A mais completa cobertura. Informação com credibilidade. O blog campeão absoluto de visualizações. SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS: FACEBOOK, YOUTUBE, INSTAGRAM E TWITTER. ACESSE NOSSO SITE: www.futblogdosorriso.com.br

quarta-feira, 20 de julho de 2022

Rosângela Reis alega fraude e chama PM na sede do PL em BH

Divulgação
Às vésperas da convenção estadual do Partido Liberal (PL), a deputada estadual Rosângela Reis (PL) chamou a polícia na noite desta terça-feira (19) na sede do seu próprio partido em Belo Horizonte. A deputada diz que há fraudes produzidas pelo diretório estadual do PL, que estaria tentando retirar o seu nome da disputa à reeleição para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

"Esse é um ato claro de violência política contra a mulher e, além disso, uma fraude no processo eleitoral. Dificilmente os partidos conseguem preencher a cota de 30%. E agora, o diretório articulou para preencher vagas femininas com candidatas fictícias. O que o partido está fazendo é um ato de violência contra a mulher. Estou sendo ameaçada por homens que não aceitam mulheres em posição de liderança. Estão querendo calar uma voz feminina", disse a deputada em um comunicado enviado por sua assessoria.

Em vídeo divulgado pelas redes sociais, e filmado pela deputada, é possível ver militares da polícia dentro da sede do partido enquanto a deputada diz “olha aí o partido que fala que querem mulher na política…registrando chapa sem nome de mulher”. Ela ainda lê um banner com os dizeres “Mulheres Liberais: Seu lugar, sua voz”  no qual ela comenta que é “onde a gente não tem voz”.

A reportagem procurou José Santana, presidente estadual do Partido Liberal, para comentar as acusações, mas até o momento não houve retorno. O conteúdo será atualizado assim que obtiver o posicionamento do partido. (O Tempo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.