sábado, 3 de agosto de 2019

Guia do Campeonato Amador de Belo Oriente 2019: os clubes, campeões da história, raio-x e muito mais

Guia do campeonato com um super raio-x
O Campeonato Amador de Belo Oriente 2019 chega com tudo. O FUTBLOG DO SORRISO - A maior mídia esportiva e informativa da região e uma das maiores do Brasil no seguimento futebol varzeano trás aos seus milhões de leitores um super GUIA DO CAMPEONATO AMADOR DE BELO ORIENTE 2019.

O Guia é mais uma coisa inédita mostrada pelo FUTBLOG DO SORRISO, que ao longo dos anos, cobre a competição por inteiro e de forma EXCLUSIVA. A competição é organizada pela Liga de Desportos de Belo Oriente, que tem o apoio em especial da Prefeitura Municipal, atualmente administrada por Hamilton Rômulo.

Serão 9 clubes correndo atrás da bola. O Campeonato Amador Belo-orientino é tradição. Um dos mais disputados campeonatos de várzea do Colar Metropolitano do Vale do Aço. Todo mundo quer jogar a competição devido seu prestígio de anos e credibilidade conquistada. A LDBO (Liga de Desportos de Belo Oriente) foi fundada em 1990. O atual presidente da entidade é Fernando Martins Hermógenes. A Liga conta ainda com os relevantes serviços prestados ao longo dos anos pela secretária Cida Carvalho.

Vale ressaltar que, ao longo dos anos, a Liga de Desportos tem formado um grupo de amantes do esporte para fazer a composição da mesa do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva). O Tribunal que é presidido por João Godoi - um grande amante da bola. O primeiro time a ter levantado a taça de campeão (1990) foi o Braúnas, que inclusive é o maior campeão do Amador de Belo Oriente, tendo ganho três vezes. A última edição realizada foi em 2017, quando o Milan, de São Sebastião de Braúnas, ficou com a taça pela primeira vez em sua história. Foram pelo menos 15 campeões diferentes ao longo destes 29 anos de bola rolando pelos gramados de Belo Oriente.

Ao longo da história, muita comemoração, lances polêmicos, golaços, grandes defesas, grandes nomes que passaram pelo campeonato local, entre várias outras coisas. Um dos primeiros jogos da história do Amador em Belo Oriente aconteceu entre Unidos (Cachoeira Escura) e Bom Jardim (Bom Jardim) - esse último clube, infelizmente, não está em atividade mais. Naquele jogo teve vitória do Unidos pelo placar de 2 a 1, atuando na casa do adversário. Passou-se os anos, até chegar na temporada 2013, sendo um ano que entraria para a história do futebol amador local e regional, com cobertura "in loco"de jogos e jogos por parte de um órgão de imprensa (FUTBLOG DO SORRISO). Algo inédito.

O Campeonato Amador de Belo Oriente tomou uma nova cara a partir de então, sendo mostrado aos quatro cantos do planeta por meio de matérias EXCLUSIVAS. Nesta temporada 2019 não será diferente e com muito mais novidades ainda. De forma inédita (pela primeira vez na história), o Campeonato Amador de Belo Oriente terá jogos transmitidos AO VIVO em áudio e vídeo em sua TELA. Pois bem, iremos trazer uma série de coisas na sequência do Guia: tabelas, raio-x dos clubes desta temporada 2019 (um por um), a arbitragem, os campos, o que foi acordado em reunião com relação ao regulamento (a final mesma tem novidades), entre outras coisas.

ACORDADO EM REUNIÃO

Foi aprovado em votação 25 jogadores por clube. Sobre jogadores de fora do município, cada clube poderá inscrever 5 jogadores, dentre os 25 atletas conforme o acordo entre os clubes. Dos 5 atletas de fora, apenas 3 poderá assinar súmula em determinada partida. Outra questão levantada no Arbitral Final foi sobre reversão de atletas.

O jogador que assinar com um determinado clube fica impossibilitado de se transferir para outro conforme antes ocorria (modelo da temporada passada). Com relação a taxa de inscrição de atletas, ficou acordado entre os clubes e a Liga de Desportos de Belo Oriente, o valor de R$ 5,00. Entre outros pontos colocados, caso chegue dois times da mesma praça na grande final, a decisão será em jogo único (exemplo: dois times da Sede Belo Oriente ou dois times de Cachoeira Escura...). Será final em jogo único caso isso ocorra. Se chegar na decisão duas equipes de praças distintas (exemplo: Belo Oriente e Braúnas; Bom Jesus do Bagre e Cachoeira Escura...) a final será em duas partidas. O Campeonato Amador de Belo Oriente tem como atual campeão (2017) o Milan, de São Sebastião de Braúnas. O clube não participará da competição em 2019.

Serão 9 equipes participantes nesta temporada 2019, sendo elas: Oriente (Belo Oriente/Sede), Santa Tereza (Belo Oriente/Sede), JUNAF (Bom Jesus do Bagre), Cachoeiro (Cachoeira Escura), Talismã (Cachoeira Escura), Unidos (Cachoeira Escura), Vila Bráz (Comunidade da Vila Bráz/Belo Oriente), Braúnas (São Sebastião de Braúnas) e Fundão (Córrego Fundo).

ARBITRAGEM DO CAMPEONATO 2019


Divulgação / AAVA
AAVA

A arbitragem da competição ficará a cargo da Associação de Árbitros do Vale do Aço (AAVA), presidida pelo árbitro Deivson Mendel.


CAMPOS ONDE CADA CLUBE MANDARÁ SEUS JOGOS

Menezão (Sede/Belo Oriente) - Oriente e Santa Tereza

Estádio Menezão - Sede/Belo Oriente

Jurandir Ferreira (Cachoeira Escura) - Talismã, Unidos e Cachoeiro

Estádio Jurandir Ferreira - Cachoeira Escura


Aluvaeira (Sede/Belo Oriente) - Vila Bráz

Campo do Aluvaeira - Belo Oriente 


Córrego Fundo - Fundão

Campo de Córrego Fundo 


Arena Braúnas (São Sebastião de Braúnas) - Braúnas

Arena de São Sebastião de Braúnas 


Bom Jesus do Bagre - JUNAF

Campo de Bom Jesus do Bagre 


TODOS OS CAMPEÕES DA HISTÓRIA DO CAMPEONATO AMADOR DE BELO ORIENTE

1990 - Braúnas - São Sebastião de Braúnas (Distrito)

1991 - JUD - Cachoeira Escura (Distrito de Belo Oriente)

1992 - JUD - Cachoeira Escura (Distrito de Belo Oriente)

1993 - JUNAF - Bom Jesus do Bagre (Distrito de Belo Oriente)

1994 - Açucenense - Açucena (Cidade/Sede)

1995 - Oriente - Belo Oriente (Cidade/Sede)

1996 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

1997 - Oriente - Belo Oriente (Cidade/Sede)

1998 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

1999 - Royal - Mesquita (Cidade/Sede)

2000 - Braúnas - São Sebastião de Braúnas (Distrito de Belo Oriente)

2001 - Braúnas - São Sebastião de Braúnas (Distrito de Belo Oriente)

2002 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

2003 - Ouro Verde - Cachoeira Escura (Distrito de Belo Oriente)

2004 - Aluvaeira - Belo Oriente (Cidade/Sede)

2005 - Aluvaeira - Belo Oriente (Cidade/Sede)

2006 - 1º de Março - Divinolândia de Minas (Cidade/Sede)

2007 - JUNAF - Bom Jesus do Bagre (Distrito de Belo Oriente)

2008 - Santa Tereza - Belo Oriente (Cidade/Sede)

2009 - 7 de Setembro - São Sebastião do Baxio (Distrito de Periquito)

2010 - Juventus - São Sebastião de Braúnas (Distrito de Belo Oriente)

2011 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

2012 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

2013 - Fundão - Córrego Fundo (Distrito de Belo Oriente)

2014 - Talismã - Cachoeira Escura (Distrito de Belo Oriente)

2015 - Talismã - Cachoeira Escura (Distrito de Belo Oriente)

2016 - NÃO HOUVE CAMPEONATO

2017 - Milan - São Sebastião de Braúnas (Distrito de Belo Oriente)

2018 - NÃO HOUVE CAMPEONATO


TABELA DO CAMPEONATO AMADOR DE BELO ORIENTE 2019

Divulgação / Liga de Desportos de Belo Oriente

Divulgação / Liga de Desportos de Belo Oriente 


OS TIMES DO CAMPEONATO AMADOR DE BELO ORIENTE 2019

VILA BRÁZ

O time do Vila Bráz é o caçulinha da competição. Depois de muito empenho nos bastidores, do desportista Vanderlei e sua equipe, o Vila chega para disputar de forma inédita o Campeonato Municipal. O clube conta com uma torcida apaixonada e promete fazer bonito na competição. Para o campeonato, nomes experientes, acostumados a jogar, estão no elenco do Vila, casos de Renato Grilo, Guri e Ronan. O time conta ainda com atletas considerados polivantes, casos de Willer, Ravi, Forró (atua tanto na linha como no gol) e Tael. A estreia do Vila será fora de casa contra o Braúnas.


