Seus anúncios aqui

Troféu da Copa Vale do Aço levará o nome de um dos maiores camisas 10 da história do futebol regional

Roberto da Lúcia - Um dos maiores craques da história do nosso futebol
Jogo contra o Cruzeiro 
No domingo, dia 28, às 9h40 da manhã, a bola rola para a grande final da Copa Vale do Aço de Futebol Amador 2019. Em campo teremos frente a frente duas equipes da mesma localidade, Unidos e Talismã, ambos de Cachoeira Escura. Jogo com TRANSMISSÃO AO VIVO na tela do FUTBLOG DO SORRISO. Um jogo único valendo o troféu. Há toda uma expectativa com relação a partida que vai sacudir Cachoeira Escura.

A competição é apoiada pela JCE Sports, que fará a premiação. O troféu da competição levará o nome de um dos maiores camisas 10 da história do futebol amador regional, Carlos Roberto Gonçalves, ou para os mais íntimos, Roberto da Lúcia. Foi um craque. Um fenômeno da bola.

Jogador premiado
Os amigos mais próximos e os torcedores que sempre lotavam os campos amadores das redondezas são testemunhas de um camisa 10 nato, um canhoto que mostrava um futebol estupendo. Roberto atuou nos mais diversos clubes da região.

Em Belo Oriente marcou época defendendo as cores de Oriente, Aluvaeira e Santa Tereza. Um desportista que ganhou o respeito de todos não somente dentro de campo, mas também fora dele. Roberto é natural de Capinópolis-MG (cidade que fica 722 km da capital Belo Horizonte). Nasceu no dia 1º de janeiro de 1955.

Roberto ao lado da família em um jogo
do Oriente no Menezão 
Jogou em clubes como: Cruzeirinho (Ipatinga), Ipaminas (Ipatinga), Cariru EC (Ipatinga), Beira Rio EC (Ipatinga), Faixa Azul (Ipatinga), Cenegue (Ipatinga), Oriente EC (Belo Oriente), Santa Tereza (Belo Oriente) e Aluvaeira (Belo Oriente). Entre as conquistas, foi campeão da Copa Vanguarda de 1987, campeão Master pelo Santa Tereza em 2007 e campeão em Ipatinga pelo Faixa Azul em 1976. Em 1972 foi vice-campeão de juniores em Ipatinga pelo Cariru e vice campeão ipatinguense com o Oriente em 1987.
Roberto, atualmente, defende o veterano do Aluvaeira 

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Homenagem mais que merecida para esse grande atleta que tive a oportunidade de ver jogar, um dos melhores que já pisaram nos nossos gramados, além de excelente pessoa, bom pai, grande amigo. Parabéns aos idealizadores, Parabéns Roberto.

    ResponderExcluir

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.