Confira o resultado do julgamento realizado nesta quinta no TJ da Liga de Desportos de Belo Oriente

Julgamento no TJ
CAMPEONATO AMADOR DE BELO ORIENTE - Na noite desta última quinta-feira no Tribunal de Justiça Desportiva da Liga de Desportos de Belo Oriente aconteceu o julgamento de dois processos. Na pauta constava o atleta Isaque Gomes Pereira, do Vila Bráz, e o JUNAF Esporte Clube.

O primeiro processo a ter sido julgado foi do atleta Isaque.  Conforme votação dos auditores, o jogador foi absolvido por unanimidade por 4 votos a 0. O árbitro havia relatado na súmula que o jogador teria feito agressões verbais. O jogador havia sido expulso na partida entre Vila Bráz e Talismã, que foi realizada no campo do Aluvaeira, em Belo Oriente.

O segundo processo julgado foi do JUNAF Esporte Clube. Na primeira rodada, a equipe havia vencido o Santa Tereza pelo placar de 3 a 1, jogando em seu campo, em Bom Jesus do Bagre.

Dois processos julgados 
O Santa Tereza entrou com recurso na Liga de Desportos de Belo Oriente, alegando que o clube de Bom Jesus do Bagre teria utilizado jogador de forma irregular. A Liga de Desportos de Belo Oriente acatou a denúncia e enviou a questão para o Tribunal de Justiça Desportiva. Pelo regulamento do Campeonato Amador de Belo Oriente um clube pode  ter 5 atletas de fora do município, sendo que apenas três, pode estar assinando súmula e jogando determinada partida.

Conforme o recurso impetrado pelo Santa Tereza, a alegação é de que o JUNAF teria infringido o regulamento. Os auditores votaram e decidiram por 4 votos a 0 absolver a equipe de Bom Jesus do Bagre. No julgamento, vale ressaltar que a defesa do Vila Bráz foi feita pelo desportista Vanderlei e a defesa do JUNAF feita pelo desportista Romilson.

Pauta do julgamento - Foto: Liga de Desportos de Belo Oriente 

Postar um comentário

0 Comentários