JUNAF

O tradicional time de Bom Jesus do Bagre chega mais uma vez de olho em atingir os objetivos. Campeão em duas oportunidades (1993 e 2007) espera surpreender a todos com os talentos que a localidade sempre disponibilizou. Nomes como Allan (experiente e passagem pelo futebol profissional), assim como Mateusinho, devem ditar o tom na equipe que disputará o Amador. Vale destaque ainda para Jean e sua canhotinha.




FUNDÃO

Campeão em 2013, o Fundão aparece mais uma vez no certame. O clube de Córrego Fundo conta com seus fanáticos torcedores que sempre lotam a beirada do campo da comunidade local para apoiar.


ORIENTE

Com um elenco forte, o Oriente promete mais uma vez brigar pela taça. Para isso, a diretoria trabalhou forte para trazer os experientes atacantes Victor Hugo (artilheiro do último campeonato pelo Talismã) e Kanu (ex-Ipatinga e Nacional de Muriaé). Quem também fará parte do elenco é o goleiro Gustavo (campeão do último campeonato pelo Milan). Além destes, o Oriente está fechado com o experiente zagueiro Léo, de Braúnas. Vitinho, Luiz, Gustavo do Fá, Washinho e Roboão são outros nomes que chamam a atenção na equipe.



CACHOEIRO

O clube de muita história mais uma vez estará marcando presença na competição. Com seu uniforme preto e branco de longa caminhada no Campeonato Amador de Belo Oriente, o time do Cachoeira espera fazer um grande campeonato e brigar firme na ponta de cima da tabela.


SANTA TEREZA

O tradicional time do bairro Santa Terezinha está de volta ao Campeonato Amador de Belo Oriente para a alegria de sua fanática torcida. E vem trabalhando pesado para fazer uma grande competição. Nomes como do experiente zagueiro Fredinho e o sempre artilheiro Foguete fazem parte do elenco do clube. O Santa, como é carinhosamente conhecido pelos seus torcedores, foi campeão em 2008.

TALISMÃ

O clube entra na competição em busca de uma grande campanha, assim como foram em 2014 e 2015, quando ficaram com o bicampeonato municipal. Com jogadores mantidos, após a conquista inédita da Copa Vale do Aço 2019, o time quer voar alto no Amador desse ano. Como novidades na equipe para esse ano, chega o experiente atacante João Carlos. Um dos destaques da equipe na conquista da Copa Vale do Aço, o goleiro Tekin, segue no grupo e espera novamente ser um paredão. Além de um forte time dentro de campo, o Talismã conta com o incentivo de seus fanáticos torcedores na beirada do campo.




UNIDOS

Contará com jogadores acostumados a disputar grandes competições. A experiência ditará o tom, com o elenco contando com jogadores como Cleidson, Christiano e Thiaguinho. Um dos jovens goleiros do nosso futebol, Victor Fumaça, também está fechado com o "Azulão". Vice-campeão da última Copa Vale do Aço (2019) e campeão do Campeonato Intermunicipal (2018), o time espera fazer uma grande campanha.



BRAÚNAS

Aposta em jogadores jovens e de muito talento, como os casos de Adrianinho e Carlos Daniel. O time comandado pelo técnico Lado terá como aliado a fanática torcida e a bela Arena que recentemente foi reinaugurada. O clube é o maior campeão da história do Amador Belo-orientino, tendo ganhado em três oportunidades a taça (1990, 2000 e 2001). Uma camisa respeitada.

Após Daniel Alves, São Paulo encaminha acerto com jogador espanhol

Divulgação / Atlético de Madrid - Juanfran está
encaminhado no Tricolor do Morumbi
Depois de ter anunciado Daniel Alves, multicampeão na carreira e campeão da última Copa América pela Seleção Brasileira, o São Paulo está bem próximo de mais uma grande contratação.

O clube brasileiro tem encaminhada a contratação do lateral-direito espanhol Juanfran, de 34 anos.

Ele será, em caso de anúncio oficial, o segundo espanhol a vestir a camisa do Tricolor do Morumbi na história, antes havia sido Carazzo, em 1930.

Juanfran foi o melhor jogador da Euro Sub-19, disputada em 2004, quando defendeu a campeã Espanha, que contava ainda com nomes como de Sérgio Ramos e David Silva.

O jogador ao longo dos anos se tornou polivalente, tendo atuado no meio, no ataque e virando um lateral. Apenas detalhes separam o jogador espanhol do Tricolor.

381 e 262 em obras: mapa, cronograma e previsão de pedágios

Divulgação
Estado de Minas 

A cobrança de pedágio nas BR-381 e BR-262 começará a partir de outubro de 2021 – 12 meses após a empresa assumir a gestão das rodovias.

Entre Belo Horizonte e Governador Valadares serão instaladas cinco praças de pedágio e o custo para um motorista de veículo de passeio transitar (considerando que as pistas atualmente não estão duplicadas) pelo trecho será aproximadamente de R$ 43.

Para evitar que o pedágio previsto – de R$ 8,54 para pista simples e R$ 11,10 para pista duplicada – seja maior, a Agência Nacional de Transporte Terrestres (ANTT) apresentou um cronograma estendido para a conclusão de obras nas estradas, que vai até 2040.

As regras do edital de concessão apresentadas em audiência pública nessa sexta-feira (2) determinam que a empresa que assumir a administração da estrada terá que cumprir dois ciclos de investimentos em obras da duplicação da via.

O primeiro será entre a capital e o município de Belo Oriente, até 2029, e o segundo vai até Valadares, até o 20º ano da concessão, ou seja, duas décadas depois de assumir o trecho.

Prováveis escalações, dúvidas e desfalques de Atlético e Cruzeiro para o clássico

Bruno Cantini e Vinnicius Silva - Cazares e
Fred (detalhe)
Hoje em Dia

Em situações distintas no Campeonato Brasileiro, Atlético e Cruzeiro acertam os últimos detalhes para o clássico deste domingo (4), às 19h, no Independência, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Na quarta colocação do torneio, com 21 pontos, o Galo precisa de uma vitória para se manter no G-4 e não se distanciar do Santos, que lidera a classificação com 29 pontos.

Para o confronto com o arquirrival, o técnico Rodrigo Santana vai mandar força máxima. A única ausência é o goleiro Victor, que segue em tratamento de uma tendinite no joelho esquerdo. Cleiton será o titular da meta atleticana.

A única dúvida de Santana é o meio campo. O comandante alvinegro sinalizou a volta do meia Cazares, curado de uma conjuntivite que o afastou dos últimos três jogos.

Com o bom momento de Vinícius, que vinha substituindo o equatoriano, Santana indiciou que Otero deve deixar o time, mantendo Chará e Ricardo Oliveira no ataque.

Cruzeiro

Na 16ª colocação do Brasileiro, com 10 pontos, o Cruzeiro precisa de uma vitória no Horto para não correr o risco de entrar na zona de rebaixamento.

Como o time celeste enfrenta o Internacional, na próxima quarta-feira (7), no Mineirão, pelo jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, o técnico Mano Menezes não deu pistas se vai mandar um time titular ou se vai poupar alguns jogadores no clássico.

Certo é que Rodriguinho, em recuperação de uma lesão na região lombar, e o lateral-direito Edílson, ainda em processo de transição da preparação física para o campo, seguem de fora.

Os meias Thiago Neves e Robinho, que recentemente se recuperaram de problemas musculares e não estão nas melhores condições físicas, também tem a presença incerta na partida.

Confira as prováveis escalações e desfalques para o jogo deste domingo:

Atlético: Cleiton; Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Jair e Elias; Vinicius, Cazares e Chará (Otero); Ricardo Oliveira

Desfalques: Victor

Cruzeiro: Fábio; Orejuela (Weverton), Dedé, Léo e Dodô; Henrique, Ariel Cabral e Jadson; Marquinhos Gabriel, Pedro Rocha e Fred. Técnico: Mano Menezes

Desfalques: Rodriguinho e Edilson

FICHA DO JOGO

Motivo: 13ª rodada do Campeonato Brasileiro

Local: Independência

Horário: 19h (domingo)

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden (RS), auxiliado por Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Neuza Ines Back (SP)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Transmissão: Premiere

Governo avalia novas medidas para reduzir preço do gás de cozinha

Marcello Casal Jr / Agência Brasil 
Agência Brasil 

Com a promessa de derrubar o preço do gás natural em até 40%, a nova política para o setor precisará de medidas adicionais para que a redução chegue à cozinha do brasileiro. Estudo divulgado nesta semana pelo Ministério da Economia lista três medidas para melhorar a competitividade do preço aos consumidores residenciais.

