer urgente da Prefeitura de Caratinga. Parte de rua, se é que pode ser chamada dessa forma, foi interditada com alguns pedaços de madeira, com o objetivo de evitar outros acidentes e prejuízos.

Ministério Público pede arquivamento de inquérito contra Neymar

Fernando Frazão / Agência Brasil 
Agência Brasil 

O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) pediu o arquivamento, por falta de provas, do inquérito sobre as acusações de estupro e agressão feitas pela modelo Najila de Souza contra o jogador Neymar Júnior. O arquivamento da investigação agora depende de uma decisão judicial da Vara de Violência Doméstica, que deve ser tomada em cinco dias.

“Decidimos pelo arquivamento do processo por não haver provas suficientes do que foi alegado pela vítima protegida. É importante deixar claro que o arquivamento do inquérito policial não implica em absolvição do acusado. Isso porque, com o arquivamento por falta de provas, o inquérito policial pode ser reaberto a qualquer momento, desde que surjam novas provas”, disse a promotora de Justiça Flávia Merlini, da área de Enfrentamento de Violência Doméstica.

De acordo com o MP-SP, os exames feitos pelo Instituto Médico Legado (IML) não apontaram nenhum tipo de lesão em Najila, com exceção de um ferimento no dedo. “O MP entendeu que a agressão narrada pela vítima fazia parte de um contexto. Das provas analisadas, não se apurou o que seria um crime [de agressão] a ser apurado à parte. Mesmo porque todos os laudos oficiais feitos pelo IML não constataram nenhuma lesão corporal na vítima, a não ser no dedo”, explicou a promotora.

Flávia Merlini ressaltou que a denúncia da modelo foi enfraquecida em razão de Najila não ter entregue à Justiça o aparelho celular no qual ela dizia ter provas do estupro. “Ela mencionou o tempo todo que as provas que tinha dos fatos que noticiou estavam nessas filmagens do celular dela, só que esse celular ela se negou a entregar em um primeiro momento e, num segundo momento, ela disse que tinha desaparecido”.

No último dia 29, a delegada Juliana Lopes Bussacos, titular da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, encerrou as investigações sobre as acusações de estupro e agressão feitas pela modelo Najila de Souza contra Neymar Júnior. A polícia decidiu não indiciar o jogador pelos supostos crimes.

Operação Caixa-Forte prende traficantes que atuavam em 4 estados

Arquivo / Agência Brasil 
Agência Brasil 

Uma força-tarefa formada pelas polícias Federal, Rodoviária Federal e Civil de Minas Gerais deflagrou hoje (9) a Operação Caixa-Forte. É para combater crimes de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, praticados em âmbito nacional.

A ação conta com a participação de 250 agentes públicos para cumprir 52 mandados de prisão preventiva, 48 mandados de busca e apreensão, 45 mandados de sequestro de valores/bloqueio de contas bancárias em 18 cidades e unidades prisionais de Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul.

Até o início da manhã, seis pessoas já tinham sido detidas. Expedidos pela Vara de Tóxicos de Belo Horizonte, os mandados foram cumpridos nos municípios mineiros de Uberaba e Conceição da Alagoas; em Campo Grande e Corumbá, em Mato Grosso do Sul; nos municípios paulistas de São Paulo, Ribeirão Preto, Itaquaquecetuba e Embu das Artes; e nas cidades paranaenses de Curitiba, Londrina, São José dos Pinhais, Almirante Tamandaré, Colombo, Fazenda Rio Grande, Goioerê, Mandirituba, Matinhos, Paranaguá, Pinhais e Piraquara.

Segundo nota divulgada pela Polícia Federal, os presos são investigados pelos crimes de tráfico de drogas, participação em organização criminosa e lavagem de dinheiro. As penas podem chegar a 33 anos de prisão.

Estrutura
Iniciadas em novembro de 2018, as investigações identificaram a existência de uma seção “rigidamente estruturada” dentro de uma facção chamada Geral do Progresso. Segundo a PF, o setor era responsável por gerenciar o tráfico de drogas, “distribuindo os entorpecentes que garantem o sustento da organização criminosa, bem como por orquestrar a lavagem de dinheiro dos valores oriundos dos crimes praticados”.

Ainda segundo os investigadores, “pessoas aparentemente estranhas ao grupo criminoso” tinham suas contas bancárias cooptadas com o objetivo de “ocultar e dissimular a natureza ilícita do montante movimentado”.

Nas contas, pequenas quantias eram depositadas de forma a evitar chamar a atenção de autoridades de controle de atividades financeiras (Coaf). Posteriormente, o dinheiro era transferido a outras contas ou mesmo sacado em terminais eletrônicos.

Quarenta e cinco contas bancárias já foram identificadas e bloqueadas pela Justiça, responsáveis por uma movimentação superior a R$ 7 milhões.

INSS cria estratégia para agilizar concessão de benefícios

Antonio Cruz / Agência Brasil 
Agência Brasil

A partir de hoje (9), o INSS começa a trabalhar mecanismos para tentar zerar a fila de espera por benefícios. A Estratégia Nacional de Atendimento Tempestivo (ENAT), criada a partir de uma resolução publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira, determina que unidades da Previdência Social e a administração geral do instituto comecem a investir em ações para otimizar a gestão, aumentar a produtividade e a eficiência na análise dos pedidos e na conclusão dos requerimentos de reconhecimento inicial de direitos.

A medida trata dos pedidos de reconhecimento inicial de direitos e prevê que estes sejam concluídos em até 45 dias a partir da entrada dos documentos pelos beneficiários. Apenas casos que tenham pendências de cumprimento de exigência por parte do segurado requerente estariam fora dessa exigência.

Diante da nova estratégia, tanto a Administração Central do INSS, quanto superintendências regionais, gerências e agências da Previdência Social serão obrigadas a reforçar quadros técnicos, logísticos e humanos, para assegurar, de forma permanente, o atendimento tempestivo aos segurados e beneficiários da Previdência Social.

