sábado, 31 de julho de 2021

Os resultados da 6ª rodada e a classificação do Campeonato Mineiro do Módulo 2

Foto: Felipe Augusto Correia/Betim Futebol

*POR JOSÉ DIAS SORRISO
 
O sábado foi de bola rolando pelo Campeonato Mineiro do Módulo 2. O Ipatinga venceu o Democrata de Sete Lagoas e o Democrata de Governador Valadares empatou com o Betim. Já o Tupynambás foi declarado vencedor por W.O. contra o Nova Serrana.
 
O Globo Esporte destaca que, o jogo entre Serranense e Tupynambás, pela sexta rodada do Módulo 2 do Campeonato Mineiro, foi cancelado pela Federação Mineira de Futebol (FMF), devido o time de Nova Serrana, mandante da partida, não ter pagado as taxas de arbitragem e quadro móvel dentro do prazo estabelecido no regulamento. Com isso, o clube de Juiz de Fora teve a vitória decretada por W.O. (placar de 3 a 0) em comunicado oficial divulgado pela federação nesta sexta-feira.
 
O time de Juiz de Fora emitiu uma nota em suas redes sociais:
 
O Tupynambás Futebol Clube comunica o CANCELAMENTO do jogo que seria realizado hoje, 31 de julho, contra a equipe de Nova Serrana.

Seguindo o regulamento, a FMF adotou as providências administrativas e técnicas indispensáveis à realização de seus campeonatos.

Assim, o Tupynambás foi declarado vencedor por W.O.

Lamentamos o ocorrido, pois nos colocamos no lugar dos profissionais que vêm trabalhando intensamente no C. A. Serranense, com o mesmo objetivo de conseguir a vaga no quadrangular final.
Contudo, todo contexto mundial vivido também tem afetado fortemente as finanças dos clubes, que lutam para manter suas atividades.

Força Serranense.

O que destacou o Serranense:

O CLUBE ATLÉTICO SERRANENSE vem através desta esclarecer e com muita tristeza informar aos nossos torcedores, que essa fatalidade acontecida foi devida a falta de apoio que estamos enfrentando, fazemos o que podemos para honrar nossos compromissos em dia e prometemos a todos que vamos superar esse momento. Continuaremos na briga pela classificação!

Os resultados da sexta rodada:

Betim 1 x 1 Democrata-GV

Aymorés 0 x 2 Guarani

União Luziense 2 x 0 Tupi

Ipatinga 1 x 0 Democrata-SL

Nacional de Muriaé 1 x 1 Villa Nova

Serranense x Tupynambás

CLASSIFICAÇÃO

1) Nacional - 12 pontos ganhos

2) Villa Nova - 11

3) Tupynambás - 11

4) Guarani - 10

5) Betim - 9

6) Democrata-GV - 9

7) Serranense - 7

8) União Luziense - 7

9) Tupi - 7

10) Democrata-SL - 5

11- Ipatinga - 5

12- Aymorés - 3 pontos ganhos

Atlético x Athletico-PR: veja prováveis escalações para jogo no Brasileiro

Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

Neste domingo, o Atlético recebe o Athletico-PR às 16h, no Mineirão, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Galo é o vice-líder da Série A, com 28 pontos. Já o Furacão ocupa o quinto lugar da tabela, com 23 pontos.
Na partida deste domingo, o Atlético não terá o técnico Cuca à beira do gramado. O treinador cumpre suspensão por ofensas ao árbitro Leandro Vuaden, após a derrota do Galo para o Ceará, por 2 a 1, no Castelão, pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, no dia 24 de junho.

Cuca não tem problemas para definir a equipe. O treinador não revelou se mandará a equipe considerada titular a campo ou se 'rodará' o elenco. Na próxima quarta-feira, o Galo decide classificação contra o Bahia na Copa do Brasil. O Alvinegro tem a vantagem do empate ou derrota por até um gol de diferença para avançar às quartas de final do torneio.

Contra o Athletico-PR, a novidade deve ser o retorno de Eduardo Vargas. Recuperado de COVID-19, o atacante chileno ficou fora das últimas duas partidas.

Se optar por força total, Cuca deve mandar o Atlético a campo com Everson; Mariano, Réver, Alonso e Dodô; Allan, Tchê, Zaracho e Nacho; Savarino e Hulk.

O adversário

Já o Athletico-PR, do técnico António Oliveira, não conta com o atacante Vitinho, suspenso. Carlos Eduardo é o provável substituto. O meia-atacante Nikão não foi relacionado para o jogo em Belo Horizonte. Ele foi poupado para a decisão na Copa do Brasil contra o Atlético-GO, na próxima quarta. O meia Terans e o lateral-direito Marcinho devem começar no banco.

A possível escalação do Furacão tem Bento; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Khellven (Marcinho), Richard, Erick (Christian), Léo Cittadini e Nicolas; Carlos Eduardo e Renato Kayzer.

>> Superesportes

Ipatinga leva a melhor sobre o Democrata de Sete Lagoas e consegue a primeira vitória no Módulo 2

Divulgação

*POR JOSÉ DIAS SORRISO

O Ipatinga FC venceu a primeira no Campeonato Mineiro do Módulo 2.

Na tarde deste sábado, no Ipatingão, o Ipatinga FC bateu o Democrata de Sete Lagoas pelo placar de 1 a 0. 

O gol de Thiago aos 19 minutos do primeiro tempo.

Talles Garcia comandou o Tigre no lugar do técnico Eugênio Souza que deixou o clube. O Ipatinga deixa a lanterna, mas segue na zona de rebaixamento, com a mesma pontuação do Democrata, ambos somando 5 pontos ganhos.

Empate em Betim, pelo Módulo II, marca retorno de público aos estádios em Minas Gerais

Torcida na Arena Vera Cruz, para Betim 1x1 Democrata-GV — Foto: Ana Pimenta

Depois de longa espera, o torcedor mineiro voltou a assistir uma partida de futebol no estádio. Em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, cerca de 354 pessoas foram até a Arena Vera Cruz, ver o time homônimo da cidade empatar com o Democrata-GV (1x1) pela sexta rodada do Módulo II.
É o jogo que marca o retorno do público ao futebol, desde a pandemia da Covid-19 que chegou a interromper os campeonatos e afastou o torcedor das praças esportivas em março de 2020. A liberação aconteceu após anuência do Governo de Minas Gerais e o poder municipal de Betim, com protocolo de retorno elaborado pela Federação Mineira de Futebol.

O estádio em Betim precisou seguir regras de distanciamento, demarcação de lugares e limitação de capacidade (no máximo 600 ingressos). Houve fiscalização antes e durante o confronto. Não foi permitida a presença de menores de 18 anos e de gestantes. Também não há comercialização de bebidas alcoólicas.
O Betim tem nomes conhecidos do futebol mineiro, com os meias Gerson Magrão (ex-Cruzeiro), que foi titular do jogo e autor do gol do time da casa, e Leandro Donizete (ex-Atlético), que não participou da partida.

A primeira fase do Módulo II é disputado nos moldes do Módulo I, com os 12 times se enfrentando entre si e a classificação de quatro equipes. Diferentemente da elite, onde há semifinais, o Módulo II conta com um quadrangular final (com ida e volta). Os dois primeiros sobem.

Em BH

A Prefeitura de Belo Horizonte liberou que os estádios de futebol da cidade recebam público correspondente a até 30% da capacidade total. A CBF, no entanto, ainda não autorizou torcida em partidas de torneios organizados pela entidade.

Inicialmente, o retorno será no dia 18 de agosto, na partida entre Atlético-MG e River Plate, pelas quartas de final da Libertadores, torneio da Conmebol.

No entanto, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva atendeu ao pedido do Cruzeiro e concedeu liminar para que o clube possa pagar, a partir desta sexta-feira, diante do Londrina, a punição de cinco jogos com portões fechados.

Com a decisão do STJD, a punição do Cruzeiro será cumprida nas partidas contra Londrina, Vitória, Confiança, Sampaio Corrêa e Ponte Preta. Sendo assim, o torcedor celeste estará autorizado a voltar ao Mineirão contra o Operário, pela 24ª rodada da Série B. Atlético-MG e América-MG podem buscar o mesmo caminho para terem torcida em jogos do Brasileirão.