Produzido pela Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (Secap) da pasta, o documento defende o fim da política que concentrou o mercado de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) nos botijões de até 13 quilogramas (kg). A medida pode ser implementada ainda neste mês.

O documento também pede que o Conselho Nacional de Política Econômica (CNPE) recomende à Agência Nacional do Petróleo (ANP) um posicionamento sobre duas medidas anunciadas pelo governo: a liberação da venda fracionada de gás de cozinha e o enchimento de um mesmo botijão por diferentes marcas.

“Entende-se que essas mediadas constituem o ponto de partida para um processo de abertura efetiva do mercado de GLP à multiplicidade de agentes em todos os elos da cadeia, de modo a proporcionar benefícios aos consumidores em decorrência do aumento da concorrência”, destacou o documento. “Nesse sentido, a Secap visa contribuir com a discussão, para que os benefícios advindos do choque de energia barata também possam ser auferidos pelos consumidores residenciais do botijão de gás de cozinha”, diz o documento.

Fim de restrições

Prevista para ser decidida na reunião do CNPE no fim deste mês, a primeira medida pretende acabar com a política de preços diferenciados e com as restrições de mercado para botijões de gás de até 13 kg. Presentes em 72% do mercado nacional de gás, esses botijões têm o uso proibido em motores, no aquecimento de saunas e piscinas, em caldeiras industriais e em veículos.

Segundo o estudo, essa política barra a entrada de novos agentes no mercado e desestimula a concorrência. Para o Ministério da Economia, não existem provas de que os preços subsidiados para botijões de até 13 kg favoreçam apenas os mais pobres. Segundo a pasta, a população com renda mais elevada apropria-se do benefício. Na avaliação da secretaria, o fim das restrições não resultaria em aumento de preços, mas em aumento de competitividade.

Fracionamento

Em relação ao enchimento fracionado de recipientes, o documento informou que as regras da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para o abastecimento a granel de GLP aplica-se a todos os tipos de recipientes e volumes, sem normas específicas para o enchimento do botijões de 13 kg. Para a secretaria, a venda fracionada pode criar novos modelos de transporte e de compra do gás, resultando em preços mais baixos para o consumidor.

“É possível que, com o fracionamento, venha a existir um modelo de negócios, a exemplo do Uber Eats e iFood que compra alimentos de quaisquer restaurantes e entregam em domicílio, provisionando gás para o consumidor (de qualquer peso) residencial, a partir de qualquer ponto de abastecimento normatizado por meio de regras ABNT”, ressaltou o relatório.

Troca de botijões

Em relação ao fim da proibição de que um botijão de uma distribuidora seja retornado e enchido por outra, o Ministério da Economia alega que a medida permite a entrada de mais agentes no mercado de distribuição. Isso porque a necessidade de destrocar vasilhames de marcas diferentes da distribuidora antes do enchimento aumenta os custos, beneficiando empresas grandes.

Segundo a pasta, os países que derrubaram a restrição à troca de botijões viram a concorrência aumentar. “Em Portugal, por exemplo, não era permitida a troca de botijões, mas após investigação do órgão de defesa do consumidor, constatou-se que tal prática resultava em falta de competição no mercado, a tal ponto de seus preços serem injustificadamente superiores aos praticados na Espanha”, destacou o estudo.

O Ministério da Economia recomendou mais estudos sobre a prática, com a possibilidade de criação da figura de um Trocador Independente de Botijões, empresa que atuaria com regulação do governo e com remuneração pré-definida (recebendo quantia fixa) para encher botijões de marcas distintas.

Pan: Ygor Coelho conquista ouro inédito no badminton

Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte.gov.br
Agência Brasil

O Brasil conquistou 2 ouros inéditos no 10º dia de competições dos Jogos Pan-Americanos. Logo no início desta sexta (2) Lena Guimarães conquistou a corrida do stand-up paddle (SUP), e no decorrer da tarde quem alcançou o lugar mais alto no pódio foi o carioca Ygor Coelho no badminton. O dia terminou com conquistas no boxe, com uma medalha de ouro, com Beatriz Ferreira, e uma de prata com Herbert Souza.

Ygor Coelho faz história

No badminton Ygor Coelho fez história ao conquistar o primeiro ouro do Brasil na modalidade em edições de Jogos Pan-Americanos. Para isto ele derrotou na decisão do individual masculino o canadense Brian Yang por 2 sets a 0.

Ygor tem uma história muito interessante no badminton. Ele começou no esporte ainda criança. Seu principal incentivador foi seu pai, Sebastião de Oliveira, que criou um projeto na comunidade da Chacrinha, no Rio de Janeiro, para educar e socializar crianças por meio do esporte.

Com o triunfo de Ygor a equipe brasileira de badminton chegou ao total de cinco medalhas nesta edição do Pan: o ouro do carioca e quatro bronzes nas duplas.

Ouro e prata no boxe

Com o fim das competições do boxe, o Brasil terminou com seis medalhas na modalidade com as conquistas do ouro com Beatriz Ferreira e da prata com Herbert Carvalho Souza nesta sexta-feira.

Beatriz Ferreira conquistou a medalha de ouro ao vencer a argentina Dayana Sanchez na categoria leve (57 kg-60 kg) e Herbert Souza ficou com a prata após derrota para o campeão olímpico cubano Arlen Lópes Cardona no peso médio (75 kg). O Brasil havia conquistado a prata ontem com Keno Marley e com Jucielen Romeu. Abner Teixeira e Flávia Figueiredo ficaram com a prata.

Classificações para semifinais

Hoje também conseguimos importantes classificações para semifinais. Na canoagem slalom extrema (K1) a mineira Ana Sátila avançou para as semifinais no feminino e Pedro Gonçalves avançou no masculino. Os dois voltam a competir no próximo domingo.

Quem também avançou para as semis, mas nas simples do tênis, foi Carol Meligeni. Ela derrotou a mexicana Renata Zarazua para conseguir o feito.

Nas duplas de tênis Carol Meligeni e Luisa Stefani perderam para a equipe do Paraguai. Agora as brasileiras buscam o bronze neste sábado em jogo contra as chilenas Alexa Guarachi e Daniela Seguel.

Já no individual masculino João Menezes se classificou para as semifinais após derrotar o cabeça de chave número 1 deste Pan, o chileno Nicolás Jarry. O próximo adversário do brasileiro será o argentino Facundo Bagnis.

Ótimo início na Ginástica Rítmica

A equipe brasileira de Ginástica Rítmica teve um ótimo início no conjunto com cinco bolas. Beatriz Linhares, Vitoria Guerra, Deborah Medrado, Nicole Pircio e Camila Rossi conseguiram 23.650 pontos e a primeira posição na fase classificatória.

Medalhas no SUP mais cedo

Mas as primeiras medalhas do dia saíram na corrida do SUP, modalidade que faz sua estreia em Pans. A primeira medalha obtida no mar agitado de Lima foi um ouro com Lena Guimarães. Ela deixou para trás a norte-americana Candice Appleby, que ficou com a medalha de prata. A porto-riquenha Mariecamen Rivera ficou com o bronze.

Após a conquista de Lena veio a prata de Vinnicius Martins. Favorito na competição, o brasileiro chegou a liderar a prova, mas foi ultrapassado pelo norte-americano Connor Baxter, que ficou na frente até o fim, completando o percurso em 24min18s7. Vinnicius chegou em segundo, com o tempo de 25min01s3, e o peruano Itzel Delgado em terceiro, com 26min24s3.

No decorrer da tarde Nicole Pacelli garantiu a conquista de mais uma medalha para o Brasil no SUP Wave. Falta ainda definir se será de ouro, prata ou bronze. Amanhã Nicole disputa as semifinais.

sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Presidente do Fluminense confirma interesse em Fred: 'faremos de tudo para repatriá-lo'

Reprodução / Instagram
Estadão Conteúdo

O presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, esteve no CT Pedro Antonio e concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira. O mandatário falou sobre diversos assuntos, como a venda do jovem atacante Leandro Spadacio, para o Shabab Al Ahli, dos Emirados Árabes Unidos, a implementação de um "Portal da Transparência", o trabalho do técnico Fernando Diniz e o possível retorno de Fred.

