sábado, 17 de outubro de 2020

Mineiro Módulo II: Athletic e Betim ficam no empate em São João Del-Rei

Foto: TVN Sports/FMF

Pelo Campeonato Mineiro  Módulo II, a equipe do Athletic recebeu o Betim na manhã deste sábado. O jogo no estádio Joaquim Portugal, em São João Del-Rei, terminou com o placar de 0 a 0. Apesar do placar, um jogo quente. Foram três expulsões (duas pelos lados do Athletic e uma do Betim) e vários cartões amarelos. O Athletic (provisoriamente) em segundo com 14 pontos ganhos; o Betim (provisoriamente) em 6º com 11 pontos. 

quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Oficial! Goiás anuncia a contratação do volante argentino Ariel Cabral

Goiás/Divulgação

O Goiás anunciou nesta quinta-feira a contratação do volante argentino Ariel Cabral. O jogador, de 33 anos, ainda pertence ao Cruzeiro, mas foi emprestado à equipe esmeraldina até o fim do Campeonato Brasileiro desta temporada. 

Nesta quarta-feira (14) o clube mineiro havia publicado uma nota informando a concretização da contratação. “O Cruzeiro chegou a um acordo com o Goiás pelo empréstimo do atleta Ariel Cabral. O vínculo terá duração até o final do Campeonato Brasileiro da Série A”, publicou.


Ariel Cabral tornou-se o estrangeiro com mais partidas pela Raposa ao entrar no segundo tempo da derrota por 1 a 0 para o Cuiabá, na Arena Pantanal, no dia 3 de outubro, pela 13ª rodada da Série B. O argentino atingiu 188 jogos e se igualou ao uruguaio Arrascaeta.


O argentino estava no clube celeste desde agosto de 2015, marcou quatro gols e conquistou quatro títulos: duas Copas do Brasil, em 2017 e 2018, e dois Campeonatos Mineiros, em 2018 e 2019.


Vinculado ao Cruzeiro até dezembro de 2021, Ariel repactuou os salários em 2020 dentro do teto de R$ 150 mil. Há um acordo para que a diferença seja paga em 20 parcelas a partir de abril de 2021.


Além de Ariel, o Goiás já havia anunciado na quarta-feira (14) o atacante Fernandão, ex-Bahia. O Verdão também está acertado com o volante Gustavo Blanco, do Atlético, e pode anunciá-lo a qualquer momento.

Por Superesportes

Marca de capitão: Réver completa 250 jogos pelo Galo

Atlético/Divulgação

No empate por 1 a 1 com o Fluminense, na noite desta quarta-feira (14), no Mineirão, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, o capitão Réver alcançou a expressiva marca de 250 jogos com a camisa alvinegra.

Grandes conquistas marcam a trajetória do camisa 4 no Galo, como o título da Copa Libertadores da América, em 2013, ocasião em que levantou a taça no Gigante da Pampulha.

No total, Réver ganhou seis títulos pelo Atlético: Libertadores (2013), Recopa Sul-Americana (2014), Copa do Brasil (2014) e Campeonato Mineiro (2012, 2013 e 2020).
Com 33 gols, o capitão atleticano é o zagueiro com maior número de gols em Campeonatos Brasileiros, ao lado de Leonardo Silva. Pelo Galo, Réver fez 28 gols nos 250 jogos que disputou.

Chamusca também diz "não" ao Cruzeiro, que volta a mirar Felipão

Ascom/Cuiabá

O Cruzeiro levou mais um “não” em sua busca por um novo treinador. A quarta negativa veio do técnico Marcelo Chamusca, que comanda o Cuiabá, líder da Série B do Brasileiro. Segundo apurou o ge, no entanto, as conversas com o Felipão, que já havia rejeitado uma proposta na última segunda-feira, voltaram a acontecer.