Regras para volta do público em BH

Capacidade máxima de 30%, apenas com torcedores do clube mandante;

Uso obrigatório de máscara e distanciamento de 1 assento vertical e 1 horizontal (mesma regra dos cinemas);

Teste negativo (rápido ou RT-PCR) para a Covid-19 com antecedência máxima de 72 horas;

Pessoas vacinadas também devem apresentar teste negativo para entrar no estádio;

Testes de farmácia serão aceitos, desde que levados em papel timbrado;

Venda de ingressos exclusiva pela internet, com obrigação de apresentação de nome e telefone (para caso de necessidade de rastreio);

Não haverá transporte público para os estádios;

>> Globo Esporte

Com clássicos na 1ª rodada, estão definidos os clubes participantes do Campeonato Amador de Belo Oriente 2021

Arbitral 

*POR: JOSÉ DIAS SORRISO

Na noite da última sexta-feira (30 de julho de 2021) estive no Prédio das Obras Sociais para acompanhar o arbitral do Campeonato Amador de Belo Oriente. Segundo informações obtidas por mim, foram destinados R$ 60 mil pela Prefeitura Municipal de Belo Oriente para a realização da competição. Brilhante apoio ao esporte por parte da administração do prefeito Hamilton Rômulo. Vale lembrar que nas duas últimas temporadas teríamos o campeonato, porém, não foi possível devido a pandemia do coronavírus.

Ressaltando que, o repasse é feito pela prefeitura à Liga de Desportos, para que a mesma realize o certame. Na oportunidade encontramos alguns amigos e amantes da bola. Pudemos bater um bom papo. Foram conhecidos os clubes, grupos e jogos da primeira rodada da competição. Atualmente a Liga de Desportos de Belo Oriente é presidida por Gerson dos Santos "Viola". No arbitral desta sexta-feira compareceram 11 clubes, sendo uma das novidades que marcou presença, a representação do Esperança (clube tradicional do município e que estava inativo já a alguns anos). 

Arbitral

No pré-arbitral, conforme informações obtidas por mim, havia sido definido a preferência na participação desse ano, por clubes que jogaram a última temporada. Sendo assim, o Esperança não entrou no sorteio. Portanto, o campeonato terá 10 clubes participantes estando divididos em dois grupos de 5 cada. 

No Grupo 1 estão: Braúnas, Santa Tereza, Talismã, Areia Preta e Oriente. Nesse grupo são 9 títulos em destaque, inclusive os dois clubes que mais vezes foram campeões do Municipal, Braúnas e Talismã (levantaram a taça em 3 oportunidades cada). O Talismã foi o último campeão do certame. Promessa de grandes jogos. 

Arbitral

Já no Grupo 2: Fundão, Vila Bráz, Unidos, Cachoeiro e JUNAF. Grupo esse que conta com 4 títulos em destaque, sendo o JUNAF bicampeão municipal e vice-campeão da última temporada quando perdeu a decisão em jogo único para o Talismã. Após sorteio realizado, a primeira rodada apresenta os seguintes jogos: Grupo 1 - Braúnas x Santa Tereza e Talismã x Areia Preta. Folga: Oriente. Grupo 2 - Fundão x Vila Bráz e Unidos x Cachoeiro. Folga: JUNAF. 

Os clubes jogam entre si dentro dos respectivos grupos com os dois primeiros avançando para a semifinal. O Campeonato Amador de Belo Oriente contará com os serviços de arbitragem da AALM (Associação de Árbitros do Leste Mineiro). A bola está programada para começar a rolar em Belo Oriente no dia 5 de setembro.

Passagem relâmpago! Eugênio Souza não é mais técnico do Ipatinga FC

Divulgação

*POR JOSÉ DIAS SORRISO 

O treinador que recentemente chegou ao Tigre do Vale do Aço já está de saída. Eugênio havia chegado para o lugar de Alessandro. O Ipatinga FC que ainda não venceu no Campeonato Mineiro do Módulo 2 figurando na lanterna da competição.
 
NOTA DO IPATINGA:
 
"O Ipatinga Futebol Clube comunica a saída do Técnico Eugênio Souza, devido a um desacordo contratual.

O treinador que chegou ao Ipatinga no dia 13 de julho, não se apresentou para o treino desta sexta-feira pela manhã, no Centro de Treinamento.

O Tigre está focado no compromisso de sábado, contra o Democrata de Sete Lagoas."

Vanderlei Luxemburgo é favorito no Cruzeiro, mas acerto depende de ajustes

Foto: Divulgação

O Cruzeiro, hoje, só tem um nome para a vaga de Mozart, que deixou o Cruzeiro após o empate por 2 a 2 com o Londrina, nessa sexta-feira, no Mineirão. O experiente Vanderlei Luxemburgo, de 69 anos, só não iniciará sua terceira passagem pela Raposa se optar por seguir outro caminho na vida profissional.
Apesar de querer voltar à Toca da Raposa II, Luxemburgo já apontou que o Cruzeiro precisará de ajustes. Assim como Luiz Felipe Scolari em 2020, o técnico não acredita que conseguirá bons resultados com salários do grupo de jogadores atrasados. Na visão dele, a regularização dos vencimentos - ou de grande parte deles - é condição fundamental para o bom ambiente.
 
Presidente do Cruzeiro, Sérgio Rodrigues poderá resolver mais de um problema se conseguir o acerto com Luxemburgo. Um dos principais é a reconciliação com Pedro Lourenço, principal investidor do clube e entusiasta da contratação. Foi Pedro, inclusive, que ligou inicialmente para o técnico e ouviu da necessidade de o clube ter a questão dos salários regularizada. Não se sabe, no entanto, até onde o parceiro está disposto a investir.
 
Apesar de ter feito comentários sobre a situação do Cruzeiro, Luxemburgo deixou claro ao Cruzeiro que não negociaria qualquer tipo de detalhe enquanto Mozart ainda estivesse oficialmente no cargo. Naquela oportunidade, porém, ele foi informado de que a sequência do trabalho do então treinador estava em risco.
 
A contratação de Luxemburgo também traria mais paz na relação com outras lideranças do Conselho Deliberativo. Em junho, quando contratou Mozart, Sérgio chegou a ser criticado publicamente por Maurício Silva, vice-presidente do órgão colegiado. Na oportunidade, Maurício afirmou que Sérgio precisava "ouvir mais as pessoas" para tomar decisões como aquela.

No último dia 19, a cúpula do Conselho Deliberativo se reuniu com membros da diretoria do Cruzeiro, entre eles o presidente, para tratar da Sociedade Anônima do Futebol (SAF). Pessoas presentes no encontro afirmaram à reportagem que foram feitas cobranças pela mudança de comando, uma vez que os resultados de Mozart eram, na avaliação desses associados, muito ruins.
 
Se conseguir os ajustes que deseja e acertar com o Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo iniciará sua terceira passagem na Toca da Raposa II. Ele já esteve no clube entre 2002 e 2004 em 2015. Em 2003, ele conquistou a Tríplice Coroa - Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. No total, são 126 jogos, 74 vitórias, 25 empates e 27 derrotas.

>> Superesportes 

sexta-feira, 30 de julho de 2021

Patric é oficialmente apresentado pelo América

O lateral-direito é a 17ª contratação do Clube para a temporada
(Foto: Mourão Panda / América)

Na tarde desta quinta-feira, mais um atleta foi oficialmente apresentado pelo América. O lateral-direito Patric, anunciado no início da semana, vestiu o manto do Coelhão e concedeu sua primeira entrevista respondendo às perguntas enviadas pela imprensa. O atleta de 32 anos assina contrato definitivo até o fim de dezembro com o Clube.

Antes do treino desta tarde, o lateral foi oficialmente apresentado por Euler Araújo, membro do Conselho de Administração do América. Logo depois, iniciou os trabalhos do dia com os demais companheiros no CT Lanna Drumond.

Euler Araújo deu as boas-vindas ao novo atleta americano e não poupou elogios.