"Qualquer profissional está sob constante avaliação. Estamos fazendo avaliação desde que a gente chegou e das condições que ele tem de trabalho. Ele tem só um titular do começo do Carioca no time atual. O time está nas quartas de final da Sul-Americana. Estamos mal no Brasileiro, na zona de rebaixamento, mas quem olha aqui de dentro vê que o trabalho é realizado de forma correta. Está mais sólido do que nunca", analisou.

O presidente do clube carioca admitiu o desejo de contar novamente com Fred, hoje no Cruzeiro, e que construiu uma história vitoriosa no Fluminense entre 2009 e 2015, tornando-se ídolo da torcida. Amigo do centroavante, Bittencourt disse que fará de tudo para concretizar seu retorno para a próxima temporada.

"Já falei algumas vezes, temos uma relação muito boa. Ela se construiu aqui no Fluminense. Fui o responsável pela renovação do contrato em 2015. Infelizmente, ele saiu daqui de maneira ruim. A instituição não foi inteligente com o ídolo. Respeito o contrato dele com o Cruzeiro. Se for possível dele voltar em janeiro, e não farei pelas costas do Cruzeiro, faremos de tudo para repatriá-lo. Mas terá de ser dentro das nossas condições. Estamos sendo criativos. Se ele nos abraçar dentro da nossa realidade, faremos de tudo para tê-lo aqui", admitiu.

Em relação à transferência de Leandro Spadacio, Bittencourt teve de se pronunciar pois a transferência do atleta provocou grande repercussão. O presidente afirmou que o jogador não teve o desempenho que a comissão técnica esperava e a venda foi boa para o clube.

"Esse atleta é de qualidade, mas não performou no profissional. Há atletas de 16, 17, 18 anos treinando no profissional. Ele estava próximo de 20 anos. E aí chegou uma proposta do mundo árabe, não houve nenhuma proposta da Europa, do clube comprar 70% dos direitos e o Fluminense ficar com 30%".

No cargo há quase dois meses, Bittencourt não comentou sobre valores dessa e de outras negociações, mas disse que o clube vai implementar em outubro o "Portal da Transparência", que servirá, como o nome sugere, para divulgar as informações sobre as contas do clube.

"O Fluminense tem um balanço que é publicado. A gente vai implementar em setembro ou em outubro o Portal da Transparência. Assim que a gente implementar o portal, vocês terão ciência dos valores. Foi um valor interessante dentro da realidade que expliquei aqui", explicou.

Clássico de domingo no Horto é duelo de opostos

Bruno Cantini / Atlético
Hoje em Dia 

Atlético e Cruzeiro fazem, domingo, às 19h, no Independência, o sexto clássico do ano (os três primeiros pelo Mineiro e os seguintes pelas quartas de final da Copa do Brasil). Se na história dos duelos é complicado falar em favoritismo, não há dúvida de que Galo e Raposa chegam a mais um encontro, agora pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, em situações opostas.

E não só entre eles, como mostram as respectivas posições na tabela (o alvinegro é o quarto, enquanto o time celeste ocupa o 16º lugar, o primeiro fora da zona do rebaixamento). Mas também em relação ao início da temporada. Quem andava em baixa agora está em paz com o bom futebol e a torcida. E quem vinha de lua de mel, com direito a título, agora vive a pressão de reencontrar o melhor momento, em meio a um ambiente conturbado fora de campo.

O torcedor atleticano até se iludiu com a boa campanha na pré-Libertadores, que valeu ao time uma vaga na fase de grupos da competição, mas não precisou de muito tempo para se render à realidade. Sem padrão de jogo sob o comando de Levir Culpi e com poucas opções no banco, a eliminação numa chave com Cerro Porteño, Zamora e Nacional-URU se tornou inevitável.

Antes mesmo da decisão do Estadual, o técnico acabou demitido e a diretoria resolveu apostar em Rodrigo Santana, então no Sub-20. Não foi possível levantar a taça, mas a vitória sobre o Zamora em Barinas (Venezuela) garantiu presença na Sul-Americana. Aos poucos, jogadores como Alerrandro passaram a ter chances, enquanto outros criticados (Patric o melhor exemplo) viram o futebol crescer.

Na pausa para a Copa América, o grupo se viu reforçado com o retorno de Otero do empréstimo na Arábia Saudita; além das chegadas do lateral esquerdo uruguaio Hernández e do volante paraguaio Martínez. Uma lista que ganhará também o nome do atacante argentino Franco di Santo.

Ainda que em meio a um jejum de gols de Ricardo Oliveira, o time se manteve nas primeiras posições do Brasileirão (o que, hoje, daria vaga direta na Libertadores 2020); acabou vendendo caro para o rival a eliminação na Copa do Brasil e segue na Sul-Americana com direito a fim de jejum de 25 anos diante do Botafogo. Um cenário certamente mais favorável do que o desenhado nos primeiros meses do ano.

Reviravolta

Na Toca da Raposa 2, 2019 começou com motivos para confiança, diante da permanência de Mano Menezes e de uma base que perdeu Arrascaeta mas, em seguida, ganhou Rodriguinho e Pedro Rocha. O treinador fez valer a estratégia de poupar jogadores de forma alternada; contou com os gols de Fred e as defesas por vezes milagrosas de Fábio para conquistar o Mineiro e conseguir a segunda melhor campanha da fase de grupos da Libertadores.

No fim de maio, uma reportagem do Fantástico (Rede Globo) revelou suspeitas de irregularidades administrativas no clube, ao mesmo tempo em que ficou evidente a crise financeira e a necessidade de fazer caixa. Se jogadores e comissão técnica quiseram deixar claro que a agitação nos bastidores não chegaria ao gramado, teve início uma fase negativa com apenas uma vitória (os 3 a 0 no penúltimo clássico, pela Copa do Brasil) nos últimos 16 jogos. A que se somam as seis partidas sem balançar as redes e a eliminação de terça-feira na Libertadores, diante do River Plate.

O próprio comandante celeste fala em 'cobertor curto', com as saídas de Murilo, Lucas Silva, Raniel e Romero e a contusão de Rodriguinho. A tentativa de poupar os titulares em bloco mostrou uma equipe alternativa com carências e, ainda por cima, há a pressão pelo tri da Copa do Brasil, que ajudaria a salvar a temporada inclusive em termos financeiros. O que pode interferir inclusive na escalação para domingo. Por outro lado, é necessário se afastar das últimas posições no Brasileiro e finalmente buscar regularidade na competição. Não faltam exemplos de momentos assim que não se refletiram no desfecho do duelo. Algo que a torcida atleticana espera que não se repita, enquanto a celeste reza para ser o caso.

Em conversa com organizada, Santana revela sentimento do time para o clássico: 'ódio mortal'

Reprodução / Internet 
Hoje em Dia

Na reta final de preparação para o clássico contra o Cruzeiro, marcado para o próximo domingo (4), às 19h, no Independência, o elenco do Atlético teve contato com membros de uma organizada na porta da Cidade do Galo.

Antes do penúltimo treinamento antes de encarar o arquirrival, realizado nessa sexta, alguns torcedores compareceram ao centro de treinamento do Galo e conversar com os jogadores Patric e Réver e com o técnico Rodrigo Santana.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, os integrantes da organizada afirmam que não admitiam perder para a Raposa. Em resposta, o comandante alvinegro afirmou que o sentimento dos jogadores para o duelo é de ódio mortal.

“A gente até hoje não entende, a gente acabou entregando aqueles gols (no Mineirão, na Copa do Brasil). (...) Pelo que estou sabendo, eles devem vir com time titular, porque o bicho está pegando lá. O sentimento dos jogadores aqui é de ódio mortal. No jogo que ganhamos por 2 a 0 aqui, os caras entraram (mordidos). Tinha "nego" que chorava no vestiário”, disse Santana.

Um dos torcedores afirmou que o motivo da ida a Cidade do Galo era para passar apoio ao time, e respondeu o técnico do Atlético.

“É isso que a gente quer. É só isso que a gente quer. Essa vontade, esse desejo, essa entrega”, afirmou o torcedor.

Em seguida, outro membro pediu para Rodrigo Santana encaminhar a mensagem aos jogadores, citando o atacante Ricardo Oliveira, que amarga um jejum de 14 jogos sem balançar as redes.

“Passa lá. Passa uma mensagem para os caras. Igual o Ricardo Oliveira, a gente sabe que o cara está trabalhando, sabe que é um cara de grupo. Não está conseguindo fazer os gols, mas pode falar com ele que estamos apoiando, que uma hora vai dar certo, se Deus quiser vai ser domingo”, completou.