Oficialmente, nem o Cruzeiro e nem o staff de Felipão confirmam negociação. O Blog do PVC publicou que há uma reunião entre as partes marcada para esta quinta-feira. Na última segunda, o ge já havia noticiado o interesse do treinador em assumir uma equipe neste momento. Procurada, a assessoria de imprensa de Felipão disse desconhecer reunião com o Cruzeiro e que o treinador está no Sul.

O Cruzeiro procurou Chamusca na tarde dessa quarta-feira, diretamente, através do presidente Sérgio Santos Rodrigues. Deivid, diretor de futebol, conversou com o empresário do treinador. A diretoria celeste fez uma proposta salarial melhor do que o que o técnico recebe atualmente no Cuiabá, com contrato até o fim do ano que vem. Mesmo assim, Chamusca rejeitou a proposta e comunicou a direção do Cuiabá após ter tomado a decisão.

Esse foi o quarto técnico que recusou o Cruzeiro desde a demissão de Ney Franco. Lisca, do América-MG, Luiz Felipe Scolari, sem clube, e Umberto Louzer, da Chapecoense, já haviam sido sondados, mas todos negaram o clube celeste. O Cruzeiro não fala sobre as tentativas frustradas.

Em penúltimo lugar na Série B do Brasileiro, o técnico que assumir o Cruzeiro terá uma difícil missão pela frente. O time convive com falta de identidade, atuações ruins, impossibilidade de registrar novos jogadores e uma grave crise financeira.

Enquanto não acerta com o novo técnico, o Cruzeiro será treinado pelo auxiliar Célio Lúcio e pelo preparador físico Rodrigo Saar, integrantes da comissão fixa celeste. O próximo compromisso será na sexta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Mineirão, contra o Juventude, pela 16ª rodada da Série B. O time está em 19º na competição, com apenas 12 pontos.

Por Globo Esporte

Ministério Público de Minas Gerais denuncia ex-presidente do Cruzeiro e mais oito pessoas

Entrevista coletiva do Cruzeiro para comentar as denúncias de irregularidades; Wagner Pires de Sá e Itair Machado — Foto: Frederico Ribeiro

Denúncia trata de crimes de lavagem de dinheiro, apropriação indébita, falsidade ideológica e formação de organização criminosa; prejuízo ao clube é de aproximadamente R$ 6,5 milhões

O Ministério Público de Minas Gerais denunciou nesta quinta-feira três ex-dirigentes do Cruzeiro (Wagner Pires de Sá, Itair Machado e Sérgio Nonato) e mais seis pessoas (um ex-assessor de futebol do clube, três empresários, um ex-presidente do Ipatinga Futebol Clube e o pai de um atleta das categorias de base do Cruzeiro). Agora, a denúncia será avaliada por um juiz, que pode aceitá-la ou não.

A denúncia, apresentada pela 11ª Promotoria de Justiça de Belo Horizonte, trata de crimes de lavagem de dinheiro, apropriação indébita, falsidade ideológica e formação de organização criminosa. Segundo levantamento do MPMG, o prejuízo causado ao Cruzeiro é de cerca de R$ 6,5 milhões.

O Ministério Público pede a condenação dos investigados. Além disso, que seja fixada indenização ao clube, a título de dano moral coletivo, dano à imagem, com o pagamento do valor do prejuízo apurado, ou seja, R$ 6,5 milhões.

A nota divulgada pelo MPMG não cita nomes, mas o ge apurou que eles são, além dos citados acima, os empresários Wagner Cruz, Carlinhos Sabiá e Cristiano Richard, Christiano Polastri Araújo (ex-presidente do Ipatinga), Fabrício Visacro (ex-assessor de futebol), e Ivo Gonçalves, pai de Estevão William, de 12 anos, apelidado de Messinho, e que teve parte dos direitos envolvidos pelo clube no pagamento de dívidas com o empresário Cristiano Richard.

Mais informações sobre a denúncia só serão divulgadas após decisão sobre levantamento de sigilo de medidas, dados e informações que ainda estão em segredo de justiça.

