Foragido por homicídio e com vida luxuosa, chefe do tráfico no Tupi é preso no Pátio Savassi

Foto: Reprodução/ Google Street View 
Foragido desde 2016 por homicídio, o chefe do tráfico de drogas no bairro Novo Tupi, Norte da capital, e seu principal auxiliar, foram presos em flagrante após cerco policial no shopping Pátio Savassi, na região Centro-Sul, na noite dessa sexta-feira (28).

Com os homens, de 27 e 23 anos respectivamente, foram apreendidas uma picape Ford Ranger, armas, munição e drogas. Na residência do gerente do tráfico, um apartamento em prédio de luxo no bairro Vila da Serra, em Nova Lima, na Grande BH, outros itens foram recolhidos. Informações do HOJE EM DIA

As prisões e apreensões fazem parte de operação desencadeada pelo 13º Batalhão da Polícia Militar no combate ao tráfico de drogas. Os agentes estiveram na cola dos criminosos e, nessa sexta, acessaram informações privilegiadas sobre um encontro marcado pela dupla no mall.

Os militares do Tático Móvel montaram o cerco e, às 19h, traficante e braço-direito foram presos. Os agentes apreenderam o veículo no estacionamento do centro comercial. Nele, estava uma pistola italiana 9mm carregada com 15 projéteis. O automóvel é avaliado em cerca de R$ 120 mil.

Em seguida, os militares seguiram para a residência do chefe do tráfico. Lá, estavam outra pistola 9mm, 774 pinos de cocaína, 37 buchas de maconha, além de R$ 4 mil em dinheiro. Todo o material foi apreendido e encaminhado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

"Vale ressaltar que, ao conseguir localizar a residência do alvo da ação, as equipes se depararam com um imóvel de luxo, em local nobre do bairro Vila da Serra, onde se esbanjava todo o poderio conseguido com o dinheiro do tráfico", informou a Polícia Militar.

A Polícia Civil foi procurada para dar mais informações sobre o crime cometido, mas até o momento desta publicação não havia respondido.

Postar um comentário

0 Comentários