Atualmente, o órgão tem milhões de pedidos aguardando uma decisão. Com a definição da celeridade da análise como regra definitiva, serão definidas metas de atendimento e monitoramento da eficiência e produtividade dos serviços prestados pelo instituto.

O presidente do INSS, Renato Vieira, chegou a sinalizar que até a dinâmica de trabalho poderia ser alterada para que os servidores passassem a ser remunerados a partir de controle de produtividade.

Pelo texto, o órgão também ficará obrigado a divulgar aos servidores, às unidades, aos órgãos de Controle externos e internos e à sociedade, periodicamente, os avanços obtidos com a implementação da estratégia e adotar providências necessárias para aumentar o volume de concessões automáticas de benefícios, com controle e segurança desses benefícios.

Para estimular a implementação do programa, ainda serão mapeadas boas práticas nacionais e internacionais e estimuladas medidas de gestão que contribuam para o aumento da eficiência da análise dos requerimentos de reconhecimento de direitos.

Judô brasileiro inicia o Pan com dois ouros

Washington Alves / COB / Divulgação
Agência Brasil

No primeiro dia de disputas do judô nos Jogos Pan-americanos de Lima o judô brasileiro trouxe duas medalhas douradas para casa. Outra modalidade na qual o Brasil ficou no lugar mais alto do pódio foi no atletismo, nos 400 metros com barreira.

Judô de ouro

Uma modalidade na qual o Brasil tem tradição de conquistar medalhas em pan-americanos é o judô. E não está sendo diferente em Lima. No primeiro dia de disputas da modalidade nesta edição do evento, a equipe brasileira conseguiu duas medalhas douradas.

A primeira conquista do dia veio com Renan Torres na categoria até 60 quilos. Estreante em Pans, o jovem de 20 anos venceu na decisão o equatoriano Lenin Preciado, que conquistou o título em Toronto em 2015.

Logo depois Larissa Pimenta conseguiu o seu ouro ao derrotar na decisão a mexicana Luz Olvera na categoria até 52 quilos.

Conquista no atletismo

O Brasil continua colecionando ouros foi no atletismo. Hoje a estrela foi Alisson Brendom, que venceu a prova dos 400 metros com barreiras. Em uma prova emocionante o brasileiro conseguiu alcançar a liderança apenas no final, ao saltar o último obstáculo. Ele completou a corrida com o tempo de 48s45.

Medalhas no remo

No primeiro dia de finais das provas de remo, o Brasil conquistou duas medalhas de bronze. No double Skiff, Uncas Tales e Lucas Verthein completaram os 2 mil metros da prova em 6min29s72. Eles ficaram atrás da dupla da Argentina, que alcançou o tempo de 6min25s16, e da de Cuba, com 6min27s43.

Já no quatro sem, Alef Fontoura, Fábio José Moreira, Gabriel Moraes e Willian Giaretton conseguiram o tempo de 6min10s67, atrás da Argentina (6min07s02) e de Cuba (6min09s53).

Bronze na luta livre
Outro terceiro lugar obtido por atleta brasileiro veio na categoria estilo livre da luta. Giulia Penalber conseguiu o bronze no feminino até 57 quilos após derrotar Paula Ramirez, da Nicaraguá.

Tropeço no vôlei

O ponto baixo do dia foi o tropeço da seleção feminina de vôlei diante da Argentina. O Brasil foi derrotado por 3 sets a 0. Como venceu Porto Rico na primeira rodada, agora precisa derrotar os EUA na próxima sexta para alcançar as semifinais.

Mais medalhas na natação

No final da noite de ontem, início do dia de hoje (8), o Brasil garantiu mais 6 medalhas na natação. O destaque aconteceu na prova masculina dos 200m livre, onde Fernando Scheffer foi ouro, com o tempo de 1min46s68, e Breno Correia foi prata, com o tempo de 1min47s47.

Outra prata veio no revezamento 4x100 misto. Os EUA completaram a prova em 3min24s84 e ficaram com o ouro. Já Larissa Oliveira, Etiene Medeiros, Marcelo Chierighini e Breno Correia conseguiram a marca de 3min25s97 para levarem a prata.

Além disso, conquistamos 3 bronzes: Vinícius Lanza (100m borboleta), Leonardo de Deus (200m costas) e Larissa Oliveira (200m livre).

Hoje, o Brasil ainda conquistou o ouro com Marcelo Chierighini, nos 100m livre, Larissa Oliveira ficou com o bronze nos 100m livre e Etiene Medeiros levou o bronze nos 100m costas.

Basquete feminino nas semifinais

O basquete feminino conquistou uma vaga nas semifinais como primeira do grupo após vencer o Paraguai por 81 a 37. Na semifinal amanhã (9), a seleção brasileira enfrenta as colombianas.

Classificação olímpica

Na vela, Fernanda Oliveira e Ana Barbachan, da classe 470, garantiram sua classificação para Tóquio 2020 como uma das 6 melhores duplas que ainda não tinham a vaga olímpica.

quinta-feira, 8 de agosto de 2019

Famílias reclamam de omissão 6 meses após incêndio no Ninho do Urubu

Reprodução / TV Globo
Metrópoles

Seis meses após um incêndio de grandes proporções nas instalações do Ninho do Urubu deixar dez atletas mortos e três feridos, a maioria das famílias das vítimas fatais ainda não foi indenizada pelo Flamengo e as negociações estão travadas. Por enquanto, o clube entrou em acordo só com os familiares de Athila Paixão e Gedson Santos, além do pai de Rykelmo Souza – a mãe do jogador segue sem acordo com a diretoria da equipe.

O Estado conversou com Rosana Souza, mãe de Rykelmo, e com as outras sete famílias que ainda não foram indenizadas. Pais e mães dos garotos divergem quanto à possibilidade de um acerto financeiro. Alguns estão otimistas em resolver a situação sem ir à Justiça, outros não veem dessa forma, como é o caso de Rosana, que já entrou com um processo judicial contra o clube. Um ponto, no entanto, une todos eles, conforme disseram ao Estado: a omissão e o descaso do clube na questão.