“Já temos um grupo forte, que mostrou muita competência, mas sempre buscamos agregar novos valores ao plantel. O Patric, pela sua competência, seu profissionalismo e pela pessoa que é, dentro e fora de campo, conseguirá nos ajudar nesse grande desafio de permanecer na Série A. Patric, que Deus abençoe o seu trabalho com a camisa do Coelho e que você tenha muito sucesso nesta trajetória”.

Durante a entrevista, Patric comentou sobre seu retorno a BH e os bastidores de sua negociação com o Clube.

“Retornar a BH é uma felicidade que não cabe no coração. Ainda mais para um Clube que vem se qualificando, pela estrutura e pelo profissionalismo. Houve outras propostas, mas a melhor e a principal foi essa. O América é um clube que já lançou jogadores que hoje vestem a camisa da Seleção, então, estar aqui para mim é um privilégio”.

Na ocasião, Patric agradeceu à Nação Americana pelo primeiro apoio e deixou sua mensagem.

“Foi falado sobre valores aqui dentro do Clube, e valores são o que eu prego e o que eu respeito na minha vida. Que vocês continuem acreditando nesta equipe, porque temos muito a conquistar e a vencer nesta trajetória. Muito obrigado! Tenham certeza de que vamos trabalhar muito e nos empenhar para que, quando o público retornar aos estádios, voltemos a ver o sorriso em cada um de vocês!”.

Já registrado no Boletim Informativo Diário da CBF, Patric vem trabalhando normalmente nos treinamentos desta semana e fica à disposição para a sequência do Brasileirão.

>> Site oficial

Abner Teixeira garante bronze no boxe ao avançar à semi em Tóquio

Foto: Gaspar Nóbrega/COB

O boxe brasileiro assegurou nesta sexta-feira (30) uma medalha de bronze na Olimpíada de Tóquio(Japão) com Abner Teixeira, que avançou às semifinais da categoria até 91 quilos. O paulista, de 24 anos derrotou o jordaniano Hussein Eishaishna por decisão por 4 a 1 em decisão dos árbitros, em duelo das quartas na Arena Kokugikan, na capital japonesa. O bronze antecipado ocorre no boxe pois não há disputa de terceiro lugar na modalidade.

O próximo adversário de Abner será o cubano Julio César La Cruz, na próxima terça (3 de agosto), às 6h50 (horário de Brasília). La Cruz foi campeão na Rio 2016 na categoria meio-pesado (até 81 kg).

O jordaniano começou com bastante agressividade no primeiro round, restando ao brasileiro se defender. Apesar disso, Abner conseguiu aplicar golpes precisos, o que contou pontos para ele. No round seguinte, o asiático tentou manter o ritmo, entretanto desacelerou ao longo da disputa. Já o paulista aproveitou e cresceu no duelo, pontuando com ataques consistentes. No terceiro e último round, foi a vez do brasileiro partir para cima e encurralar o jordaniano, que foi obrigado a ficar na defensiva. A decisão do confronto ficou nas mãos de cinco árbitros, sendo que quatro apontaram o brasileiro como vencedor e um decidiu Hussein como o vitorioso.

Também na madrugada desta sexta (30), a campeã mundial Bia Ferreira estreou com vitória nos Jogos de Tóquio e avançou às quartas de final.

>> Agência Brasil 

Bia Ferreira sobra na estreia no boxe e avança às quartas em Tóquio

Foto: Gaspar Nobrega/COB

Atual campeã mundial, a brasileira Beatriz Ferreira fez jus às expectativas de favoritismo na briga por medalha na Olimpíada de Tóquio (Japão). A baiana atropelou na estreia a pugilista Shih-Yi Wu, de Taiwan, com vitória unânime dos juízes(5 a 0), garantindo a classificação para as quartas de final na categoria até 60 quilos.

Estreante em Olimpíadas, Bia terá como adversária nas quartas a uzbeque Raykhona Kodirova, na terça (3 de agosto) às 5h (horário de Brasília), na Kokugikan Arena, na capital japonesa.
Adeus a Tóquio 2020

Na primeira luta desta madrugada, o meio-pesado Keno Marley deu adeus aos Jogos de Tóquio nas quartas de final. O pugilista de 21 anos foi superado pelo superado por 3 a 2 pelo britânico Benjamin Whittaker na categoria até 81 quilos. Prata em 2019 nos Jogos Pan-Americanos de Lima (Peru), Marley encerra sua primeira participação em Olimpíadas com vitória na estreia contra o chinês Daxiang Chen.

>> Agência Brasil 

Cuca tem 72% de aproveitamento desde retorno ao Galo

Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

Em sua segunda passagem pelo Galo, o técnico Cuca coleciona números altamente positivos. Ele comandou a equipe em 35 partidas, com 23 vitórias e 5 derrotas, o que representa um aproveitamento de 72,3%.

Também na passagem atual, foram 55 gols marcados sob o comando do treinador e 20 sofridos. Nas 35 partidas disputadas, a equipe passou 19 jogos sem tomar nenhum gol, evidenciando a eficiência do trabalho defensivo implantado.

Cuca na história
 
A primeira passagem de Cuca no Galo foi de agosto de 2011 a dezembro de 2013, quando conquistou o bicampeonato Mineiro 2012/2013, além da Copa Libertadores da América 2013.

A segunda teve início no último mês de março e já rendeu o primeiro título do ano, ao superar o América na final do Campeonato Mineiro.


Uma semelhança nas duas passagens é que o técnico conseguiu realizar a melhor campanha da fase de grupo da Libertadores em 2013 e novamente em 2021. Neste ano, a crescente no desempenho se refletiu nos resultados, sobretudo, no mês de julho. Foram nove partidas, sete vitórias e dois empates.

Na história, Cuca é o quinto técnico com maior número de jogos no comando do Galo. Até hoje, foram 188 jogos. À frente dele, encontram-se Telê Santana, Procópio Cardoso, Levir Culpi e Barbatana, nesta ordem.

Números de Cuca no Atlético:

Jogos: 188

Vitórias: 103

Empates: 41

Derrotas: 44

>> Site oficial

Vice-lanterna da Série B, Cruzeiro recebe Londrina em 'jogo de seis pontos'

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Extremamente pressionado, na vice-lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro e há oito jogos sem vencer - cinco empates e três derrotas. Esse é o cenário em que o Cruzeiro receberá o Londrina, nesta sexta-feira, às 21h30, no Mineirão.
 
O jogo em Belo Horizonte ganha contornos ainda mais decisivos pelas posições das equipes na tabela. O Cruzeiro é o 19º colocado, enquanto o Londrina ocupa a 18ª posição. Mineiros e paranaenses têm os mesmos 12 pontos em 14 jogos, mas a Raposa tem saldo pior (-7 a -5).

Com o cargo ameaçado, o técnico Mozart precisará realizar duas mudanças em relação ao time que empatou por 0 a 0 com o Vila Nova, no último sábado. O zagueiro Rhodolfo, com edema na panturrilha direita, e o volante Lucas Ventura, diagnosticado com entorse no tornozelo direito, serão desfalques na partida.

No setor defensivo, Léo Santos deverá assumir a vaga, enquanto no meio-campo Flávio é o favorito. Mozart ainda tem à disposição o volante Adriano, que ficou fora da lista de convocados dos últimos três jogos em função de compromissos particulares, mas retornou aos planos.

Já no ataque, o técnico do Cruzeiro deve optar por uma mudança estratégica. Thiago, que recebeu oportunidade diante do Vila, mas não teve o desempenho esperado, deixará a equipe para a entrada de Marcelo Moreno. O boliviano, a exemplo de Adriano, desfalcou os mineiros nos últimos dois jogos por problemas de cunho pessoal.

Londrina

O técnico Márcio Fernandes tem dois retornos importantes para escalar a equipe diante do Cruzeiro. Após cumprirem suspensão na vitória por 1 a 0 sobre o Remo, na última rodada, o zagueiro Lucas Costa e o lateral-esquerdo Luiz Henrique deverão ser titulares no Mineirão.

A tendência é que Luiz Henrique seja utilizado mais avançado, na vaga de Douglas Santos.

Anunciado na última quarta-feira como novo reforço, o zagueiro Saimon viajou com a delegação para Belo Horizonte e fica à disposição para o decorrer da partida. Sua escalação como titular também não está descartada.

