A mais completa cobertura. Informação com credibilidade. O blog campeão absoluto de visualizações. SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS: FACEBOOK, YOUTUBE, INSTAGRAM E TWITTER. ACESSE NOSSO SITE: www.futblogdosorriso.com.br

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Sem acordo por renovação com o Cruzeiro, Patrick Brey não avança em negócio com clube alemão e treina separado

Foto: Gustavo Aleixo 

A situação de Patrick Brey segue indefinida no Cruzeiro. Na última segunda-feira, o jogador completou um mês afastado dos treinamentos com o grupo principal, agora comandado por Ney Franco, por conta do interesse de equipes do futebol europeu. A situação não avançou, nem a negociação para renovação contratual com o clube. Por isso, o jogador passou a treinar separado do grupo principal.

No dia 28 de agosto, véspera do clássico contra o América-MG, pela Série B do Campeonato Brasileiro, o staff do atleta procurou a diretoria cruzeirense para sinalizar que havia recebido uma proposta da Alemanha, além de sondagens de outros países.

Naquele momento, Patrick Brey, que havia acabado de se recuperar de lesão na panturrilha, não foi relacionado para o jogo, já que o staff do jogador, assim como o Cruzeiro, manifestou interesse em dar andamento às negociações.

Acontece que as tratativas não evoluíram, mas o atleta também não foi reintegrado aos trabalhos com o grupo principal. Justamente porque as partes não entraram em acordo para a renovação do contrato, que termina no primeiro trimestre de 2021. Segundo a assessoria do jogador, a partir disso, Brey foi comunicado que deveria treinar separado do grupo principal. O clube mineiro foi questionado sobre o impasse na renovação, mas não retornou ainda os questionamentos da reportagem.

Atualmente, Matheus Pereira e Giovanni são as opções de Ney Franco para a lateral esquerda. Brey mantém a rotina de treinamentos no clube, que disponibiliza estrutura e profissionais para auxilia-lo.

Patrick Brey foi contratado pelo Cruzeiro após o Campeonato Mineiro de 2018, quando se destacou com a camisa do Tupi. Chegou a ganhar algumas chances com Mano Menezes, mas acabou emprestado ao Coritiba, no ano passado, onde conseguiu acesso à Série A. Este ano, foi cedido à Ferroviária-SP, retornando ao Cruzeiro durante a pandemia, a pedido de Enderson Moreira.

O lateral-esquerdo era titular do Cruzeiro no retorno do futebol brasileiro, mas perdeu esta condição com a chegada de Giovanni. Mesmo assim, seguiu ganhando oportunidades enquanto esteve à disposição. No total, Patrick tem 12 jogos com a camisa estrelada, somando as passagens de 2018 e a atual.

Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.