“O Flamengo está irredutível e as famílias estão indignadas com sua diretoria pela ausência total de diálogo. Estão se sentindo abandonados”, diz o defensor público do Estado do Rio de Janeiro, Rodrigo Pacheco.

Assim que as mortes foram confirmadas, a Defensoria Pública e o Ministério Público do Rio foram chamados pelo Flamengo para ajudar num acordo. O clube, porém, que paga ajuda mensal de custo de R$ 5 mil às famílias, não concordou com a proposta apresentada na ação coletiva e passou a negociar individualmente com cada uma delas. Estabelecendo parâmetro de indenização a partir de uma das famílias, o clube se fortaleceu para não negociar valores superiores com os demais. Valores não são revelados porque há uma cláusula de confidencialidade.

No momento, o defensor, que representa a família do lateral Samuel Rosa, garante que não há outra opção a não ser a via judicial. “O único caminho que temos é o do judiciário. É péssimo porque é uma ação que não vai durar menos de 10 anos”, lamenta Pacheco. À frente da Defensoria Pública, ele e o MP do Rio entraram com ação dias após a tragédia pedindo o bloqueio de R$ 57 milhões das contas do Flamengo, mas a Justiça ainda não deu uma resposta ao caso.

O principal motivo para que as negociações estejam emperradas é a espera pela resolução do inquérito da Polícia Civil que investiga os responsáveis pelo incêndio. Recentemente, o MP do Rio não denunciou os dez indiciados no caso, incluindo o ex-presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello, e solicitou que o inquérito retornasse à 42.ª DP do Recreio dos Bandeirantes para que as apurações fossem aprofundadas. O prazo estipulado pelo MP vence no início de setembro.

“O clube tem tratado o assunto com distância, sem intenção de resolver a questão”, afirma o advogado Henrique Wolff, que representa a mãe do volante Jorge Eduardo. De acordo com o advogado Alexandre Soares, defensor contratado pela mãe do zagueiro Arthur Vinícius, a diretoria do Flamengo não o procurou sequer para fazer uma oferta. “Caso não tenha acordo, a Justiça será o caminho”, diz.

Outro lado

Ao Estado, o vice-presidente geral e jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, afirmou que, após a tragédia, o presidente Rodolfo Landim colocou um staff grande à disposição das famílias, que os advogados do clube estão em contato direto com os representantes legais dos familiares e a proposta aceita por duas famílias e o pai de Rykelmo também foi apresentada para os representantes legais dos outros familiares.

Segundo Dunshee, “o passo inicial para que as conversas resultem num acordo é as pessoas entenderem que, embora o Flamengo seja responsável, ele não teve culpa e intenção de prejudicar ninguém”. Ele se mostrou otimista quanto à possibilidade de consenso entre as partes.

Galo segue treinando para enfrentar o Fluminense

Agência Galo / Divulgação
Atlético

O treino foi o primeiro visando ao jogo contra o Fluminense, pela 14ª rodada do Brasileirão. A partida será disputada às 21h deste sábado, na Arena Independência, onde o Galo segue invicto na temporada.

O meia Nathan destaca o crescimento da equipe: “É o treinamento. Nosso grupo encontrou um equilíbrio grande e, no dia a dia, tentamos absorver ao máximo o que o Rodrigo passa. Eu sabia que, aos poucos, as coisas iriam se ajeitar porque temos um grupo unido e muito qualificado. Agora, a gente chega forte no Brasileirão e na Sul-Americana também”, comenta.

O camisa 23 afirma que é grande a expectativa para conquistar títulos na atual temporada.

"Quando você veste uma camisa como a do Atlético, um clube de muita tradição, você chega e pensa em título. Estamos muito vivos no Brasileiro e na Sul-Americana também, vamos continuar focados nas duas competições e dar o máximo para conquistar um título esse ano”, diz.

Nathan conclui falando da alegria pelo gol e pela vitória no clássico do último domingo.

“Fico muito feliz pelas oportunidades que venho tendo e também pelo gol, mas o que mais importa, com toda certeza, é a vitória, ainda mais em um clássico. Isso nos dá ainda mais força para continuar bem no Brasileiro e chegar forte na Sul-Americana”.

Nesta quinta-feira, o treino será realizado novamente às 15h30, assim como na sexta-feira.

Lembra dele? Narrador que falou que ia na 'casa das meninas' depois de jogo é suspenso da TV

Diário On Line (Com informações do Meia Hora)


A Fox Sports decidiu suspender o narrador Marco de Vargas. A decisão se deu por conta da polêmica frase dita por ele, de que iria na "casa das meninas", após a transmissão de Grêmio x Libertad. As informações são do site "Notícias da TV".

Marco havia sido retirado da transmissão do jogo de volta entre as duas equipes, o que já indicava uma punição. Agora, o narrador deve ficar fora do ar pelos próximos 15 dias e passar por uma "reciclagem".

A brincadeira repercutiu mal entre a cúpula da emissora, principalmente pelo fato de a transmissão estar sendo feita para Facebook Watch. Relembre:


Cruzeiro aumenta jejuns: uma vitória em 18 jogos e oito partidas sem marcar gol

Vinnicius Silva / Cruzeiro / Divulgação
Hoje em Dia

Segue o calvário do Cruzeiro na temporada. A derrota por 1 a 0 pra Internacional, nessa quarta-feira (7), no Mineirão, no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil intensificou a crise no clube e aumentou dois incômodos jejuns que assolam a equipe celeste.

O revés para o Colorado fez com que o time estrelado chegasse a incrível marca de apenas uma vitória em 18 jogos.

A última vez em que a Raposa saiu de campo com um triunfo foi no dia 11 de julho, quando bateu o Atlético por 3 a 0, no Gigante da Pampulha, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil.

Desde então, somando partidas pelo Campeonato Brasileiro, Taça Libertadores e pela própria Copa do Brasil, são quatro derrotas e quatro empates.

O péssimo rendimento fez com que o Cruzeiro fosse eliminado da Libertadores, entrasse na zona de rebaixamento do Brasileirão e se complicasse na busca por uma vaga na decisão da Copa do Brasil.

