A mais completa cobertura. O blog campeão absoluto de visualizações. SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS NO FACEBOOK, YOUTUBE, INSTAGRAM E TWITTER. ACESSE NOSSO SITE: www.futblogdosorriso.com.br

terça-feira, 15 de fevereiro de 2022

Jovem que estava desaparecido é encontrado morto em represa de Senador Canedo, em Goiás

Arquivo pessoal

O vendedor Esdras Mória de Souza, de 23 anos, que estava desaparecido há seis dias, foi encontrado morto, na tarde desta terça-feira (15), em uma represa em Senador Canedo, na Região Metropolitana da capital. Segundo a irmã do rapaz, a vendedora Evilyn Ester, de 25 anos, ela e os pais estavam no local no momento em que o corpo foi encontrado.

“A cada dia que passava, aumentava nossa angústia. Os bombeiros estavam fazendo as buscas na represa e nós estávamos todos lá. Foi um desespero”, lamentou a irmã.

A família do vendedor procurava pelo jovem desde o dia 9 de fevereiro deste ano. Na data, Esdras saiu de casa, na Vila Galvão, pela manhã e não foi mais visto. De acordo com a irmã, ele saiu levando apenas uma bíblia.

Como Esdras não levou celular, a família diz que não teve nenhum contato com o rapaz desde o desaparecimento. Evilyn contou que o irmão era uma pessoa conhecida no setor em que a família morava.

“Ele vendia doces, máscaras e bombons. Uma pessoa querida, todo mundo gosta dele, muito humilde”, relatou a irmã, antes de o corpo ser encontrado.

Após o desaparecimento, a família registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil, que começou a investigar o caso. Segundo o delegado Matheus Noleto, a princípio, não existe indicativo de que a morte de Esdras tenha sido violenta.

"Eu dependo do laudo do IML [Instituto Médico Legal] para dizer a causa da morte, mas, a princípio, não posso afirmar que foi homicídio, mas também não posso descartar e dizer o contrário", contou o delegado.

De acordo com a irmã, a família ainda não sabe o que pode ter acontecido com o jovem. Até o fim desta tarde, Evilyn ainda não tinha informações sobre velório e enterro do irmão.

(G1 Goiás/TV Anhanguera)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.