A mais completa cobertura. Informação com credibilidade. O blog campeão absoluto de visualizações. SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS: FACEBOOK, YOUTUBE, INSTAGRAM E TWITTER. ACESSE NOSSO SITE: www.futblogdosorriso.com.br

quarta-feira, 12 de agosto de 2020

Graças ao excelente trabalho do técnico Enderson Moreira, Cruzeiro segue imbatível, desde o reinício das competições

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro
O time do Cruzeiro segue imbatível desde o reinício das competições. Em jogo disputado na noite desta terça-feira, a Raposa venceu o Guarani por 3 a 2 no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas-SP, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, e ampliou a sequência invicta, com triunfos nos últimos cinco duelos realizados.

Parte desse sucesso se deve ao trabalho feito pelo técnico Enderson Moreira, que até o momento não sabe o que é derrota no comando do Cabuloso. Assim como os atletas, o treinador azul e branco valorizou o resultado, que dará mais tranquilidade ao grupo, visto que o Clube não tem mais saldo negativo de pontos na tabela do torneio.

“Conquistamos dois grandes resultados, de muita importância para nossa equipe nesse recomeço. Queria enaltecer também a equipe do Guarani, pois sabíamos que é um time bem treinado, com um técnico que faz um bom trabalho. Acho que tivemos momentos bons no jogo, mas coisas também que precisam ser melhoradas. O importante é que conseguimos mais uma vitória, que passa confiança para todo o elenco, que é um grupo que tem mostrado um poder de reação muito importante”, comentou.

“O Guarani já tem um time que se conhece muito bem, que já tem a sua forma de jogar. Hoje enfrentamos um adversário que conseguiu nos trazer muitas dificuldades. Eles tiveram chances, mas nós também tivemos oportunidades claras, situações em que poderíamos ter ampliado o resultado. É enaltecer a entrega dos nossos atletas, a capacidade que eles tiveram de segurar o resultado. Importante conquistar pontos nesta fase e, degrau a degrau, vamos evoluindo nas questões táticas”, complementou.

A superação, segundo Enderson, foi ainda maior em razão do pouco tempo para correções desde o último compromisso, realizado no sábado.

“Fizemos o nosso trabalho dentro das possibilidades que tínhamos, pois não tivemos muito tempo de sábado para cá. Acertamos alguns pontos na base da conversa e soubemos explorar algumas situações interessantes, como a roubada de bola e a tranquilidade para trabalhar a jogada e fazer os gols. Precisamos enaltecer também essas questões”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.