A mais completa cobertura. Informação com credibilidade. O blog campeão absoluto de visualizações. SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS: FACEBOOK, YOUTUBE, INSTAGRAM E TWITTER. ACESSE NOSSO SITE: www.futblogdosorriso.com.br

sexta-feira, 2 de outubro de 2020

Brey não joga sem renovação, e Cruzeiro deixa atleta livre para decidir caminho

Foto: Divulgação/Cruzeiro

Vinculado ao Cruzeiro até março do ano que vem, o lateral-esquerdo Patrick Brey já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube. Deivid, novo diretor de futebol celeste, foi questionado sobre a situação do jogador, que vem treinando em separado após não concretizar uma negociação com o futebol alemão, e também não ter recebido uma sinalização positiva por parte da Raposa sobre uma proposta de renovação contratual nos moldes apresentados por seus representantes. A oferta contraria a política atual celeste.

O dirigente do Cruzeiro foi claro sobre o posicionamento do clube em relação ao lateral, o deixando também livre para acertar com outra equipe caso uma proposta melhor seja apresentada.

“No caso do Patrick Brey, você tem uma negociação em que o empresário puxa para o lado dele, e o clube achando que é melhor fazer para o clube. A proposta que recebemos achamos que não é de acordo com o que queríamos. Preferimos ficar em stand-by. Se o jogador tiver uma proposta melhor que a do Cruzeiro, estamos dispostos a negociá-lo”, declarou Deivid.

Em conversa com representantes de Patrick Brey, a reportagem ouviu que o atleta vem trabalhando todos os dias na Toca da Raposa II. Todavia, ele não vai jogar pelo clube celeste sem contrato, mesmo com o vínculo se encerrando no dia 31 de março do próximo ano. Os empresários de Brey seguem buscando melhores opções para o atleta, que também teria tido sondagens de clubes da Itália.

Desde que retornou de empréstimo após passagem pela Ferroviária, no Campeonato Paulista, Brey chegou a ser cotado como um potencial titular da lateral-esquerda do Cruzeiro. Ele atuou em apenas quatro partidas, sendo duas pelo Campeonato Mineiro e mais duas pelo Brasileirão da Série B. Desde que comunicou que estava negociando com um clube alemão, nunca mais Brey voltou a ser utilizado pelo Cruzeiro. A lateral-esquerda, inclusive, passou a ser dominada pelo garoto Matheus Pereira.

O TEMPO/Super FC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.