Jejum de gols

A fase ruim do time dentro de campo é refletida pelo incrível jejum de gols vivido pela Raposa.

O confronto com o time gaúcho foi o oitavo seguido em que a equipe celeste não balançou as redes.

Mesmo com mudanças de esquema e de peças, o Cruzeiro segue com muitas dificuldades em criar oportunidades claras de gol.

A última vez em que o time balançou as redes foi justamente no duelo de idas das oitavas da Copa do Brasil contra o Atlético.

Eike Batista é preso novamente pela PF no Rio

Fernando Frazão / Agência Brasil 
Agência Brasil 

Agentes da Polícia Federal cumprem hoje (8) mandado de prisão do empresário Eike Batista. A ação é parte da Operação Segredo de Midas, deflagrada na manhã de hoje (8), como desdobramento da Lava Jato no Rio de Janeiro. O pedido de prisão foi expedido pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal.

Condenado a 30 anos por corrupção ativa e lavagem de dinheiro, o empresário foi preso em janeiro de 2017. Três meses depois, o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que Eike cumprisse a pena em casa.

Na operação de hoje, a Polícia Federal também cumpre mandado de prisão contra outra pessoa ligada a Eike, além de quatro mandados de busca e apreensão. Segundo a PF, o objetivo é buscar provas sobre manipulação de capitais e lavagem de dinheiro.

Minas tem 51 casos de sarampo em investigação; quase 4 milhões de mineiros não são vacinados

Hoje em Dia

Minas Gerais investiga 51 casos prováveis de sarampo neste ano; quatro pessoas já tiveram diagnóstico confirmado para a doença. Os dados são do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), nesta quarta-feira (9), que apontou 190 notificações de sarampo em 73 municípios neste ano. Porém, exames laboratoriais indicaram que 135 desses casos (71%) foram descartados para a doença.

A secretaria reforça a importância da aplicação de duas doses de vacina tríplice viral em toda a população, já que atualmente o país enfrenta surtos de sarampo em São Paulo, Rio de Janeiro e Pará. Além disso, alguns casos isolados foram identificados em Santa Catarina, Amazonas e Roraima.

De acordo a secretaria, Minas apresenta cobertura de 74,14% em pessoas com uma dose da tríplice viral - levando-se em conta dados de 1997 a fevereiro de 2019. A faixa de idade com maior cobertura é a de 1 ano, com 98,31%. Já a faixa de idade de 40 a 49 anos apresenta a menor cobertura, com 39,57%. Estima-se que, no Estado, mais de 3,92 milhões pessoas entre 1 e 49 anos de idade ainda não foram vacinadas com uma dose contra o sarampo.

Já com relação à segunda dose, a cobertura vacinal cai para 41,43%. Nesse caso, a faixa de idade com maior cobertura é a de 1 ano de idade, com 81,51% e a faixa com menor é a de 20 a 29 anos, com cobertura de 3,74%. Já a estimativa de não vacinados no Estado de Minas Gerais sem duas doses da vacina dentro da faixa de idade de 1 a 29 anos de idade é de 5.476.932 pessoas. Importante lembrar que a segunda dose é fundamental para garantir a imunidade para a doença.

Veja como é o esquema vacinal para quem ainda não foi imunizado contra o sarampo:

SES / Divulgação
Indivíduos de 2 a 29 anos, caso não tenham nenhum registro de dose da vacina tríplice ou tetraviral, deverão receber duas doses com intervalo de no mínimo 30 dias da primeira dose. Gestantes com até 29 anos, caso não tenham nenhum registro de dose da vacina tríplice ou tetraviral, deverão receber no pós-parto duas doses com intervalo de no mínimo 30 dias da primeira dose (a vacina não pode ser aplicada em mulheres grávidas).

Pessoas de 30 a 49 anos, caso não tenham nenhum registro de dose da vacina tríplice ou tetraviral, deverão receber apenas uma dose.

Vacina para bebês

A situação em alguns locais do país é tão preocupante que o Ministério da Saúde fez um alerta aos pais, mães e responsáveis que vão viajar com os filhos de seis meses a menores de um ano de idade para 43 municípios em situação de surto ativo do sarampo no país. A recomendação é que todas essas crianças, nesta faixa etária, sejam vacinadas contra a doença, no período mínimo de 15 dias, antes da data prevista para a viagem.

A chamada “dose zero” não substitui e não será considerada válida para fins do calendário nacional de vacinação da criança. Assim, além dessa dose que está sendo aplicada agora, os pais e responsáveis devem levar os filhos para tomar a vacina tríplice viral (D1) aos 12 meses de idade (1ª dose); e aos 15 meses (2ªdose) para tomar a vacina tetra viral ou a tríplice viral + varicela.

Mesmo com o avanço do sarampo no Brasil, o Ministério da Saúde adiou a chamada Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação da Criança e do Adolescente, que acontece todo ano e estava prevista para o período de 5 a 23 de agosto deste ano.

O motivo, segundo o órgão, foi a reprovação no teste do Instituto Nacional Controle Qualidade em Saúde (INCQS) de lote de vacinas pentavalente do laboratório indiano, Biologicals E. Limited. "A fim de manter a regularidade dos estoques nacionais e ofertar a pentavalente em tempo hábil à população, técnicos do MS se reuniram com representantes da Organização Pan americana de Saúde (Opas) para definição de novas entregas ao Brasil”, explicou.

A doença

O sarampo é uma doença viral, infecciosa aguda, grave, transmissível, altamente contagiosa e comum na infância. A doença começa inicialmente com febre, exantema (manchas avermelhadas que se distribuem de forma homogênea pelo corpo), sintomas respiratórios e oculares.

No quadro clínico clássico, as manifestações incluem tosse, coriza, rinorreia (rinite aguda), conjuntivite (olhos avermelhados), fotofobia (aversão à luz) e manchas de koplik (pequenos pontos esbranquiçados presentes na mucosa oral). A evolução da doença pode originar complicações infecciosas com amigdalites (mais comum em adultos), otites (mais comum em crianças), sinusites, encefalites e pneumonia, que podem levar a óbito.

