Publicidade

Publicidade

Publicidade

quinta-feira, 25 de junho de 2020

Luiz Fux é eleito presidente do Supremo Tribunal Federal

Foto: Reprodução/Agência Brasil 
O ministro Luiz Fux foi eleito nesta quinta-feira (25) presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) pelos próximos dois anos. A ministra Rosa Weber foi apontada como vice-presidente. A eleição foi adiantada em razão da pandemia do novo coronavírus. Em condições normais, o pleito aconteceria em agosto.

Fux foi eleito com 10 votos favoráveis e um contrário, o dele próprio. É comum que o ministro que assumirá a presidência vote em sua vice.
Continua depois da publicidade

"Na qualidade de presidente eleito do STF, quero fazer uma promessa que vem de dentro. Prometo aos meus colegas que vou lutar intensamente para manter o Supremo Tribunal

Federal no mais alto patamar das instituições brasileiras. Vou sempre me empenhar pelos valores morais, pelos valores republicanos, me empenhar pela luta da democracia e respeitar a independência entre os poderes, dentro dos limites da Constituição e da lei. Que Deus me proteja", disse Fux.

O presidente assumirá o cargo no dia 10 de setembro. Ele vai substituir o ministro Dias Toffoli, que hoje comanda o STF.

Vale relembrar que as eleições do Supremo são protocolares, ou seja assumem o sistema de rodízio baseado no critério de antiguidade. É sempre eleito o ministro mais antigo que ainda não presidiu.

Advogado formado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fux foi promotor de Justiça e juiz estadual. Em 2011, foi indicado a vaga do STF pela então presidente Dilma Roussseff.

Estado de Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.