Por outro lado, o treinador do Londrina ainda não poderá contar com o meia Mossoró e os atacantes Salatiel e Caprini, todos entregues ao departamento médico.

CRUZEIRO X LONDRINA

Cruzeiro
Fábio; Ramon, Léo Santos e Eduardo Brock; Norberto, Flávio, Rômulo e Felipe Augusto; Rafael Sobis, Bruno José e Marcelo Moreno. Técnico: Mozart

Londrina
César; Matheus Bianqui, Marcondes, Lucas Costa (Saimon) e Felipe Vieira; Tárik, Marcelo Freitas e Celsinho; Lucas Lourenço, Safira e Douglas Santos (Luiz Henrique). Técnico: Márcio Fernandes

Motivo: 15ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data e horário: 30 de julho de 2021 (sexta-feira), às 21h30
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Tiago Gomes da Silva (GO) e Hugo Sávio Xavier Correa (GO)

>> Superesportes

Seleção feminina do Brasil perde para o Canadá nos pênaltis e está fora

Foto: Sam Robles/CBF

A Seleção Brasileira Feminina de Futebol viu o sonho de mais uma medalha olímpica chegar ao fim diante de uma forte adversária, o Canadá. Nos pênaltis, foi derrotada por 4 a 3, depois de empate por 0 a 0 no tempo regulamentar e na prorrogação, pelas oitavas de final dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

É a segunda vez que a Seleção feminina encerra sua participação em Olimpíada sem brigar por medalha. O Brasil foi prata em Atenas'2004, e em Pequim'2008. Na Rio'2016, terminou em quarto lugar, derrotada justamente pelo Canadá.

Em entrevista à TV Globo logo após a partida, a atacante Marta encarou a eliminação com serenidade e pediu apoio: "Tem vez que as coisas não funcionam. A gente teve chance até de abrir o placar. Na prorrogação, elas estavam nitidamente mais cansadas que a gente. Mas são coisas do futebol, nem sempre o melhor ganha. Agora é pensar no futuro, é continua apoiando a modalidade. O futebol feminino não acaba aqui, espero que as pessoas tenham essa consciência. Estou muito orgulhosa da equipe, só fica aquele gostinho de que poderíamos ter feito mais".

Marta só lamentou que a volante Formiga – que anunciou sua aposentadoria da Seleção Brasileira – tivesse uma despedida de Olimpíada mais feliz: "Eu conversei com as meninas, até me dirigi diretamente à Formiga, que eu queria ter mais uma vez a emoção de lutar pela medalha com ela. Mas agradeço a ela pela vida dedicada ao esporte. Ela, que vem ajudando tanto a modalidade e é inspiração para as meninas na Seleção. Poderia ter tido um final um pouquinho mais feliz".

As penalidades começaram promissoras para a equipe comandada por Pia Sundhage

A goleira Bárbara fez sua parte e defendeu a primeira cobrança, da principal jogadora do time canadense, Sinclair. Foi então a vez da craque Marta abrir as cobranças para o Brasil, e ela não decepcionou.

O Canadá converteu a segunda cobrança, com Fleming. Debinha mandou no cantinho esquerdo da goleira e colocou a Seleção novamente à frente. O placar voltou a ficar empatado com a cobrança da canadense Lawrence.

Com extrema tranquilidade, a zagueira Érika marcou para o Brasil, levando Pia a pular de alegria. O Canadá voltou a acertar a cobrança, com Leon, e, Andressa Alves, então, parou nas mãos da goleira Labbé.

Gilles converteu a quinta cobrança do time da América do Norte. Foi a vez então de Rafaelle, que não podia perder. De perna esquerda, ela cobrou à meia-altura no centro do gol, e novamente a goleira canadense pegou.

No Brasil, a atacante Cristiane, que está atuando como comentarista da Rede Globo, não segurou as lágrimas com o fim do sonho brasileiro.

FICHA TÉCNICA

CANADÁ 0 (4) x 0 (3) BRASIL

CANADÁ

Labbe; Lawrence, Buchanan, Gilles e Chapman (Riviere); Scott, Fleming, Quinn (Grosso) e Sinclair; Prince (Rose [Huitema]) e Beckie (Leon)

Técnica: Bev Priestman

BRASIL
Barbara; Bruna Benites, Erika, Rafaelle e Tamires; Formiga (Angelina), Andressinha, Marta e Duda (Andressa Alves); Debinha e Bia Zaneratto (Ludmila)
Técnica: Pia Sundhage

ESTÁDIO: Miyagi, no Japão.
ÁRBITRA: Stephanie Frappart (França)
CARTÕES AMARELOS: Duda, Lawrence e Riviere

>> Superesportes

quinta-feira, 29 de julho de 2021

Galo vence Bahia com outra ótima atuação de Hulk e dá grande passo para a vaga

Foto: Divulgação

O Atlético voltou a vencer o Bahia e deu um importante passo para a classificação às quartas de final da Copa do Brasil. Depois de fazer 3 a 0, pelo Brasileiro, no último domingo, o Galo foi novamente superior aos baianos e venceu por 2 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da competição eliminatória.


Mais uma vez Hulk foi decisivo e teve participação direta nos dois gols, o segundo marcado por ele. No primeiro, a jogada por elevação saiu dos pés do camisa sete, que achou Dodô, o autor da assistência para Zaracho marcar.

Na próxima quarta-feira (4), em Feira de Santana, o time de Cuca pode até perder por uma diferença de um gol que estará classificado à próxima fase da Copa do Brasil.

Ao contrário do duelo do último domingo, quando o Galo venceu por 3 a 0 pelo Campeonato Brasileiro, o time alvinegro começou bem o jogo e fez um bom primeiro tempo, propondo um duelo franco. Já o Bahia manteve a postura de atuar com linhas baixas e esperando o contragolpe.

E quase veio, se não fosse a péssima tomada de decisão de Ronaldo, que recebeu belo passe de Jonas e, cara a cara com Everson, chutou em cima do goleiro do Atlético, que salvou.

Os donos da casa apertaram em busca do gol e abrir o placar em uma jogada do melhor jogador do time na temporada. Hulk achou Dodô em um passe por elevação, e o lateral cruzou para Zaracho tocar para as redes.

No segundo tempo, o Bahia voltou melhor e chegou a empurrar o Atlético para trás. Incomodou o goleiro Everson, que fez boas defesas.

Mas o Bahia cometeu o pecado de errar uma saída de bola, na qual Hulk recebeu limpa para driblar o defensor e soltar a bomba, de direita, para o fundo das redes.

Atlético x Bahia

Motivo: jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil 2021

Local: estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Zaracho, Hulk (A)

Cartões amarelos: Zaracho, Alonso (A); Gilberto, Nino Paraíba (B)

Atlético

Everson; Mariano, Réver, Alonso e Dodô; Allan, Tchê Tchê, Zaracho (Calebe) e Nacho (Hyoran); Savarino (Eduardo Sasha) e Hulk. Técnico: Cuca

Bahia

Danilo Fernandes; Nino Paraíba, Conti, Luis Otávio e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick, Jonas (Lucas Araújo) e Daniel (Matheus Galdezani); Rossi, Gilberto e Ronaldo (Rodriguinho). Técnico: Dado Cavalcanti

>> O Tempo/SuperFC

quarta-feira, 28 de julho de 2021

Ramon diz que pessoas envolvidas com o Cruzeiro ainda não acordaram para a Série B

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

O Cruzeiro segue caindo cada vez mais na tabela da Série B. Ainda que o clube mantenha o discurso de busca pelo acesso, Ramon admite que o time ainda não despertou para a disputa da competição. E não só dentro de campo, mas também fora dele.

Ramon foi o entrevistado na Toca da Raposa, na tarde dessa segunda-feira, e falou sobre isso quando perguntado o que julga necessário fazer para melhorar os resultados.

