Prefeitura Ipatinga informa que unidades básicas de saúde estão temporariamente desabastecidas de algumas vacinas

Foto: Divulgação / Prefeitura de Ipatinga 
G1 DOS VALES - A secretaria de Saúde de Ipatinga informou nesse quinta-feira (27) que está temporariamente sem as doses de algumas vacinas, entre elas a BCG. A previsão é que as novas doses cheguem a partir do dia 11 de julhos. O desabastecimento ocorreu por causa de um atraso no repasse das doses pela Superintendência Regional de Saúde, diz a secretaria.

A vacina BGC é aplicada como dose única para recém-nascidos, e deve ser tomada logo após o nascimento, no primeiro mês de vida. A vacina atua na prevenção da tuberculose e estimula o organismo a produzir anticorpos contra a doença.

As doses que ainda estão disponíveis no município da vacina BGC vão entrar em uma estratégia de vacinação. O objetivo é otimizar as vacinas, já que depois de aberta a dose tem a utilização de seis horas. “Montamos uma estratégia de vacinação para utilizar cada frasco da forma mais eficiente possível. Pelo esquema de rodízio nos postos de Saúde, as perdas de doses são minimizadas e nenhuma criança deixa de ser imunizada”, explicou a diretora do departamento de Vigilância em Saúde, Mara Fernanda Andrade.

Nessa sexta-feira (28), a vacinação com as doses disponíveis da BCG vai ser realizada nas unidade de saúde dos bairros Canaã, Limoeiro, Vila Militar e Bom Jardim II, no horário de 7h30 às 15h30. Além da vacina BCG , a secretaria ainda alerta para o possível atraso no repasse de outras vacinas como Difteria, Tétano e Hepatite B.

Em nota, a Superintendência Regional de Saúde afirma que não existe motivo para alarde, já que o prazo para o reabastecimento é o próximo dia 11 de julho. Ainda de acordo com a Superintendência, o Ministério da Saúde não tem um calendário fixo de entrega das doses, mas sim uma previsão. A Superintendência diz ainda que o atraso aconteceu por uma questão de logística.

Postar um comentário

0 Comentários