Cruzeiro volta a jogar mal, perde para o Inter no Mineirão e se complica na Copa do Brasil

Vinnicius Silva / Cruzeiro / Divulgação
Hoje em Dia

O Cruzeiro segue em péssima fase na temporada. Jogando no Mineirão, o time celeste perdeu por 1 a 0 para o Internacional, nessa quarta-feira (7), no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil.

Pior que o resultado, que complica a vida da Raposa na luta por uma vaga na final, foi o futebol apresentado pela equipe.

Novamente os comandados Mano Menezes tiveram muitas dificuldades para criar jogadas ofensivas, principalmente diante da bem postada defesa do Internacional.

Além da falta de criatividade e da falta de poderio ofensivo, o Cruzeiro ainda viu a defesa falhar em um lance crucial. Aos 30 minutos, depois de Fábio fazer uma grande defesa em cobrança de falta de Guerrero, os defensores celeste marcaram bobeira e viram Edenílson aparecer sozinho para empurrar para as redes.

Foi o oitavo consecutivo em que a Raposa não marca gols. Pior, o time estrelado aumentou a incômoda marca de apenas uma vitória nos últimos 18 jogos.

As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 4 de setembro, no Beira-Rio, em Porto Alegre, para decidir quem avança à decisão da Copa do Brasil.

Antes, o Cruzeiro volta o foco para o Campeonato Brasileiro, onde também vive situação delicada. No domingo, a equipe celeste enfrenta o Avaí, às 16h, na Resscada, em Florianópolis, pela 14ª rodada do torneio.

O jogo

Precisando da uma resposta para o seu torcedor, que compareceu em bom número ao Mineirão mesmo com a má fase do time, o Cruzeiro iniciou a partida tentando assumir as principais ações ofensivas da partida.

Entretanto, assim como nos últimos jogos, a Raposa encontrou muitas dificuldade em propor o jogo, especialmente diante da bem armada defesa do Internacional.

Muito pegado no meio campo, o primeiro tempo ofereceu poucas oportunidades de gol para as duas equipes.

Do lado da equipe celeste, o atacante Sassá, que voltou a ser titular depois de um longo período no banco de reservas, foi o mais perigoso. O camisa 99 finalizou duas bolas em direção ao gol de Lomba, mas estava desequilibrado e errou o alvo.

Pelo Colorado, a melhor oportunidade veio só aos 42 minutos. Uendel tabelou com Guerrero e cruzou para Edenilson. Antes que a bola chegasse ao volante do Inter, Dodô fez o corte, salvando o Cruzeiro.

Segundo tempo

Logo no primeiro minuto do segundo tempo o Cruzeiro teve a chance de abrir o placar. Pedro Rocha avançou pelo meio e serviu Thiago Neves, que, de frente para o gol, chutou sem direção.

A segunda oportunidade da Raposa veio aos 13 minutos Henrique arriscou de fora da área, de muito longe, e Marcelo Lomba encaixou.

Entretanto, apesar da disposição e da entrega das equipes, o jogo seguiu muito pegado, com poucos espaços para os ataques das duas equipes.

O Inter demorou a chegar ao ataque com perigo, mas quando chegou, teve duas chances claríssimas de gol.

Na primeira delas, aos 25 minutos, Wellington Silva tabelou com Edenílson, invadiu a área e bateu para grande defesa de Fábio.

No lance seguinte, Wellington fez jogada individual pela esquerda e serviu Guerrero, que desviou para nova intervenção do goleiro celeste.

Aos 30 minutos, não teve jeito. Guerrero cobrou falta próxima a pequena área no ângulo, Fabio fez outra grande defesa, mas no rebote Edenílson empurrou para as redes.

Nos minutos finais, o Cruzeiro tentou pressionar o Inter, mas sem sucesso. Sem acertar um único arremate no gol de Lomba, a Raposa cai novamente no Mineirão.

FICHA DO JOGO

Cruzeiro 0 x 1 Internacional

Motivo: Jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil

Local: Mineirão

Arbitragem: Luzi Flávio de Oliveira, auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse e Danilo Ricardo Simon Manins, todos de São Paulo

VAR: Braulio da Silva Machado, de Santa Catarina

Cartões amarelos: Dedé (Cruzeiro); Rafael Sóbis (Internacional)

Gols: Edenílson, aos 30 minutos do segundo tempo

Público:

Renda:

CRUZEIRO

Fábio; Orejuela, Dedé, Léo e Egídio; Henrique e Ariel Cabral (Mauricio); Robinho (Marquinhos Gabriel), Thiago Neves e Pedro Rocha; Sassá (Fred). Técnico: Mano Menezes

INTERNACIONAL

Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson (Nonato) e Patrick; Rafael Sóbis (Sarrafiore), Nico Lopez (Wellington Silva) e Paolo Guerrero. Técnico: Odair Hellman

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

STF suspende transferência de Lula para presídio em São Paulo

Nelson Jr./SCO/STF
Agência Brasil 

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (7) suspender a decisão da Justiça Federal que autorizou a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o presídio de Tremembé, em São Paulo.

Seguindo voto do relator do caso, ministro Edson Fachin, a maioria do ministros decidiu que Lula deve continuar preso na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba até a decisão definitiva do caso pela Segunda Turma da Corte, colegiado responsável por julgar os casos da Operação Lava Jato.

Mais cedo, a defesa de Lula pediu ao STF para anular a decisão do juiz Paulo Eduardo de Almeida, da Justiça estadual de São Paulo, que determinou que o ex-presidente seja levado para a Penitenciária 2 de Tremembé, no interior paulista, após a Justiça Federal do Paraná ter autorizado a transferência. Os advogados também queriam manter a prisão de Lula em uma sala especial da Polícia Federal (PF) em Curitiba, pedido que foi aceito liminarmente pela Corte. A liberdade de Lula também foi solicitada, mas não chegou a ser analisada pelo plenário.