“O principal fator que está faltando é a gente acordar para o campeonato. O campeonato está passando, e nós estamos deixando muito a desejar. Eu digo não só os jogadores, mas todo mundo que está envolvido com o Cruzeiro”

Ramon também comentou sobre o Cruzeiro ter a defesa mais vazada, com 23 gols sofridos em 14 jogos na Série B. O zagueiro comparou os números defensivos da equipe com o desempenho do setor na competição do ano passado, quando foi o terceiro melhor em 38 jogos. Ramon disse que é necessário buscar equilíbrio.

- Estamos com a defesa mais vazada, o que a gente não sofreu ano passado na Série B. Precisamos ter o equilíbrio de parar de tomar gols e também fazer os gols. Estamos batendo nessa tecla todos os dias, conversando com o elenco e com a comissão sobre o que a gente tem que melhorar.

“Os treinamentos estão aí para que a gente possa melhorar a cada dia, porque daqui a pouco acaba o primeiro turno, começa o segundo e vai afunilando. Precisamos, o mais rápido possível, procurar o equilíbrio para conseguir nosso objetivo principal”.

Ramon voltou ao time titular contra o Vila Nova, após se recuperar de lesão muscular e ser reserva diante do Remo. A tendência é que seja mantido entre os 11 por Mozart, ainda mais com a possibilidade de ausência de Rhodolfo, com edema na panturrilha.

Sem vencer há oito rodadas, o Cruzeiro tem apenas 12 pontos e ocupa a penúltima colocação. Em caso de tropeço contra o Londrina, na sexta-feira, às 21h30, pela 15ª rodada, e vitória do Confiança sobre o Brusque, a equipe de Mozart pode terminar na lanterna.

>> Globo Esporte

Atlético x Bahia: veja prováveis times para duelo pela Copa do Brasil

Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

Após a goleada por 3 a 0 no domingo, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético volta a enfrentar o Bahia, desta vez pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O jogo de ida será nesta quarta-feira, às 21h30, no Mineirão.
A tendência é que o técnico Cuca faça apenas uma modificação na equipe titular. Por já ter disputado a competição pelo Atlético-GO, o zagueiro Nathan será desfalque e dará lugar provavelmente a Réver.

A provável formação alvinegra terá Everson; Mariano, Réver, Junior Alonso e Dodô; Allan, Alan Franco, Tchê Tchê, Zaracho e Nacho Fernández; Hulk.

Já o Bahia, conduzido pelo técnico Dado Cavalcanti, conseguiu a conversão de uma penalidade no STJD para o meia Daniel, que se envolveu em briga generalizada na final da Copa do Nordeste.

Daniel cumpriu metade dos oito jogos de suspensão e pagará o restante em doações. O Bahia será responsável por repassar R$30 mil a quatro instituições beneficentes.

Desta forma, Dado Cavalcanti escalará o Tricolor com Matheus Teixeira; Nino, Conti, Ligger (Luiz Otávio) e Matheus Bahia; Patrick, Lucas Araújo (Jonas) e Daniel; Rossi, Rodriguinho e Gilberto.

>> Superesportes

Brasil bate Arábia Saudita com dois de Richarlison e avança em 1º do grupo

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Brasil encontrou mais dificuldades do que o esperado, mas confirmou o favoritismo diante da Arábia Saudita, venceu por 3 a 1 e confirmou sua vaga no mata-mata dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Em Saitama, a Seleção Brasileira deslanchou no segundo tempo e chegou ao triunfo com gols de Matheus Cunha e outros dois de Richarlison, o nome do jogo e o novo artilheiro da competição.
Com isso, o Brasil avançou às quartas na liderança do Grupo D, com sete pontos, fruto de duas vitórias e um empate. Os árabes, que balançaram as redes com Al Amri, e mostraram coragem e organização, se despediram da Olimpíada sem pontuar e na lanterna da chave.

O outro classificado do grupo foi a Costa do Marfim, que segurou um empate com a Alemanha e eliminou o time europeu, atual vice-campeão olímpico.

Garantida nas quartas, a seleção atual campeã olímpica ainda não tem adversário definido. Certo é que será o segundo colocado do Grupo C, que pode ser Espanha, Austrália, Argentina ou Egito.

O rival será conhecido ainda na manha desta quarta e o duelo decisivo está marcado para o próximo sábado, às 7h (de Brasília), em Saitama.

O Brasil fez bons 20 primeiros minutos, apertou a saída de bola do adversário e chegou ao seu gol por meio da bola aérea aos 13 minutos.

Claudinho bateu escanteio da esquerda e Matheus Cunha apareceu na primeira trave para desviar de cabeça e abrir o placar. Foi seu primeiro gol em Tóquio após oito finalizações. Destaque na jogada para a bola roubada de Antony antes de o time ter dois escanteios e, em um deles, originar-se o gol.

Embora não tenham feito uma grande apresentação, os brasileiros chegarão invictos e com moral para o mata-mata olímpico. Nesta quarta, engrenaram na etapa final à medida que encontraram os espaços na defesa dos árabes.

Pouco produtivo, Antony teve a chance de ampliar o resultado ao receber cruzamento perfeito de Arana, mas mandou de cabeça no travessão. No rebote, Claudinho arrematou em cima da marcação.

Ocorre que o Brasil enfrentou um adversário que, mesmo sem chance de classificação, entrou em campo disposto a surpreender. Os árabes, ao contrário da Costa do Marfim no último jogo, não se intimidaram diante dos brasileiros, subiram a marcação e se arriscaram no ataque.

A Seleção Brasileira encontrou o gol pelo alto e foi dessa mesma maneira que levou o empate. Aos 26, Diego Carlos saltou, mas não alcançou a bola, e ela sobrou para Al Amri. O zagueiro desviou de cabeça no cantinho, sem chance de defesa para o goleiro Santos.

Arana e Claudinho, dois dos que mais tomaram a iniciativa no primeiro tempo, tiveram uma oportunidade cada para recolocar o Brasil em vantagem, mas o meia cabeceou mal e o lateral soltou uma bomba que fez a curva ao contrário e saiu muito perto da trave esquerda. No fim, Antony ainda perdeu um gol incrível. O jovem atacante do Ajax recebeu passe de Matheus Cunha e, dentro pequena área, desviou devagar para a meta. Mas o goleiro Al Bukhari se jogou nos pés dele para fazer a defesa.

Segundo tempo

O Brasil melhorou seu desempenho com a entrada de Malcom no intervalo. Jardine colocou o atacante no lugar de Antony, que até conseguiu bons dribles, mas falhou na objetividade e enfeitou demais as jogadas.

Saiu dos pés de Matheus Cunha a melhor oportunidade de gol no segundo tempo. Matheus Henrique concluiu para a defesa do goleiro e, no rebote, com o gol escancarado, Matheus Cunha, bateu de primeira e mandou na trave.

Até que Richarlison apareceu para recolocar o Brasil à frente. A zaga afastou após cobrança de escanteio e a bola sobrou para Bruno Guimarães, que rebateu de cabeça em direção ao camisa 10. O "pombo" desviou de cabeça para as redes.

Jardine oxigenou a equipe ao lançar mão de Reinier, Menino e Gabriel Martinelli no fim da partida. Reinier teve a chance para ampliar após tabelar com Malcom na área, mas parou no goleiro Al Bukhari.

Nos acréscimos, Richarlison balançou as redes novamente Mas Malcom estava impedido na origem do lance e o gol do atacante do Everton não foi validado.

Não fez falta porque Richarlison marcou mais um aos 47 e desta vez valeu. Ele apareceu na pequena área para completar cruzamento rasteiro de Reinier, sacramentar o triunfo em Saitama e assumir a artilharia do torneio olímpico, com cinco gols, ultrapassando o experiente goleador francês Gignac.

ARÁBIA SAUDITA 1 X 3 BRASIL

ARÁBIA SAUDITA - Al Bukhari; Al Dawsari Khalifah, Amri e Hindi; Abdulhamid, Al Faraj (Al Omran), Al Hassan, Al Dawsari Salem, Al Naji (Ghareeb) e Al Shahrani; Al Hamddan (Al Brikan). Técnico: Saad Ali Al Shehri.

BRASIL - Santos; Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana (Abner Vinícius); Bruno Guimarães (Gabriel Menino), Matheus Henrique e Claudinho (Reinier); Antony (Malcom), Richarlison e Matheus Cunha (Gabriel Martinelli). Técnico: André Jardine.

