UMA FESTA! Talismã vence Unidos em jogo truncado e leva a taça da Copa Vale do Aço

Talismã venceu o Unidos por 1 a 0 e ficou com a taça de campeão da Copa Vale do Aço 2019
A manhã de domingo foi de decisão da Copa Vale do Aço de Futebol Amador. Talismã e Unidos fizeram um jogo muito disputado no estádio Jurandir Ferreira, em Cachoeira Escura. O jogo teve a presença marcante do público. Debaixo do forte calor do sol, o Talismã levou a melhor e bateu o Unidos por 1 a 0, ficando com a taça de campeão da competição. A Copa Vale do Aço de Futebol Amador teve desde seu início a cobertura EXCLUSIVA do FUTBLOG DO SORRISO.

Foi contada rodada por rodada, com o balanço dos jogos. O FUTBLOG DO SORRISO levou aos seus seguidores de forma ímpar o melhor da competição. A JCE Sports foi a patrocinada master da Copa. Na manhã deste domingo, antes da bola rolar, teve a abertura com o Hino Nacional Brasileiro. Os dois times entraram em campo com as crianças do CONSEP.

O evento contou com a presença de várias personalidades. Quando a bola rolou, um jogo truncado. O Talismã apostava nas jogadas em profundidade, sempre acionando Woshinho. Com o meia Jefinho, levava sempre perigo na bola parada. Já o Unidos procurava suas melhores jogadas com a bola sempre passando pelos pés de Gustavo e Vitinho. Um jogo muito disputado e que seria decidido em uma bola parada. Aos 33 minutos ainda do primeiro tempo, falta no lado esquerdo do campo.

O meia Jefinho - um dos destaques do Talismã - bateu, a bola passou por todos dentro da área e foi parar no fundo da rede do goleiro Dionel. Bola no canto esquerdo do arqueiro que nada pôde fazer. Muita vibração de Jefinho e dos torcedores do Talismã. Aberta a contagem. Na etapa final, o jogo seguiu muito disputado.

O técnico do Unidos, Joldeny, fez algumas mudanças, colocando o time mais ofensivo, porém, o gol de empate não aconteceu. O Talismã aguardou o trilar do apito do árbitro Lineu Cesar para comemorar um título inédito.

VALE RESSALTAR - Cachoeira Escura recebeu uma final de competição pela primeira vez na história.

TRIO DE ARBITRAGEM - Passou tranquilo. Atuação que não comprometeu.

LINEU - O árbitro passou mal ao final do jogo, devido ao forte calor e foi atendido. Lineu soltou uma nota: "Boa noite a todos. Graças a Deus foi só uma perca de potássio e fiz exames de glicose e pressão arterial e estão normais. O que houve foi perca de minerais essenciais que ajudam a flexibilidade dos músculos que é o potássio. O jogo foi muito corrido. Mesmo me hidratando sempre no jogo. Tomei café da manhã antes do jogo. Mas graças a Deus estou bem e quero agradecer primeiramente a Deus e o pessoal das duas equipes que me ajudaram a me levar para o posto aonde fui muito bem atendido. Agradecer ao Geraldão, José João, Lequinha e Léo Miranda, e os atletas e dirigentes de Unidos e Talismã  que me ajudaram e me ampararam, que me deram total apoio. Mas foi só isto e graças a Deus estou bem.
Obrigado a todos que me ajudaram lá hoje. As meninas do posto de saúde que me trataram muito bem. O jogador Pretinho, do Talismã, que ficou lá o tempo todo e ajudou a me carregar. Largou a resenha de sua equipe pra ficar lá me dando suporte", disse o árbitro.

THIAGUINHO - Capitão levantou mais uma taça vestindo a camisa da equipe. Seu terceiro título pelo clube. Antes da Copa Vale do Aço, estava também no time bicampeão belo-orientino.

RAFAEL - Ganhou mais uma taça na carreira. Depois de dois campeonatos seguidos em Belo Oriente, papa também a Copa Vale do Aço.

JOLDENY - Mostrou que sabe das coisas. Levou o Unidos a dois grandes feitos nos últimos anos. Nas duas finais que o Azulão chegou, o comandante sendo ele. Belíssimo trabalho. Levou o time a final do Intermunicipal, quando ficaram com a taça, e agora chega a final da Copa Vale do Aço.




JEFINHO - O homem decisivo do jogo. Fez um gol que entra para a história do futebol amador regional.

IRMÃOS CAMPEÕES - Júlio e Welington - dois irmãos jogando pelo Talismã e ambos na lateral.

GUSTAVO E VITINHO - Dois jovens jogadores que foram muito importantes na caminhada do Unidos. Vitinho fez o gol da partida de ida da semifinal e Gustavo o autor do gol derradeiro nas cobranças de pênaltis que levou a equipe para a finalíssima. Neste domingo lutaram muito em campo.

OUTRAS PREMIAÇÕES - Dionel (Unidos) goleiro menos vazado da competição; Negão (Talismã) artilheiro.

EQUIPES - Todos de parabéns.

RESENHA - Algo jamais visto. O campeão e vice de um campeonato juntos compartilhando da mesma resenha. Algo diferente e que merece todo o nosso respeito e consideração.

FESTA - Show. Parabéns a todos.

Talismã 1 x 0 Unidos

Estádio Jurandir Ferreira (Cachoeira Escura)

Gol: Jefinho, aos 33 minutos do primeiro tempo.

Árbitro: Lineu Cesar
Assistentes: Geraldo da Silva Sá e José João

Talismã: Tekin; Júlio, Léo, Uarlei Madimbu e Welington; Vinícius, Pretinho, Jefinho, Max Thulio; Woshinho e Endinho. Entrou no decorrer do jogo: Thiaguinho. Técnico: Rafael Douglas.

Unidos: Dionel; Caxixola, Gugu, Lucas Vanison e Tulinho; Gê, Nem, Gustavo; Ítalo, Vitinho e Jean. Entraram no decorrer do jogo: João Carlos, Ronei, Jobinho, Rei. Técnico: Joldeny.

Muito mais informação da cobertura completa do FUTBLOG DO SORRISO os amigos podem acompanhar em nossa página no Facebook.

Postar um comentário

0 Comentários