O pedido de transferência foi feito pela PF. Segundo a corporação, a saída de Lula da carceragem da superintendência é necessária para reduzir gastos e uso de efetivo a fim de garantir a segurança do local, "bem como devolvendo à região a tranquilidade e livre circulação para moradores e cidadãos que buscam serviços prestados pela Polícia Federal."

Desde abril do ano passado, Lula cumpre provisoriamente, na Superintendência da Polícia Federal no Paraná, pena de oito anos, 10 meses e 20 dias por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá (SP).

Deputados

O presidente do STF, ministro Dias Toffoli, recebeu nesta tarde cerca de 100 deputados federais, que foram à Suprema Corte tratar da situação do ex-presidente Lula. “À Justiça cabe decidir de acordo com a Constituição e as leis. Acabou de dar entrada um pedido aqui que será analisado da maneira mais rápida e urgente possível, e penso que ainda hoje haverá alguma decisão. O sentido dessa decisão não sei o que será, mas com certeza haverá uma decisão ainda hoje. Era isso que eu queria dizer”, disse Toffoli ao final do encontro.

O ministro afirmou que foi surpreendido ao receber diversas lideranças partidárias. “Não lembro de ter havido momento desse, de tantos parlamentares e lideranças com visões diferentes da política e da sociedade estando aqui”, disse Toffoli.

A ida dos parlamentares ao STF paralisou a apreciação de destaque da reforma da Previdência no plenário da Câmara.

Com ouro na natação, Brasil reassume vice-liderança de medalhas no Pan

Jonne Roriz / COB
Agência Brasil

Uma semana depois de encerrar a participação no Mundial de Esportes Aquáticos de Gwangju, na Coréia do Sul, com sete medalhas, a natação brasileira estreou com força total no primeiro dia da modalidade no Pan de Lima. Foram aos todo seis medalhas no centro aquático da capital peruana: três de ouro (João Gomes, Leonardo de Deus e equipe masculina), duas pratas (Fernando Scheffer e equipe feminina) e um bronze (Luiz Altamir). Com tantos triunfos, o Brasil voltou a ocupar a vice-liderança com 89 medalhas (27 ouros, 22 pratas, e 40 bronzes). O primeiro lugar permanece com os Estados Unidos, que soma 158 medalhas (63 ouros, 51 pratas, e 44 bronzes).

O capixaba João Gomes, de 33 anos, estreante nos Jogos Pan-Americanos, foi o primeiro a subir no lugar mais alto do pódio: veterano, ele faturou o ouro ao vencer a prova de 100m peito ao concluir em 59seg51. A prata e o bronze, respectivamente, ficaram com os norte-americanos Cody Miller (59seg57) e Kevin Cordes (1m00seg36). A conquista teve um sabor especial para o capixaba João Gomes, que não pode competir no último Pan, em Toronto, devido a um caso positivo de doping.

O Brasil também dominou a prova do revezamento 4x100m masculino, com direito a recorde pan-americano e o hexacampeonato. A equipe formada por Breno Correia, Marcelo Chierighini, Bruno Fratus e Pedro Spajari completaram a prova em 3m12s61. Os Estados Unidos foram prata com a marca de 3min14seg49 e o México levou o bronze, com 3m17seg70. Foi o sexto título seguido no Brasil no revezamento em Jogos Pan-Americanos, e Bruno Fratus também esteve presente nas conquistas de 2011e 2015.

Esta madrugada foi dourada para o sul-mato-grossense Leonardo de Deus: ele se tornou tricampeão consecutivo da prova dos 200m estilo borboleta. O brasileiro chegou em primeiro lugar (1m55seg86),deixando para trás o norte-americano Samuel Pomajevich (1m57seg35) e o colombiano Jonhatan Gomez (1m57seg75) .

Outro destaque foi a equipe feminina no revezamento 4x100m livre. Etiene Medeiros, Larissa Martins de Oliveira, Manuella Lyrio e Daynara de Paula asseguraram a prata com o tempo de 3m40seg39, atrás equipe norte-americana (3m39seg59) , que faturou o título. O bronze ficou com a equipe do Canadá (3m41s01).

E fechando a madrugada, faltou pouco para o brasileiro Fernando Scheffer levar o ouro na prova dos 400m livre masculino. O gaúcho liderou boa parte da disputa, mas nos 100m finais, foi superado pelo norte-americano Adrew Abruzzo (3m48seg41). Scheffer chegou em segundo lugar (3m49seg60), e Luiz Altamir Melo,natural de Roraima, ficou com o bronze (3m49seg91).

Primeiro ouro no Tênis de Mesa

Na disputa de duplas masculinas, deu Brasil contra a Argentina: 4 a 2, depois de um confronto emocionante. Do lado verde e amarelo estava o número seis do mundo, o carioca Hugo Calderano, e o paulista Gustavo Tsuboi, atual 32º no ranking mundial. Do lado dos hermanos, Gaston Alto (atual 176º) e Horácio Cifuentes (91º).

A dupla brasileira saiu na frente, vencendo com tranquilidade o primeiro set, mas foi atropelada no início da parcial seguinte: os argentinos chegaram a abrir 8 x0 de vantagem. Os brasileiros correram atrás, e até conseguiram empatar em 12 a 12, mas foram os argentinos que fecharam o set, e igualaram o placar 1 x 1. Confiante, a dupla argentina também levou o set seguinte, e virou o placar: 1x2 para os hermanos. O time verde e amarelo reagiu, e arrancou o empate: 2x2. O quinto set, foi um dos mais acirrados, mas Calderano e Tsuboi levaram a melhor e passaram a frente no placar: 3x2. A definição da partida veio nos pontos finais do sexto set, com ataques precisos de Calderano e Tsuboi: os brasileiros fecharam na frente por 12 a 10 e sacramentaram a vitória por 4 sets a 2, que garantiu o título e a medalha de ouro.