GOLS - Matheus Cunha, aos 13, e Al Amri, aos 26 minutos do primeiro tempo. Richarlison, aos 30, e aos 47 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Bamlak Tessema (Etiópia).

CARTÕES AMARELOS - Guilherme Arana, Al Shahranik, Mukhtar, Khalifah Al Dawsari, Daniel Alves e Gabriel Martinelli

LOCAL - Estádio de Saitama.

>> Estadão Conteúdo 

terça-feira, 27 de julho de 2021

Futebol feminino nas Olimpíadas! Brasil enfrenta Canadá nas quartas de final

Getty Images

O time do Brasil saiu na frente e venceu a Zâmbia pela terceira rodada da fase de grupos do Futebol feminino nas Olimpíadas de Tóquio. Sendo assim, com esse resultado, a seleção brasileira avança para as quartas de final como segunda colocada do Grupo F com sete pontos.

Canadá, Estados Unidos, Grã-Bretanha, Austrália, Suécia, Holanda e Japão são os outros times classificados. Nessa fase os confrontos são mata-mata, assim quem ganhar, avança, quem perder, está fora, e volta pra casa.

Todo os jogos das quartas de final vão ser no dia 30 de julho, sexta-feira. O Brasil vai jogar às 5h da manhã (horário de Brasília), contra a seleção do Canadá. Assim se o time de futebol feminino brasileiro ganhar, nossas meninas pegam a equipe vencedora da partida entre Holanda e Estados Unidos. Mas esse jogo vai ser um pouquinho mais tarde, às 8h da manhã, também na sexta-feira. Na outra chave, Grã-Bretanha e Austrália jogarão em Kashima às 6h da manhã. Uma hora depois, começa o confronto entre suécia e Japão em Saitama.

Veja como serão das quartas de final do Futebol Feminino nas Olimpiadas:

Canadá x Brasil – 5h00 em Miyagi

Grã-Bretanha x Austrália – 6h00 em Kashima

Suécia x Japão – 7h00 em Saitama

Holanda x Estados – 8h00 em Yokohama

>> Uai/Mundo Ela

Conmebol anuncia que final da Libertadores será no dia 27 de novembro, em Montevidéu

Foto: Reprodução/Twitter

A Conmebol anunciou nesta terça-feira que a final da Copa Libertadores deste ano será realizada no dia 27 de novembro, no Estádio Centenário, em Montevidéu. Trata-se de uma modificação no planejamento inicial da confederação, que previa na tabela original que o título fosse definido uma semana antes, no dia 20, sábado.

A decisão da Copa Sul-Americana estava prevista para o dia 6 de novembro, mas foi adiada para o dia 20. Essa partida única também ocorrerá no Estádio Centenário. A Conmebol não informou o motivo da alteração das datas.

A confederação sul-americana de futebol havia definido o Estádio Centenário como o grande palco das duas finais em maio, de maneira surpreendente, já que a arena não fazia parte da lista inicial.

O estádio se tornou uma das opções favoritas da Conmebol depois de o governo do Uruguai atuar como intermediário para a obtenção de 50 mil vacinas contra a Covid-19 do laboratório chinês Sinovac. Também pesou a favor do Uruguai o ritmo de vacinação da população, que garantiria a possibilidade de fazer os jogos com portões abertos e presença de público.

Essa será a terceira vez que a Copa Libertadores será decidida em sede única, em campo neutro. As outras duas foram em Lima, em 2019, com o duelo entre Flamengo e River Plate, e no Maracanã, no ano passado, em que o Palmeiras venceu o Santos.

Cinco equipes brasileiras seguem na disputa pelo título da Libertadores neste ano, com a competição chegando nas quartas de final. Flamengo, Palmeiras, São Paulo e Atlético-MG estão classificados para a próxima fase - e o Fluminense ainda jogará o duelo de volta contra o Cerro Porteño, que foi adiado pela morte do filho do técnico Arce. Na ida, o clube carioca venceu por 2 a 0.

As quartas de final da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana serão realizadas entre os dias 11 e 18 de agosto, conforme anunciado na semana passada.

>> Globo Esporte 

Atlético poderá receber público em jogo contra o River pela Libertadores

Site oficial/Atlético

O Atlético poderá ter o apoio de sua torcida no jogo de volta das quartas de final da Copa Libertadores, contra o River Plate. Nesta terça-feira, a Prefeitura de Belo Horizonte anunciou a liberação de público nas partidas de futebol com limitação de 30% da capacidade do estádio.

Em busca do bicampeonato na Libertadores, o Galo encara os argentinos em 18 de agosto (quarta-feira), às 21h30, no Mineirão. O confronto de ida está marcado para uma semana antes, no dia 11, também às 21h30, no Monumental de Núñez, em Buenos Aires.

Como o Gigante da Pampulha comporta 60 mil espectadores, o jogo entre Atlético e River receberá até 18 mil torcedores e terá comercialização de ingressos somente pela internet. Nas dependências do estádio, pessoas de núcleos distintos serão obrigadas a manter distância de um assento lateral e frontal.

Em entrevista coletiva, o secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado, explicou que os torcedores terão de apresentar o teste negativo de COVID-19 para acessar o Mineirão, além de usar máscaras (inclusive quem já foi vacinado). Ele ainda recomendou que grávidas não frequentem o estádio e deu o alerta a possíveis fraudes nos exames.

“Gostaria de lembrar que a falsificação de resultado de exames é crime e será contemplada como tal. É muito importante que tenha o resultado de um exame em um laboratório confiável, com estrutura de saúde confiável”.

De acordo com Machado, o primeiro evento esportivo será em caráter de teste. “A ideia é que, se der certo, na medida que as condições permitirem, haverá expansão da liberação de público”.

O secretário não entrou em detalhes quanto ao fato de a CBF ainda não ter liberado a presença de público no Brasileirão e na Copa do Brasil. Segundo ele, é um assunto a ser resolvido em conjunto com os clubes e a Federação Mineira de Futebol.

“Se os clubes conseguirem convencer a CBF de liberar antes (do jogo entre Atlético e River), pode ser que no próximo jogo já seja assim. Vai depender, agora, da conversa dos clubes e da Federação Mineira com a CBF”, frisou Jackson Machado.


No último dia 20, o jornalista Rodrigo Mattos publicou em sua coluna no portal UOL que a Confederação Brasileira de Futebol pretende estabelecer o regresso de público a partir das quartas de final da Copa do Brasil, em 25 de agosto. No Brasileirão, a liberação só seria efetivada mediante autorização de todos os estados.

Todos os setores abertos

Em Atlético x River Plate, todos os setores do Mineirão estarão abertos. Samuel Lloyd, diretor do estádio, explicou que o objetivo da medida é minimizar aglomerações.

“A gente abre tudo para que todos tenham espaçamento, a esplanada também é grande, e a gente pede que as pessoas cheguem com antecedência para fazer o check-in. Tudo isso exigirá mais tempo”.

Samuel espera que os resultados do evento-teste sejam bem-sucedidos, de modo que partidas futuras tenham condições de contar com público maior.

“Para que a gente tenha 40, 50, 60% de público no estádio, precisamos da colaboração do torcedor nesse evento de 30%. Vamos trabalhar muito a comunicação para que as pessoas não tenham dúvidas de como proceder”.

>> Superesportes

Punido, Cruzeiro aguarda CBF para saber quando jogará com público

Mineirão virou campo de guerra no jogo que marcou rebaixamento do Cruzeiro à
Série B (Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press - 08/12/2019)

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) anunciou, nesta terça-feira, a liberação de 30% da capacidade total de público nos estádios da capital. O Cruzeiro, no entanto, ainda precisará aguardar mais que os adversários para ter seu torcedor no Mineirão, uma vez que precisa cumprir cinco jogos de punição pelos incidentes na reta final da Série A de 2019.