Cobrança

Em boa fase com a camisa do Atlético, o lateral Patric também parou para conversar com o pequeno grupo de torcedores.

Ao jogador, um torcedor reforçou a cobrança para time não perder para o maior rival no domingo.

“Todo clássico pra nós é para dar a vida. Vocês fazem o papel de vocês no campo, a gente faz o nosso na arquibancada. A gente veio para dar uma força mesmo, para não dar mole para os caras. (...) Para a gente não precisa ganhar de ninguém, mas perder para esses caras a gente não aceita. Você é um cara que é uma liderança e mostra vontade dentro de campo, a gente só quer isso dos jogadores”, afirmou um dos torcedores a Patric, que disse que vai transmitir a mensagem para o elenco.

Duplicação da BR-381 até Governador Valadares só em 2040

Futblog do Sorriso - Trecho da BR-381
Estado de Minas

O novo prazo para a conclusão da duplicação da BR-381 entre Belo Horizonte e Governador Valadares é 2040. De acordo com as regras do edital de concessão apresentadas em audiência pública na tarde de ontem pela Agência Nacional de Transporte Terrestres (ANTT), a empresa que assumir a administração da estrada terá que cumprir dois ciclos de investimentos em obras da duplicação da via: o primeiro, entre a capital mineira e o município de Belo Oriente, até 2029, e o segundo, até Valadares, até o 20º ano da concessão, ou seja, duas décadas depois de assumir o trecho.

No encontro desta sexta-feira (2), em que técnicos da agência apresentaram detalhes do edital em um hotel da região Centro-Sul de BH, nenhum dos 77 deputados estaduais, 53 dos deputados federais e três senadores esteve presente.

Representante do governo de Minas no encontro, o secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Marco Aurélio Barcelos, questionou os técnicos da agência sobre a possibilidade de alterar a divisão dos ciclos da obra e antecipar a conclusão da duplicação.

A justificativa dos técnicos, no entanto, foi de que o prazo maior para que as obras sejam finalizadas evitará que o pedágio cobrado – R$ 8,54 para pista simples e R$ 11,10 para pista duplicada – fosse maior.

“Conversei com os técnicos que elaboraram o contrato e perguntei: será que não podemos ter um ciclo só? Eles disseram que, possivelmente, a tarifa subiria algo em torno de 50%. Se jogar um pouco mais para a frente (o prazo final da duplicação) as tarifas se minimizam um pouco”, avaliou Marco Aurélio.

O secretário avaliou que a exigência de garantias financeiras maiores por parte das empresas que tenham interesse em participar da licitação foi um avanço em relação aos editais de concessões lançados no passado.

“Esse edital traz inovações em relação àqueles que não foram bem sucedidos, sobretudo na BR-040, na BR-262 e em outras rodovias espalhadas pelo Brasil. Exige-se maiores garantias para que as empresas façam os lances, ou seja, se lá na frente ela não tiver a capacidade de executar as obras, ela perde parte dessas garantias”, explica.

A audiência pública desta sexta-feira foi a única marcada em Belo Horizonte para que técnicos da ANTT recebessem sugestões e propostas de lideranças mineiras para incluir no edital de concessão que está previsto para ser lançado em março de 2020.

Outra audiência aconteceu na quinta-feira (1) em Governador Valadares e outras duas estão previstas para a próxima semana, no dia 7 de agosto em Vitória e 8 de agosto, em Brasília. A agência receberá sugestões até 2 de setembro.

Sem quórum

Sem a presença de parlamentares mineiros, participaram do encontro vereadores de cidades do interior e empresários da construção civil.

Dois assessores do deputado Celinho Sintrocel (PCdoB) fizeram perguntas aos representantes da ANTT. Eles informaram que o parlamentar não esteve presente porque tinha agenda na região do Vale do Aço, mas que participou da audiência no dia anterior.

Citada pelos deputados como obra prioritária para Minas Gerais, a ausência da bancada mineira no encontro com representantes do governo federal gerou incomodo entre os vereadores de municípios do interior. “Quando se tem a possibilidade de cobrar diretamente dos responsáveis pela obra, onde estão os deputados estaduais e federais? Essa não é a obra mais importante para o estado?”, questionou o vereador de Timóteo, Ivan Guimarães (PSB), em discurso na reunião.

Vereadores e secretários municipais da região do Vale do Rio Doce questionaram os técnicos da ANTT sobre a cobrança de pedágio antes de a estrada estar efetivamente duplicada.

A previsão da agência é que somente um ano após a empresa assumir a concessão da BR-381 será permitida a cobrança de pedágios. Caso o processo de licitação seja bem-sucedido o plano é que a empresa vencedora do edital assuma o trecho em setembro de 2020. Ela poderá cobrar pedágio a partir de setembro de 2021.

Ainda de acordo com o cronograma da ANTT, entre os dois primeiros anos da concessão serão feitas intervenções emergenciais na via e a partir do terceiro ano serão feitas obras de recuperação da rodovia.

O primeiro ciclo de duplicação, entre BH e Belo Oriente (148 quilômetros), será entre os terceiro e o oitavo ano da concessão. Já o segundo ciclo, que vai duplicar a estrada até Governador Valadares deve acontecer entre o 15º e 20º ano da concessão que tem duração de 30 anos.

Somados com os gastos programados para a BR-262, que também será concedida à iniciativa privada, estão previstos investimentos de R$ 9,1 bilhões e mais R$ 5,6 bilhões em custos operacionais ao longo das três décadas de concessão. A ANTT informou também que pretende concluir as obras em andamento nos lotes 3 e 7 da duplicação até o final deste ano.

Próximos passos: cronograma para a concessão da BR-381

1) Fim do período de contribuições – 2 de setembro de 2019

2) Respostas da ANTT sobre as audiências públicas – outubro de 2019

3) Aprovação do plano de outorga pelo Ministério da Infraestrutura – novembro de 2019

4) Aprovação pelo Tribunal de Contas da União (TCU) – fevereiro de 2020 (previsão)

5) Publicação do edital – março de 2020 (previsão)

6) Leilão – junho de 2020 (previsão)

7) Empresa vencedora assume rodovia – setembro de 2020 (previsão)

FONTE: ANTT

BH registra mais duas mortes por dengue em 2019

Fiocruz / Divulgação
Estado de Minas

A prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou mais um levantamento da dengue na cidade nesta sexta-feira (2). Nele, a pasta informou que mais duas mortes foram registradas na cidade neste ano, o que faz o número de vidas perdidas saltar para 19.

As duas mortes aconteceram no mês de maio. Como de praxe, a prefeitura não divulga as regionais onde os óbitos ocorreram.

Quanto ao número de casos, a secretaria detalhou que 115.418 prováveis (soma de confirmados e suspeitos) foram computados na capital mineira: 88.949 confirmados e 26.469 suspeitos.

No entanto, vale ressaltar que apenas 653 foram confirmados no último mês. A desaceleração segue a média histórica da dengue, que sempre prejudica menos pessoas nos meses de estiagem.

Ainda assim, os números da epidemia deste ano chamam a atenção. Em média, BH teve 415,6 casos confirmados por dia em 2019 e 17,3 por hora.

Desde o início da epidemia, a Região do Barreiro concentra o maior número de casos prováveis na cidade. Neste último relatório, no entanto, a Região Nordeste assumiu a liderança: 17.670 a 17.600.


No Barreiro, são17.384 confirmados e outros 216 ainda investigados. Já no Nordeste da capital são 13.757 confirmados e 3.913 suspeitos.


Pouco atrás das citadas, vem a Região de Venda Nova: 17.199 diagnósticos prováveis, sendo 6.059 ainda não confirmados e 11.140 já fechados.

A Região Centro-Sul segue a menos prejudicada pela epidemia, com 3.620 casos prováveis.

Zika e Chikungunya

Também transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, a febre chikungunya e o zika vírus também trazem problemas a Belo Horizonte.

Em 2019, foram notificados 165 casos de chikungunya na cidade. Foram confirmados 55 casos, dentre os quais 20 contraídos no município, 15 importados e 20 em locais com origem indefinida. Há 110 casos em investigação.

Quanto à zika, em 2019, foram notificados 305 casos na capital mineira. Há apenas um caso confirmado para a doença, 238 descartados e 66 permanecem em investigação.

Pan: Brasil abre sexta-feira com ouro e prata no surfe stand-up paddle

Miriam Jeske/COB
Agência Brasil

A primeira a triunfar nesta sexta-feira (2) no mar agitado de Lima foi Lena Guimarães, tricampeã nacional no surfe stand-up paddle (SUP), modalidade que integra o surfe clássico com o uso de remos. Ela deixou para trás a norte-americana a Candice Appleby, campeã quatro vezes da Corrida SUP Race, uma das principais disputas do mundo na modalidade, que ficou com a medalha de prata. A porto-riquenha Mariecamen Rivera, chegou em terceiro lugar e ficou com o bronze.