Chances de medalhas nesta quarta
O segundo dia de provas de pista do Atletismo – ontem o Brasil conquistou um ouro e dois bronzes – promete muita emoção. As disputas começam a partir das 16h. Entre os brasileiros estão Paulo Andre e Rodrigo Nascimento na disputa dos 100m rasos. No arremeso do peso, o catarinense Darlan Romanio é favorito a levar o ouro.

Nas provas de natação, à tarde, o gaúcho Fernando Scheffer e o baiano Breno Correia têm grandes chances de medalhas nos 200m estilo livre.

Na esgrima, a campeã mundial Nathalie Moelhoussen é favorita na espada.

Justiça firma pacto para combater violência contra mulheres

Marcelo Camargo / Agência Brasil 
Agência Brasil 

Em meio à comemorações dos 13 anos da Lei Maria da Penha, que endureceu as punições para crimes de violência doméstica ou familiar, o Ministério da Justiça e mais 10 órgãos assinaram o Pacto pela Implementação de Políticas Públicas de Prevenção e Combate à Violência contra Mulheres. A ideia é ampliar a articulação do Poder Público visando a políticas que evitem esse tipo de prática.

“Muitas vezes, se diz que são necessárias políticas de proteção à mulher porque, dizem, elas são vulneráveis. Mas isso não é verdade, porque elas são mais fortes e melhores do que os homens. Por que são melhores do que nós? Talvez porque nós, homens, somos intimidados e, por conta dessa intimidação, nós, homens, recorremos à violência para firmar uma pretensa superioridade que não existe”, disse, em discurso, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. “Mulheres são melhores, mas precisam de proteção maior, até por essa condição”, completou.

Também presente no evento, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, disse que sua expectativa é que o pacto resulte em ações concretas. “Não podemos aceitar que o ódio e a violência criem raízes na nossa sociedade”, afirmou.

Citando a escritora Clarice Lispector, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, falou sobre a luta histórica das mulheres pelos próprios direitos políticos e civis. “Liberdade é pouco. O que queremos ainda não tem nome”, disse. “Sim, liberdade é pouco. O que queremos é dignidade”, completou.

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, apresentou dados de 2018, do Disque 180, segundo os quais foram contabilizadas 92 mil denúncias de violência contra a mulher. Neste ano, já houve 42 mil registros, informou a ministra.

“Mas tenho um recado para os agressores: acabou a palhaçada no Brasil! Estamos todos unidos contra a violência contra a mulher”, disse Damares Alves.

Com dois gols de atacante que voltou após estar no estaleiro: LDU vence o Cachoeiro

Leverci marcou duas vezes 
A equipe do LDU, de Timóteo, bateu o Cachoeiro, em duelo amistoso, por 3 a 2, com destaque para o atacante Leverci.

Depois de um bom tempo no estaleiro (2 meses) se recuperando, o jogador deixou a sua marca em duas oportunidades e ajudou a equipe a deixar o campo com o resultado positivo no último final de semana.

Além de Leverci, Junio também marcou complementando em favor da equipe do LDU.

O time de Timóteo que manda seus jogos no campo do Cachoeirinha e seus compromissos são nas tardes de sábado.

EC 600 surpreende o Minas em amistoso realizado em São Pedro dos Ferros

Divulgação
Em São Pedro dos Ferros, em partida amistosa, o EC 600 surpreendeu os donos da casa (Minas), vencendo pelo placar de 4 a 2.

Liminar e Arthur Ferreira anotaram os gols do time mandante (Minas).

Fafá (2), Joãozinho e Ronaldão marcaram em favor do EC 600.

Definida a escala de arbitragem da 1ª rodada do Campeonato Amador de Belo Oriente 2019

Futblog do Sorriso 
O Campeonato Amador de Belo Oriente começa no próximo domingo (11). Foi definida a arbitragem da primeira rodada da competição. Pela manhã, 10h10, duas partidas. Talismã x Oriente e Fundão x Cachoeiro. Na parte da tarde, 15h10, outros dois jogos serão realizados, sendo JUNAF x Santa Tereza e Braúnas x Vila Bráz. O Unidos folga na rodada. 

Os jogos e a arbitragem:

Talismã x Oriente
10h10 - Cachoeira Escura
Árbitro: Fábio Gomes Pacífico
Assistentes: Geraldo da Silva Sá e Reinaldo Aprígio
Quarto árbitro: Vanderli Quintino Bastos
Delegado: Natalino
Todos da AAVA (Associação de Árbitros do Vale do Aço)

Fundão x Cachoeiro
10h10 - Córrego Fundo
Árbitro: Célio Roberto Silva
Assistentes: Hermeson Alves Torres e Wanderson Ferreira Horácio
Delegada: Ana Carolina
Todos da AAVA (Associação de Árbitros do Vale do Aço)

JUNAF x Santa Tereza
15h10 - Bom Jesus do Bagre
Árbitro: Célio Roberto Silva
Assistentes: Hermeson Alves Torres e Wanderson Ferreira Horácio
Delegada: Ana Carolina
Todos da AAVA (Associação de Árbitros do Vale do Aço)

Braúnas x Vila Bráz
15h10 - São Sebastião de Braúnas
Árbitro: Fábio Gomes Pacífico
Assistentes: Geraldo da Silva Sá e Reinaldo Aprígio
Quarto árbitro: Vanderli Quintino Bastos
Delegado: Natalino
Todos da AAVA (Associação de Árbitros do Vale do Aço)

Em fuga, bando integrado por cadeirante atira em helicóptero da PMDF

PCDF / Divulgação
Metrópoles

Imagens de câmeras de segurança obtidas pelo Metrópoles mostram como a quadrilha, suspeita de roubar pelo menos 10 residências em várias regiões administrativas, agia no Distrito Federal. O grupo, que tinha o apoio de um cadeirante, foi desarticulado pela Divisão de Repressão a Roubos e Furtos (DRF) da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) na manhã desta quarta-feira (07/08/2019). Em um dos roubos, eles chegaram a abrir fogo contra um helicóptero da PM.

