quarta-feira, 15 de julho de 2020

Cazares, do Atlético-MG, é oferecido ao São Paulo

Foto: Bruno Cantini/Atlético/Divulgação
Cazares, do Atlético-MG, foi oferecido ao São Paulo. O nome do jogador chegou ao Morumbi por meio de empresários, foi analisado e descartado. Os principais motivos são:

Perfil: na visão do São Paulo, Cazares não se encaixa no tipo de jogador buscado para o elenco tricolor. No Galo, o atleta convive com problemas fora de campo;

Dinheiro: em crise financeira agravada pela pandemia de Covid-19, o São Paulo não tem dinheiro para investir em reforços e não prioriza contratação neste momento. As vendas de Antony e Gustavo Maia ajudarão a pagar salários atrasados com atletas e quitar pendências.

A informação sobre o oferecimento de Cazares ao São Paulo foi inicialmente publicada pelo "Uol" e confirmada pelo GloboEsporte.com.

Em junho, o técnico Fernando Diniz afirmou que é difícil contratar reforços para o São Paulo, pois não adiantava ir ao mercado para trazer um jogador "simplesmente porque ele é bom". Ele justificou o raciocínio citando que os atletas da base também são bons.

Situação no Galo

O contrato de Cazares no Atlético-MG acabará em dezembro de 2020. Até o momento, o Galo não sinalizou se irá ou não tentar a renovação.

O jogador teve sua imagem desgastada no clube com episódios polêmicos. O último foi multa aplicada pela prefeitura de Lagoa Santa (cidade onde mora) por festa na casa do jogador durante a pandemia. Ele contraiu a Covid-19 e, curado, faz treinos de recondicionamento físico após mais de um mês afastado das atividades.

Na semana passada, um empresário brasileiro trouxe oferta dos Emirados Árabes a Cazares e ao Atlético. O Galo, contudo, não ficou satisfeito com os 500 mil dólares oferecidos.

Pessoas ligadas ao jogador acredita que ele não aceitará sair agora no meio do ano e cumprirá o contrato no clube mineiro para se despedir "de graça" em janeiro.

Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.