Foi um desafio e tanto para a brasileira, que passou boa parte da prova 30 segundos atrás da líder Candice Appleby. Além disso, Lena sofreu uma queda e quase foi ultrapassada por Mariecamen Rivera, mas a sorte virou para a brasileira: as duas primeiras colocadas levaram um caldo e caíram da prancha. Foi quando Lena conseguiu se recuperar – ela ainda contou com o embalo de uma onda para assumir a liderança e cruzar a linha de chegada com o tempo de 33min25s7. A norte-americana ficou com a prata (34min03s9) e a portorriquenha Rivera levou o bronze (34min38s0).

Logo depois da conquista do ouro por Lena Guimarães, veio a prata com o sufista Vinnicius Martins, natural de Búzios, na Região dos Lagos, Rio de Janeiro. Favorito na competição, o brasileiro chegou a liderar a prova, mas foi ultrapassado pelo norte-americanao Connor Baxter, que ficou na frente até o fim, completando o percurso em 24min18s7. Vinnicius chegou em segundo, com o tempo de 25min01s3 e o peruano Itzel Delgado, em terceiro, com 26min24s3.

O Brasil soma agora 39 medalhas –13 de ouro, 13 de prata e 23 de bronze – e permanece em terceiro lugar no quadro geral, atrás do México, segundo colocado, que totaliza 54 medalhas (16 de ouro, 11 de prata e 24 de bronze). Os Estados Unidos lideram a competição, como 89 medalhas (37 de ouro, 28 de prata e 24 de bronze.

Badminton

Nesta tarde, às 16h, o Brasil disputa a final do individual masculino do badminton no Pan-Americano de Lima. O carioca Ygor Coelho decide a medalha de ouro com o canadense Bryan Yang. A presença na final foi garantida ontem (1º) à noite, quando o brasileiro venceu, de virada, outro canadense: Jason Ho-Shue, por 2 sets a 1.

A campanha do badminiton brasileiro no Pan de Lima já é a melhor da história do país na modalidade: só nesta quinta-feira foram quatro medalhas de bronze e, no pior cenário, a prata já está garantida, em caso de derrota de Ygor Coelho, na partida de hoje. O melhor desempenho do Brasil havia sido na última edição dos Jogos Pan-Americanos, em 2015, em Toronto, no Canadá.

Os primeiros a garantir o bronze ontem foram as duplas brasileiras masculina e feminina: na semifinal, os irmãos Franceilton e Fabrício Farias perderam para outra dupla de irmãos, os norte-americanos Phililp e Ryan Chew, por 2 sets a 1. Na semifinal feminina, a dupla Fabiana Silva e Tamires Santos ficou com o bronze após derrota para as canadenses Rachel Honderich e Kristen Tsai, por 2 sets a 0.

A noite de quinta terminou com mais duas medalhas de bronze para o Brasil: a dupla Jaqueline e Samia Lima venceu o primeiro set contra as norte-americanas Kuei-Ya Chen e Jamie Hsu, mas depois permitiu a virada, perdendo por 2 sets a 1. Também com uma vitória de virada, por 2 sets a 1, os canadenses Joshua Hurlburt-Yu e Josephine Wu superaram na semifinal de duplas mixtas os brasileiros Fabrício Farias e Jaqueline Lima.

Campeonato Amador de Açucena: no domingo acontece os jogos da segunda rodada

Domingo tem a segunda rodada
O Campeonato Amador de Açucena chega com tudo no final de semana. Serão realizados no domingo (4) os jogos da segunda rodada. O primeiro jogo do dia começa às 13h, com o duelo entre São Serrano x Serra Clube, no estádio José Lino, na sede/Açucena. No mesmo local, a partir de 15h, entram em campo Travessão x Ruinha. Ambos os jogos do Grupo A da competição.

Já no Grupo B, teremos: Coqueiros x Lagoa, no campo de Coqueiros, e Mirante x Pompéu, no campo do Mirante. Os jogos do Grupo B estão ambos programados para às 15h.

No Grupo C, 15h, estarão se enfrentando São Pedro x Gama, no campo de São Pedro. O Santo Antônio de Naquinho folga devido o grupo ser composto por três clubes.

Já no Grupo D, teremos: Internacional x União, 15h, no campo da Água Limpa, e Brejaúba x Barcelona, 15h, no campo da Brejaúba. O Campeonato Amador de Açucena tem a cobertura EXCLUSIVA do FUTBLOG DO SORRISO.

Quase 30% dos entregadores de comida provam pedidos dos clientes

iStock
Metrópoles 

Uma pesquisa feita nos Estados Unidos pela US Foods, distribuidora de comida do país, revelou que quase 30% dos entregadores de refeições beliscam os pedidos dos clientes. O estudo foi feito com as principais empresas do setor, como Uber Eats, GrubHun, DoorDash e Postmates.

Dos 500 entregadores entrevistados, 28% admitiram abrir o pedido e comer parte da comida. Outros 50% confessaram que esse desejo já passou pela cabeça principalmente quando sentiam o cheiro da refeição e estavam com fome.

Os consumidores também suspeitam que isso ocorre. Segundo a pesquisa, 21% já desconfiaram que o pedido foi aberto durante a entrega. E 85% acreditam que a única solução para que isso não ocorra é lacrar por completo o pedido.

Samarco deve voltar a operar em Mariana no 2º semestre de 2020, diz presidente da Vale

Corpo de Bombeiros / Divulgação
Hoje em Dia 

A mineradora Samarco, que está com as atividades suspensas em Mariana, na região Central de Minas, desde novembro de 2015, quando ocorreu o rompimento da barragem do Fundão, deve voltar a operar no 2º semestre de 2020 na região.

A expectativa é do diretor-presidente da Vale, Eduardo Bartolomeo. Nesta quinta-feira (1º), em teleconferência com analistas, ele afirmou estar confiante que a Samarco obterá a licença operacional corretiva por volta de setembro deste ano.

Se isso acontecer, a pelotizadora, sociedade entre a mineradora brasileira e a BHP, deverá retomar sua operação no segundo semestre do ano que vem. "Estamos confiantes", declarou.

De acordo com a Vale, a empresa já recebeu a licença relativa à cava de Alegria Sul, no Complexo de Germano, em Mariana. A tragédia envolvendo a Samarco deixou 19 mortos e um rastro de destruição. A enxurrada de lama devastou o distrito Bento Rodrigues e atingiu o Rio Doce.

Vale

Em relação à produção de minério de ferro da própria Vale, atingida pelo rompimento da barragem de Brumadinho, em janeiro, o diretor-executivo de Ferrosos, Marcello Spinelli, afirmou que a mina de Brucutu, em São Gonçalo do Rio Abaixo, na região Central de Minas, que foi paralisada no início do ano, já está produzindo à plena capacidade (o equivalente a 30 milhões de toneladas/ano).

Com as retomadas de Brucutu e Vargem Grande, a Vale trabalha com um ritmo de produção anual na casa de 345 milhões de toneladas. No segundo semestre, a expectativa é produzir em ritmo superior a essa faixa, disse o diretor-executivo de Finanças, Luciano Siani. (Com Estadão Conteúdo)

Petrobras tem lucro líquido recorde de R$ 18,9 bilhões no 2º trimestre

Fernando Frazão / Agência Brasil 
Agência Brasil 

A Petrobras informou que registrou lucro líquido de R$ 18,9 bilhões no segundo trimestre deste ano, um recorde histórico. Nota divulgada pela estatal informa que o resultado representa aumento de 368% em relação ao lucro líquido do primeiro trimestre do ano (R$ 4 bilhões) e 87% na comparação com o segundo trimestre de 2018 (R$ 10,1 bilhões).

A principal explicação para o lucro foi a conclusão da venda de 90% da participação da Petrobras na Transportadora Associada de Gás S.A.(TAG), no valor de R$ 33,5 bilhões, dos quais R$ 2 bilhões foram usados para liquidar dívida da transportadora com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Também contribuíram para o resultado o aumento do preço internacional do petróleo e a valorização do dólar frente ao real.

O Ebitda ajustado - lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização - ficou em R$ 32,7 bilhões no trimestre, um aumento de 19% em relação ao primeiro trimestre. O resultado foi impactado pelos preços mais elevados do petróleo, o maior volume de venda de diesel e o incremento nas margens da gasolina, nafta e gás natural.