Em entrevista coletiva, o secretário municipal de Saúde, Jackson Machado, informou que os 30% de torcedores autorizados devem ser apenas dos mandantes dos jogos. Há, ainda, exigência de teste PCR negativo para COVID-19, mesmo para vacinados. A comercialização de camarotes está proibida. Veja outras regras:

Uso obrigatório de máscaras

Um assento lateral e um assento frontal de distância entre torcedores

Sem limitação de idades, mas há recomendação para que grávidas não compareçam

Venda de ingressos apenas pela internet

Todos os portões dos estádios deverão ser abertos

Há uma dúvida se o Cruzeiro começará a pagar sua pena com a liberação parcial do público ou se terá de aguardar a autorização para presença da capacidade total.

>> Superesportes 

BH libera público nos estádios de futebol com 30% de ocupação e sem venda de bebidas alcoólicas

Reprodução

Os estádios de futebol de Belo Horizonte poderão receber 30% do público nas arquibancadas. A liberação foi confirmada nesta terça-feira (27) após reunião entre o prefeito Alexandre Kalil (PSD), membros do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 e representantes dos clubes e das arenas esportivas da capital.

Para isso, haverá um protocolo sanitário rígido, com objetivo de minimizar a possibilidade de circulação do novo coronavírus entre os torcedores presentes. Terão acesso ao espaço aqueles que apresentarem um teste negativo para a doença com espaço de 72 horas. A fiscalização será feita pela administração dos estádios.

“O torcedor vai ter que levar, no dia do jogo, o ingresso e o resultado de seu teste negativo para a doença. A falsificação de resultado de exames é crime e será contemplada como tal”, afirmou o secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado Pinto.

De acordo com o gestor, a primeira partida servirá como evento teste. “Se esse der certo, com a medida que as condições permitirem, haverá uma expansão da liberação de mais público”, completou.

Além disso, segundo o chefe da pasta, não haverá venda de camarotes nem bebidas alcoólicas. Os ingressos só poderão ser comprados pela internet e existirá a necessidade de informar contatos para monitoramento por parte da administração municipal.

Não haverá limitação de idade, apenas o distancimanto físico entre os presentes e o uso obrigatório de máscara. No entanto, Jackson afirmou que exista a recomendação de que grávidas evitem os jogos.

A Conmebol, entidade máxima do futebol sul-americano, já liberou as torcidas nos eventos chancelados por ela. Dessa forma, o Atlético está apto a contar com a presença do público no Mineirão nas partidas da Copa Libertadores. Restava apenas o sinal verde da PBH, que tinha a palavra final.

Eventos da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), como o Campeonato Brasileiro, ainda não foram autorizados a abrir os portões aos torcedores. Por outro lado, a Federação Mineira de Futebol (FMF) já divulgou o protocolo que deverá ser seguido nas partidas sob sua tutela. Neste momento, apenas o Módulo II do Campeonato Mineiro se enquadra nas regras.

>> Hoje em Dia

VÍDEO! Arbitral do Amador de Belo Oriente na sexta-feira

 

Resultados da 5ª rodada e a classificação atualizada do Mineiro Módulo 2

Foto: Pamella Tomich/EC Democrata

Tupynambás 2 x 1 Guarani

Betim 1 x 2 União Luziense 

Democrata-SL 1 x 1 Tupi

Nacional de Muriaé 0 x 0 Aymorés 

Villa Nova 0 x 1 Serranense

Democrata-GV 0 x 0 Ipatinga

FMF

Vagner Mancini espera por reforços para jogo do América-MG com o Atlético-GO

Foto: João Zebral 

O elenco do América-MG volta aos treinos na manhã desta terça-feira, no CT Lanna Drumond. O time do técnico Vagner Mancini inicia a preparação para o jogo diante do Atlético-GO, no próximo domingo, às 20h30 (de Brasília), pela sequência do Campeonato Brasileiro.

Mancini pode ter novidades no grupo para a partida fora de casa. O meia Isaque, contratado por empréstimo, está liberado para atuar pelo América. Cedido ao Coelho pelo Grêmio, o jogador não pode atuar contra o ex-clube, por questões contratuais, no empate em 1 a 1, no último sábado, em Porto Alegre.

Perto de ser oficializado pelo América, o lateral Patric também tem chance de reforçar a equipe para o jogo diante do Atlético-GO. Eduardo, titular do setor, está em tratamento no departamento médico do clube, em função de um problema na tíbia. Diego Ferreira, que atuou diante do Grêmio, pode ser mantido na ala, caso Patric não possa estrear.

O atacante colombiano Berrío segue trabalhando com a preparação física, enquanto aguarda a abertura da janela de transferências para regularizar o contrato e poder ir a campo com a camisa do América.

Os atacantes Ribamar, Rodolfo e Yan Sasse continuam em tratamento no departamento médico do Coelho. Os três não têm previsão de retorno ao time. O meia Bruno Nazário, que não viajou para o jogo em Porto Alegre, por causa de incômodo na coxa esquerda, deve estar à disposição do treinador para a partida de domingo.

Em 18º lugar na tabela, com 10 pontos em 13 jogos, o América vem de quatro jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro (derrotas para Fortaleza, Atlético-MG e Sport; e empate diante do Grêmio). Um triunfo em Goiânia junto com tropeços de rivais diretos, pode resultar na saída do Coelho do Z-4 ao término da 14ª rodada do Brasileirão.

>> Globo Esporte 

Atlético e Bahia iniciam disputa por desempate na Copa do Brasil

Foto: Pedro Souza/Atlético

Atlético e Bahia iniciam, nesta quarta-feira (28), às 21h30, a disputa por um 'desempate' na Copa do Brasil. Isso porque as equipes já se enfrentaram pelo torneio em duas oportunidades - com uma classificação para cada lado. No primeiro confronto das oitavas de final da atual edição, os times medirão forças no Mineirão, em Belo Horizonte.

Em 1999, pela segunda fase, o Tricolor de Aço avançou com empate por 1 a 1, em casa, e vitória por 1 a 0, fora. Em 2002, nas quartas de final, foi a vez de o alvinegro avançar graças ao gol qualificado como visitante: triunfo em BH, por 2 a 1, e revés em Salvador, por 4 a 3.

O Atlético já garantiu premiação de R$4,4 milhões na Copa do Brasil - R$1,7 milhão pela presença na terceira fase e R$2,7 milhões referentes às oitavas de final. Caso avance às quartas, receberá mais R$3,45 milhões e conhecerá o adversário por meio de um novo sorteio.

Desde a edição de 2018, a Copa do Brasil não prevê em seu regulamento a vantagem do gol fora de casa. Assim, em caso de empate no placar agregado das duas partidas, Atlético e Bahia vão decidir a vaga nos pênaltis.

No Brasileirão, o Galo deu bom indício no duelo ante ao Tricolor de Aço. Neste domingo (25), no Mineirão, em Belo Horizonte, o clube mineiro aplicou um confortável 3 a 0 na equipe nordestina, com gols de Hulk (2x) e Nathan.

Quanto o Atlético pode arrecadar na Copa do Brasil?

Por fase

Terceira fase - R$1,7 milhão
Oitavas de final - 2,7 milhões
Quartas de final - R$3,45 milhões
Semifinal - R$7,3 milhões
Vice-campeão - R$23 milhões
Campeão - R$56 milhões

Acumulado

Terceira fase - R$1,7 milhão
Oitavas de final - R$4,4 milhões
Quartas de final - R$7,85 milhões
Semifinal - R$15,15 milhões
Vice-campeão - R$38,15 milhões
Campeão - R$71,15 milhões

>> Superesportes

Após ausência por questões particulares, Adriano e Moreno voltam aos treinos do Cruzeiro

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Mozart ganhou duas opções pensando no jogo contra o Londrina, às 21h30 (de Brasília) de sexta-feira, no Mineirão, pela 15ª rodada da Série B. O volante Adriano e o atacante Marcelo Moreno treinaram com o elenco nesta segunda-feira.

Os dois foram liberados de parte das atividades, na semana passada, em função de questões particulares. O trabalho desta tarde na Toca da Raposa marcou a reapresentação do elenco depois do empate sem gols com o Vila Nova.

Adriano ficou fora das partidas contra Avaí, Remo e Vila Nova em função do nascimento da filha. Marcelo Moreno, titular contra a equipe catarinense, foi ausência nos dois últimos jogos por causa de um problema de saúde na família.