Em um vídeo gravado no Gama, na manhã do dia 28 de março, os ladrões invadem uma casa e rendem um rapaz e seu pai, quando ambos estavam do lado de fora do imóvel. O idoso chega a passar mal, colocando a mão no peito. Integrantes da quadrilha rendem os dois, os forçam a entrar na casa e fogem levando uma televisão.

Em todas as ações, os criminosos sempre contavam com a participação de um carro de apoio, usado para o bando escapar do local antes da chegada da polícia. Ao volante, um cadeirante, que tinha o veículo adaptado. Ele está entre os cinco presos nesta quarta. A PCDF procura mais três suspeitos no âmbito da Operação Black Onix.

Casal morre ao cair de ponte de 15 metros enquanto se beijava, veja vídeo

Estado de Minas

Um casal morreu ao cair de uma altura de 15 metros enquanto se abraçava e se beijava na grade uma ponte. Os dois pararam no local após sair de uma boate, na madrugada do último sábado, 3. O acidente aconteceu em Cusco, no Peru.

A mulher Maybeth Espinoza Flores, de 34, se sentou na grade da ponte e, com as pernas, abraçou a cintura de Hector Yulino Vidal López de 36. Os dois perderam o equilíbrio e caíram.

De acordo com informações da emissora local Canal N, Maybeth e Hector foram socorridos, mas já chegaram mortos no hospital.


Em grande jogo, América bate o Londrina por 4 a 3, vence a primeira em casa e deixa o Z-4

Mourão Panda / América / Divulgação
Hoje em Dia

Para lavar a alma. Em um grande jogo, o América venceu o Londrina por 4 a 3, nessa terça-feira (6), no Independência e conseguiu seu primeiro triunfo dentro de casa no Campeonato Brasileiro da Série B.

De quebra, o Coelho chegou aos 14 pontos, subiu para a 16ª colocação e agora vai secar os rivais no encerramento da rodada para se manter fora da zona de rebaixamento.

Os gols da equipe alviverde foram marcados por Júnior Viçosa (duas vezes), Paulão e Zé Ricardo. O time paranaense descontou com Anderson Leite, Paulinho Moccelin e Willian Maranhão, que fez contra.

A vitória no Horto comprova o bom momento do América na Série B. Os comandados de Felipe Conceição conquistaram sete dos último nove pontos em disputa e mostram que o Coelho tem potencial para deixar a parte debaixo da tabela.

O próximo compromisso do Alviverde no Brasileiro será no dia 17 agosto, novamente no Horto, contra o Cuiabá, pela 16ª rodada da competição.

Já o Londrina volta a campo um dia antes, para enfrentar o Criciúma, no estádio do Café, no Paraná.

Heróis improváveis

Antes da euforia pelo triunfo, fundamental para as pretensões da equipe no torneio, o América teve que suar muito, superar falhas individuais, coletivas e contar com a estrela de improváveis heróis nessa terça-feira.

O prenúncio de que a noite seria repleta cheia de emoções para o torcedor americano veio logo aos 11 minutos de jogo.

Zé Ricardo perdeu uma bola no meio campo e viu o contra-ataque do Londrina terminar com o gol de Anderson Leite.

Depois de muito batalhar, o Coelho chegou ao empate aos 47 minutos do primeiro tempo com Paulão, de cabeça, após cruzamento de João Paulo pela direita.

Entretanto, no lance seguinte, o último da primeira etapa, o Tubarão marcou o segundo após uma infelicidade de Willian Maranhão, que desviou contra a própria meta, depois de um bate-rebate na área.

O Coelho chegou ao empate com Júnior Viçosa, que converteu pênalti sofrido por ele mesmo, aos oito minutos da segunda etapa.

A virada veio novamente dos pés de Viçosa, que não marcava desde o Campeonato Mineiro, chegou a treinar em separado do elenco recentemente e só ganhou a oportunidade de iniciar jogando, nessa terça, em função de uma lesão do titular Jonatas Belusso.

Depois de nova jogada de Berola pela direita, o camisa 33 cabeceou firme, na segunda trave, para desempatar.

Todavia, novamente a alegria do América durou pouco. Na saída de bola, a defesa alviverde deu bobeira, e Paulinho Mocaccin saiu de frente para Jori para empatar novamente.

Quando o nervosismo tomava conta dos jogadores de ambas as equipes e a igualdade no marcador parecia certa, Zé Ricardo apareceu novamente.

Dessa vez, para ajudar o Coelho. O camisa 5 do Alviverde apareceu como elemento surpresa na entrada da área, recebeu passe de Matheusinho e, de bico, bateu para marcar seu primeiro gol como profissional. E que gol importante!

FICHA DO JOGO

Motivo: 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B

Estádio: Independência

Arbitragem: Pathrice Wallace Corrêa Maia, auxiliado por Thiago Henrique Neto Correa Farinha e Thiago Rosa (todos do Rio).

Gols: Paulão, aos 47 minutos do primeiro tempo, Júnior Viçosa, aos oito e 28 minutos do segundo tempo e Zé Ricardo, aos 39 minutos do segundo tempo, para o América; Anderson Leite, aos 11 minutos do primeiro tempo, Willian Maranhão (contra), aos 49 minutos do primeiro tempo e Paulinho Moccelin, aos 29 minutos do segundo tempo para o Londrina.

Cartões amarelos: Pedrão, Sávio e Júnior Viçosa (América); Anderson Leite, Augurso, Bruno Paulista e Paulinho Moccelin e França (Londrina)

Cartão vermelho: Bruno Paulista (Londrina)

Público: 1.329

Renda: R$ 7.996,00

América

Jori; Diogo Ferreira, Paulão, Pedrão e João Paulo (Sávio); William Maranhão, Juninho, Zé Ricardo e Matheusinho; Felipe Azevedo (Neto Berola) e Júnior Viçosa (Luiz Fernando). Técnico: Felipe Conceição

Londrina

Matheus Albino; Raí Ramos, Marcondes (Sílvio), Augusto e Breno; Anderson Leite (França), Denner (Bruno Paulista) e Higor Leite; Paulinho Moccelin, Safira e Anderson Oliveira. Técnico: Alemão