Dívida líquida

O fluxo de caixa livre foi positivo pelo 17º trimestre consecutivo, somando R$ 11,3 bilhões. Já a dívida líquida manteve sua trajetória de queda em US$ 83,7 bilhões no segundo trimestre deste ano, uma redução de 12% em relação ao trimestre anterior.

Os investimentos somaram US$ 2,6 bilhões, sendo 82% em atividades de exploração e produção. “Apresentamos um bom resultado financeiro no segundo trimestre, beneficiado principalmente pela venda da TAG, com lucro líquido alcançando um recorde histórico de R$ 19 bilhões. Continuaremos nossa trajetória de geração de valor, com foco nos ativos de maior retorno, como o pré-sal, e busca incessante para redução de custos”, disse o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, através da nota.

Segundo a Petrobras, a produção de petróleo e gás natural da empresa alcançou 2,63 milhões de barris de óleo equivalente por dia no segundo trimestre, um aumento de 3,8% em relação ao primeiro trimestre deste ano. Somente nos campos do pré-sal, a produção cresceu 12,7%, com 1,17 milhão de barris de petróleo por dia.

Pan: Brasil conquista duas pratas no boxe

Jonne Roriz / COB
Agência Brasil 

O dia de ontem (1º) nos Jogos Pan Americanos o Brasil conquistou duas pratas no boxe e um bronze no ciclismo de pista, além de garantir o país na final de badminton masculino e bons resultados no tênis, surfe e handebol. Confira os principais destaques do Brasil hoje em Lima.

Pratas no boxe

Keno Marley Machado ficou com a prata na categoria meio-pesado (até 81 kg) após perder para o campeão olímpico na Rio 2016 Julio Cezar La Cruz Peraza, de Cuba. A brasileira Jucielen Cequeira Romeu também conquistou a prata, após ser derrotada pela argentina Leonela Rosa No Sanchez no peso galo feminino (54-57 kg). Ambas as lutas ocorreram na noite de hoje. Com as duas pratas desta quinta-feira, o Brasil conquistou, até o momento quatro medalhas na modalidade. Amanhã (2), também haverá duas disputas pelo ouro na modalidade: No peso médio (75), Herbert William Carvalho Conceição enfrenta o cubano campeão olímpico Arlen Lopez Cardona e Beatriz Iasmin Soares Ferreira luta contra a argentina Dayana Erika Lo Sanchez na categoria até 60 quilos.

Bronze no ciclismo de pista

O Brasil conquistou a medalha de bronze ao vencer o México na disputa de terceiro lugar por equipes. A equipe brasileira é composta por Flavio Cipriano, Kacio Fonseca e João Vitor Silva.

Handebol

A seleção masculina venceu a segunda seguida na noite de hoje. Os adversários da vez foram os peruanos, donos da casa. E durante a partida ficou evidente a diferença de nível técnico entre as duas seleções. Enquanto brasileiros trocavam passes rápidos, precisos e executavam bem jogadas de ligação direta entre defesa e ataque, os peruanos tinham dificuldade em furar a defesa brasileira. No final, o Brasil venceu por 40 a 16.

Um dos personagens do jogo foi o goleiro Rivera. Mesmo buscando 40 bolas no fundo da rede, não escondia o sorriso e a empolgação a cada boa defesa que fazia, protagonizando algumas das melhores imagens que o esporte pode oferecer.

Tênis

Carolina Meligeni venceu a argentina Victoria Bosio por 2 sets a 1 e avançou às quartas de final do torneio de tênis dos jogos Pan Americanos de Lima. A partida começou fácil para a brasileira, com vitória por 6 games a 1 em apenas 24 minutos. Mas a partir do segundo set a argentina acordou e endureceu a partida. A vitória de Bosio no segundo set veio após uma hora e 11 minutos, por 7 games a 6, em uma recuperação impressionante.

No set de desempate, Carol retomou o domínio do jogo e venceu por 6 games a 4, em um set que durou 49 minutos.

Stand Up Paddle

Luiz Diniz conseguiu um bom desempenho na repescagem, fez uma pontuação melhor que seus concorrentes da Venezuela e Porto Rico, e segue na disputa por uma medalha.

A brasileira Chloe Calmon também se deu bem nas águas peruanas. No surf longboard, ela derrotou a argentina Maria Boggan e avançou para a próxima fase.

Badminton

Ygor Coelho garantiu vaga na final individual do badminton. Ele venceu o canadense Jason Ho-Shue de virada, por 2 sets a 1. Ygor é o maior nome do badminton no Brasil, 59º do ranking mundial. Ele foi o primeiro brasileiro a vencer um set em uma Olimpíada, o que aconteceu em 2016, nos jogos do Rio de Janeiro. Sua inspiradora história com o esporte já foi, inclusive, contada pela Agência Brasil. Ele disputa a medalha de ouro hoje (2), às 16h.

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Ipatinga confirma primeiro óbito por Febre Maculosa

Em caso de contato com o carrapato, a orientação é para
que se evite espremê-lo, pois ele reage e libera
bactérias. Deve-se retirá-lo com pinças.
Prefeitura de Ipatinga

Nesta quinta-feira (1), a Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, confirmou a primeira morte no município causada por Febre Maculosa, em 2019. A vítima é um homem de 20 anos, morador do bairro Caravelas. Após visitar um sítio, o jovem deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no bairro Canaã, com estado clínico grave e sistema nervoso central já comprometido.

Considerada uma doença infecciosa febril aguda, a Febre Maculosa é causada pela bactéria Rickettsia richettsii, transmitida ao homem pela picada de carrapatos, principalmente o ‘estrela’.

Segundo a médica infectologista Carmelinda Lobato, “por estarmos numa região endêmica, a incidência da doença é mais comum em pessoas que vivem ou frequentam áreas rurais infestadas por carrapatos. Além disso, estar em contato com animais como capivaras, cavalos, vacas e cachorros com carrapatos também aumenta o risco de contrair a doença”.

Segundo Carmelinda, 'é fundamental usar roupas de mangas
compridas, repelente, em áreas com mato
e presença de animais'
Sobre as formas de prevenção, a médica esclarece que a doença pode ser fatal se não descoberta e tratada em tempo adequado. “É fundamental usar roupas de mangas compridas, repelente, em áreas com mato e presença de animais. Em caso de contato com carrapato, evitar espremê-lo, pois ele reage e libera bactérias. Por isso, não se deve retirá-lo com as unhas, e sim com pinças”, explica Carmelinda.

Uma capacitação sobre a doença está sendo preparada para médicos e enfermeiros da rede pública de Saúde de Ipatinga no mês de setembro, uma vez que os sintomas da Febre Maculosa podem ser confundidos, na fase inicial, com os de outras doenças.

Os sintomas geralmente apresentados por pacientes que adquiriram a doença são febre, dor no corpo, dor de cabeça, náuseas e vômitos. Numa fase mais avançada, a doença pode evoluir para um quadro de confusão mental e convulsões.

Vai ser em nova data: 1º Arraiá APAE Xonados pela Causa é adiado

Divulgação
A Associação Comercial e Empresarial de Belo Oriente (ACE), por meio de uma nota oficial, comunicou nesta quinta-feira o adiamento do 1º Arraiá APAE Xonados pela Causa, que aconteceria na Avenida Brasil, no Bairro Novo Oriente, em Belo Oriente.

O adiamento se deu devido a conflitos com outras festividades que ocorrem na mesma data (10 de agosto). A realização do 1º Arraiá foi remarcada para o dia 14/09.

"Comunicamos que devido a conflitos com outras festividades na data do dia 10/08, o Arraiá APAE Xonados pela causa foi adiado para o dia 14/09 no mesmo horário e local", diz a nota da Associação Comercial e Empresarial.

Motivado por classificação, Galo inicia preparação para o clássico

Agência Galo / Divulgação
Atlético

De astral elevado pela classificação às quartas de final da Copa Conmebol Sul-Americana, o elenco atleticano treinou na tarde desta quinta-feira, na Cidade do Galo. A atividade marcou o início da preparação para o clássico de domingo, às 19h, na Arena Independência, pela 13ª rodada do Brasileirão.

Os atletas que começaram jogando na vitória sobre o Botafogo fizeram trabalho regenerativo na academia e os demais, incluindo Cazares, recuperado de uma conjuntivite, participaram de trabalhos técnicos e táticos no campo um.

“Sabemos da qualidade do time deles também, então, não tem essa de que eles estão desanimados porque foram desclassificados. Não penso dessa maneira. A gente vem motivado pela classificação e temos tudo para sair com a vitória”, comenta Igor Rabello.