A volta do volante acontece em boa hora. Nos últimos dias, Mozart perdeu duas opções para o setor, com a saída de Matheus Barbosa para o Atlético-GO e a lesão de Lucas Ventura. O garoto é dúvida para o jogo de sexta-feira.

Marcelo Moreno volta para tentar ajudar o Cruzeiro a retomar o caminho dos gols. O time não marcou nas três últimas rodadas da Série B. Com a ausência dele, Sobis foi titular contra o Remo, e Thiago atuou no comando de ataque diante do Vila Nova.

Nos últimos dias, o atacante boliviano teve o nome envolvido com o Colo-Colo. O treinador do clube chileno confirmou interesse na contratação. Segundo apurou o ge, Moreno não tem interesse (ao menos por ora) no acerto, mas a diretoria cruzeirense tem monitorado a situação.

Mozart terá mais três dias de treinamento até a partida contra o Londrina. Sem vencer há oito rodadas, o Cruzeiro é o penúltimo colocado da Série B, com 12 pontos. O próximo adversário tem a mesma pontuação, mas leva vantagem no saldo (-5 contra -7).

>> Globo Esporte

segunda-feira, 26 de julho de 2021

Clubes são convocados para o arbitral de sexta-feira na Liga de Desportos de Belo Oriente

Arquivo

*POR JOSÉ DIAS SORRISO

A Liga de Desportos de Belo Oriente convoca os clubes filiados para o arbitral da próxima sexta-feira (30) que ocorrerá no Salão de Eventos da Secretaria Municipal de Educação, localizado na Praça Nossa Senhora da Piedade, 06, Centro, Belo Oriente/MG. Já houve um pré-arbitral com os clubes e desta vez os assuntos com relação a realização do Campeonato Amador de Belo Oriente será complementado. 

Nota oficial da Liga de Desportos de Belo Oriente abaixo: 

Belo Oriente, 26 de julho de 2021.

Aos Clubes Filiados

À Liga de Desportos de Belo Oriente

Prezados Senhores,

A Liga de Desportos de Belo Oriente através de seu presidente, vem por meio deste, convocar os clubes filiados junto a entidade para o ARBITRAL DE CLUBES a realizar-se nesta sexta-feira dia 30/07/2021 às 19 horas no Salão de Eventos da Secretaria Municipal de Educação, localizado na Praça Nossa Senhora da Piedade, 06, Centro – Belo Oriente/MG.

Ordem do Dia:

 Credenciamento e definição das equipes participantes;

 Definição do formato de disputa;

 Sorteio e composição da tabela de jogos;

 Leitura e aprovação do regulamento.

Na certeza de poder contar com os nobres desportistas de nossa cidade, desde já manifestamos nossos agradecimentos.

Atenciosamente,

Gerson dos Santos Silva

Presidente da Liga de Desportos de Belo Oriente

(31) 99385-6204

Ipatinga empata com o Democrata-GV no Mamudão e segue sem vencer no Mineiro Módulo 2

Foto: Pamella Tomich/ Assessoria Democrata

*POR JOSÉ DIAS SORRISO

Ipatinga e Democrata-GV ficaram no empate por 0 a 0 na tarde desta segunda-feira pela 5ª rodada do Campeonato Mineiro Módulo 2. O Democrata é quarto colocado com 8 pontos ganhos. O Ipatinga FC segue na lanterna da competição e ainda sem vencer com apenas 2 pontos ganhos. Na próxima rodada, o Democrata encara o Betim fora de casa. O Ipatinga recebe o Democrata de Sete Lagoas no Ipatingão. 

Placar do futebol regional - Confira todos os resultados do final de semana

José Dias Sorriso

*POR JOSÉ DIAS SORRISO

AMISTOSOS 

Limoeiro/Ipatinga 3 x 4 LDU

Juventus/BJG 1 x 0 Terror 

Pedra Branca 2 x 1 Palmeiras/Ipatinga

ARF 2 x 2 Ponte Preta 

Real Master 2 x 0 Milionários 

São Lourenço 4 x 2 Aluvaeira 

Manchester/Paraíso 3 x 3 Galácticos/Fabriciano

Santo André 3 x 1 Rio Branco

Batuque 2 x 6 EC 600

Palmeiras/Fabriciano 3 x 2 Íbis 

Polêmicos 3 x 1 Juventus Árica

AERP 1 x 4 Shock 

Bethânia 0 x 3 Itamarati D

Minas EC 3 x 0 Lucas FC

Ubaporanga 2 x 1 União Rodoviário

Vila Celeste 3 x 3 Industrial/Paraíso

IBBJ 1 x 2 Independente do Limoeiro

Londrina 0 x 0 Chupa Cabra 

Penharol 5 x 3 Olímpico 

Fusão 3 x 0 Amigos do VDS

Opção 2 x 1 AABB Manhuaçu

Caravelas 1 x 4 Roma 

Flamenguinho/Ipatinga 2 x 3 Desportiva

Oriente 3 x 2 Ajax 

Borussia/Ipatinga 6 x 2 BEC

CBY 4 x 1 Palmeiras/Timóteo

Social 4 x 8 Barra Alegre

Serraria 2 x 4 Galeto

Galo Velho Cesjo 0 x 2 Botafogo/Inhapim

Vila Nova 4 x 1 Valencia

Ipabinha 3 x 3 Barcelona/Ipatinga

Caratinga B 4 x 1 Niterói

Primos 4 x 4 Vila Martins 

Arsenal 0 x 1 Folha Viva

Mercenários 9 x 3 Dupla Honra

Ipaba 1 x 1 Pesquisa

Real Vale 5 x 2 Ilha

Borussia/Fabriciano 2 x 1 Cachoeirinha

Braúnas 1 x 2 Besiktas

Areia Preta 1 x 1 Cachoeiro 

ABC 7 x 2 Rio Branco

Leicester 3 x 1 Coritiba

SERGRAF 0 x 1 RIC

Novo Vale 3 x 1 Nacional

Comunitário 3 x 1 Redução

Industrial/Ipatinga 3 x 2 Vale do Aço

ADI Master 0 x 0 Monza

Ipanema 1 x 1 Flamenguinho

Penharol 5 x 3 Olímpico

Napoli/Fabriciano 2 x 2 Ana Moura

Oriente 3 x 2 Ajax

Iguaçu B 3 x 0 Juventus

Vila do Carmo 2 x 5 Galáticos/Ipatinga

Brejaúba 3 x 4 Serra Clube 

Xodó 4 x 3 Jorge Neca 

Boca Rica 6 x 1 Sevale 

Falando de Esportes - Ouça o programa desta segunda-feira

 

domingo, 25 de julho de 2021

Atlético-MG 3 x 0 Bahia - Ouça como foi o jogo

Vila Nova-GO 0 x 0 Cruzeiro - Ouça como foi o jogo

 

Brasileiros conquistam as primeiras medalhas nas Olimpíadas de Tóquio

O skatista brasileiro Kelvin Hoefler fez história ao participar do primeiro pódio olímpico do skate e garantir a primeira medalha do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Kelvin competiu no começo da madrugada desse domingo (25) e chamou atenção ao usar fones de ouvido.

Ele revelou que não escutava música, mas orientações da esposa Ana e da colega de delegação Pâmela Rosa. Partiu delas o incentivo para Kelvin Hoefler encerrar a sequência de manobras com aquela que rendeu a medalha de prata.

Também neste domingo, o judô brasileiro conquistou medalha com o estreante Daniel Cargnin. Ele faturou o bronze da categoria meio-leve ao vencer o israelense Baruch Shmailov por waza-ari. É a terceira vez que o país sobe ao pódio olímpico nessa categoria. Em 1992, Rogério Sampaio foi ouro em Barcelona e, em 96, Henrique Guimarães foi bronze em Atlanta.

E mais medalhas estão à vista. Também neste domingo, as ginastas Rebeca Andrade e Flávia Saraiva garantiram vagas nas finais. Na quinta-feira (29), Rebeca vai disputar o ouro no salto, no solo e no individual geral. Já no próximo domingo (1º), Flávia pode trazer medalha nos aparelhos.

>> Agência Brasil