“Não temos que pensar em time titular ou alternativo, é o elenco do Cruzeiro, então, temos que focar nos nossos três pontos para sairmos vitoriosos, não importa quem esteja jogando do outro lado”, acrescenta o zagueiro.

Rabello conclui destacando que a classificação eleva a confiança de todos, mas não pode fazer com que a equipe deixe de jogar o que está jogando.

"Às vezes, quando você classifica, é normal achar que está tudo certo, tudo bem, mas temos que continuar com o mesmo foco, o mesmo objetivo e a mesma vontade que estamos tendo nos jogos porque o Campeonato Brasileiro é longo. Então, temos que estar bem focados para chegar bem lá no final”.

Nesta sexta-feira, o treino será novamente às 15h30.

Emocionado, Lucas Romero se despede do Cruzeiro

Vinnicius Silva / Cruzeiro / Divulgação
O Cruzeiro liberou Lucas Romero para viajar à Argentina e fazer os exames médicos no Independiente.

A documentação só será liberada depois que o clube argentino efetuar o pagamento ao clube celeste.

Romero em sua despedida do time mineiro estava visivelmente emocionado.

Definidos os chaveamentos e tabela do Campeonato Amador Ipatinguense Unificado 2019

Divulgação
Em arbitral realizado na sede da Liga de Desportos de Ipatinga (LDI), ficaram definidos os grupos e a tabela do Campeonato Amador Ipatinguense Unificado 2019. A competição será disputada no formato unificado pela segunda temporada consecutiva.

Neste ano, o Campeonato Amador Ipatinguense, chega com algumas novidades. Na primeira fase estarão jogando todos contra todos em jogos apenas de ida dentro das respectivas chaves (A e B).

Já na fase decisiva serão apenas uma partida (eliminatória) com o clube de melhor campanha tendo o direito de jogar em seu domínio. Assim será até a grande final (tudo em jogo único). A Liga de Desportos de Ipatinga é atualmente presidida pelo Dr. Silvestre Antônio.

Chave A

Divulgação - No detalhe, Dr. Silvestre Antônio,
presidente da Liga de Desportos de Ipatinga 
1 Boca Rica
2 Cruzeirinho
3 Bugre
4 Avante
5 Tiradentes
6 Pedra Branca
7 Palestra
8 Barra Alegre
9 Renascer
10 AERC

Confrontos da primeira rodada:

Boca Rica x Cruzeirinho
Bugre x Avante
Tiradentes x Pedra Branca
Palestra x Barra Alegre
Renascer x AERC

Chave B

1 União do Revés
2 Barcelona
3 Pingo D'água
4 Jabaquara
5 Bethânia
6 Vila Celeste
7 Rio Branco
8 Teneminas
9 Canaã
10 Vale Alto
11 Panorama

Confrontos da primeira rodada:

União do Revés x Barcelona
Pingo D'água x Jabaquara
Bethânia x Vila Celeste
Rio Branco x Teneminas
Canaã x Vale Alto
Folga: Panorama

Dois meses após acusar Neymar de estupro, modelo evita sair de casa

Reprodução 
Hoje em Dia 

Dois meses após denunciar um suposto estupro de Neymar, que acabou não sendo indiciado no final das investigações da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, Najila Trindade evita sair de casa em São Paulo. A modelo fica incomodada com os olhares e a situação piora quando ela é reconhecida. Sem cerimônia, algumas pessoas sacam o celular e tiram fotos. Ela está sendo acompanhada por um psicólogo e não tem planos definidos para o futuro.

A modelo ficou arrasada ao saber que a delegada Juliana Lopes Bussacos, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, de Santo Amaro, afirmou não ter encontrado provas para indiciar Neymar no inquérito do estupro que ela denunciou. As investigações foram encerradas na segunda-feira e enviadas para o Ministério Público. A delegada informou que não poderia oferecer detalhes da decisão, pois o inquérito corre sob segredo de justiça.

O MP terá 15 dias para avaliar o inquérito. As promotoras do Grupo de Atuação Especial de Enfrentamento à Violência Doméstica (Gevid) podem oferecer denúncia (acusação formal à Justiça), pedir o arquivamento do inquérito ou novas diligências. "Minha decisão não obsta o prosseguimento da ação", disse a delegada.

As conclusões do MP e da Polícia Civil vão embasar a decisão final da juíza da Vara da Região Sul 2 de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher. "Ele fez o que fez e ainda saiu livre", disse a modelo ao advogado Cosme Araújo assim que soube do fim das investigações.

Najila afirma que roubaram o seu tablet e o celular que teriam um vídeo do segundo encontro com Neymar - a polícia investiga também esse episódio.

Paralelamente, a 11ª Delegacia de Polícia de Santo Amaro investiga se a modelo cometeu uma suposta denúncia caluniosa ou fez uma falsa comunicação de estupro. O inquérito foi instaurado após uma petição de Neymar e seu pai e corre sob sigilo de justiça.

Baiana de Ilhéus, Najila veio para São Paulo quando tinha seis anos. Ela vem de uma família simples e humilde que nunca chegou a viver grandes necessidades, embora ela tenha mais cinco irmãos. O pai, Edval, ainda mora em Ilhéus e indicou o advogado atual que defende a filha. A modelo foi para lá para se refugiar no meio das investigações.

Najila sempre morou com a mãe, empregada doméstica, mas saiu de casa aos 19 anos quando engravidou. Um baque. A gravidez não foi planejada. Ela foi morar com o ex-marido, Estivens, e os dois viveram um relacionamento conturbado por sete anos. Aos amigos, ela conta que não consegue fazer planos. Diz que sua vida mudou depois da acusação de estupro. Ela visita um psicólogo uma vez por semana em São Paulo e tem dificuldades para dormir. Liga para os conhecidos fora de hora, duas ou três da manhã, e conta que se lembra das luzes das câmeras e do tumulto nos três depoimentos que concedeu na Delegacia de Defesa da Mulher. Ela e o filho não assistem TV e evitam internet.

Os problemas financeiros se acumulam. Najila deixou seu antigo apartamento, na zona sul de São Paulo, no final do mês de junho. Ela foi condenada em uma ação de despejo no dia 30 de maio por falta de pagamento. A dívida gira em torno de R$ 26 mil em aluguéis atrasados relativos ao período de agosto de 2018 a fevereiro de 2019. Ela se mudou para um lugar menor e acha que ainda não é o momento de voltar a ser modelo.

No mês passado, Najila teve de deixar a reclusão de sua nova casa para comprar material escolar e uniforme para o filho. Reinício das aulas após as férias de julho. Amigos que estavam com ela nas compras contam que algumas pessoas xingam a modelo e dizem que Neymar é inocente. Outros sorriem - nem todo mundo condena a modelo.

Após Brumadinho, Vale tem prejuízo de 133 mi de dólares no segundo trimestre

Frederico Haikal / Arquivo / Hoje em Dia 
Hoje em Dia 

A Vale registrou um prejuízo no segundo trimestre deste ano, em consequência aos efeitos da tragédia de Brumadinho, ocorrida em janeiro. A companhia contabilizou perdas de US$ 133 milhões no intervalo de abril a junho. O prejuízo é o segundo consecutivo, depois da perda de US$ 1,6 bilhão nos três primeiros meses do ano.

Sem considerarem provisões adicionais por causa do rompimento da Barragem B1 da Mina do Córrego do Feijão, a média projetada por instituições financeiras apontava para um ganho de US$ 2,508 bilhões. A receita líquida da Vale, que alcançou US$ 9,186 bilhões, ficou em linha com as estimativas (US$ 9,458 bilhões).

Todas as provisões somaram US$ 1,5 bilhão no segundo trimestre. Duas situações não haviam sido contabilizadas pelas instituições financeiras: o descomissionamento de barragem de rejeitos de Germano (custo adicional de US$ 257 milhões) e Fundação Renova, entidade para atuar na reparação dos atingidos na tragédia em Mariana (custo adicional de US$ 383 milhões).

Segundo a empresa, o EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) totalizou R$ 12,2 bilhões no segundo semestre, ainda sendo impactado pelas questões financeiras decorrentes da ruptura da barragem de Brumadinho (US$ 5,9 bilhões).

"Conforme progredimos para uma reparação completa e efetiva, o segundo trimestre foi um período de transição para o negócio, com o rompimento da barragem em Brumadinho ainda impactando volumes, custos e despesas. Entretanto, nossa resposta começou a dar frutos para garantir a segurança das pessoas e das operações da companhia, bem como para reduzir incertezas e entregar resultados sustentáveis com um portfólio de produtos de alta qualidade, que já serão refletidos no próximo trimestre", afirmou o presidente da companhia, Eduardo Bartolomeo. (Com informações do Estadão Conteúdo)