As investigações prosseguem. Outros fatos são apurados pelas autoridades, entre eles contratos em nome do Cruzeiro com pessoas e empresas ligadas a dirigentes e conselheiros, que seria proibido pelo estatuto do clube em relação ao recebimento de remuneração.

“Forma de angariar apoio à gestão e impedir/dificultar a atuação dos mecanismos de controle e concessão de ‘vantagens a terceiros, especialmente ligados a torcidas organizadas do clube, com o propósito de angariar apoio à gestão’; visando à identificação integral dos envolvidos, beneficiários finais e valores auferidos” - diz a nota enviada pelo MPMG.

As denúncias

O ex-presidente Wagner Pires de Sá foi denunciado pelos crimes de falsidade ideológica, apropriação indébita e formação de organização criminosa.

O ex-vice-presidente-executivo de futebol Itair Machado foi denunciado por lavagem de dinheiro, apropriação indébita, falsidade ideológica e formação de organização criminosa.

O ex-diretor-geral Sérgio Nonato responderá por integrar organização criminosa e por apropriação indébita.

Os três empresários são acusados de integrar organização criminosa e apropriação indébita, sendo que dois deles ainda responderão por lavagem de dinheiro.

O pai do atleta das categorias de base do Cruzeiro responderá pelo crime de falsidade ideológica.

O ex-presidente do Ipatinga foi denunciado por lavagem de dinheiro.

O ex-assessor de futebol do Cruzeiro por apropriação indébita.

Posição dos denunciados

Procurados, Wagner Pires de Sá e Itair Machado não atenderam às ligações da reportagem. Sérgio Nonato ainda não sabia da denúncia e pediu para procurarmos seu advogado. Leonardo Bandeira, advogado de Serginho, ressaltou que só vão se pronunciar após a decisão do juiz.

- A gente não pode esquecer, por exemplo, que teve um pedido de bloqueio de bens do Sérgio e o juiz não deferiu. Vamos esperar pra ver qual é a decisão do juiz para a gente poder se posicionar. Mas enquanto eu não tiver acesso à denúncia do MP, infelizmente, eu não posso te falar nada - disse Bandeira.

Ivo Gonçalves, pai de Messinho, também não estava ciente da denúncia. Ele afirmou que vai conversar primeiro com seu advogado e preferiu não se pronunciar. Cristiano Richard não sabia da denúncia e pediu para ligar mais tarde. Wagner Cruz, Christiano Polastri Araújo e Fabrício Visacro não foram localizados.

* Errata - A reportagem havia citado João Ramalho como um dos denunciados, mas, na verdade, trata-se de Carlinhos Sabiá.

Por Globo Esporte

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Villani coloca Fla como líder e irrita torcedores do Atlético-MG na web

Foto: Reprodução

Gustavo Villani bombou no Twitter após a transmissão da partida entre Flamengo x Goiás, pelo Campeonato Brasileiro. Após o gol da virada, feito por Pedro, o narrador disparou: "Festa na favela, é do Flamengo! Segue o líder".

Logo o comentário deu o que falar no Twitter, principalmente torcedores do Atlético-MG, que é o atual líder da competição. Por mais que Flamengo e Atlético tenham o mesmo número de pontos, nos critérios de desempate, o clube mineiro está à frente.

Além disso, ele também se referiu ao Flamengo como o 'Lobo Mau' da história da 'Chapéuzinho Vermelho'. Na comparação, ele enfatizou a ideia da forma com que o clube está conquistando as posições no decorrer da competição. "Ainda tem muito jogo, não se enganem. O Flamengo é um time cínico. O Flamengo se veste de lobo mau para comer a vovozinha."

A bola rolou no Maracanã a partir das 18h (horário de Brasília). Por mais que tenha saído perdendo, os comandados de Domènec Torrent conseguiram os três pontos após virar o jogo com dois gols de Pedro, sendo que um deles foi nos acréscimos. Com os dois gols, o atacante flamenguista alcançou o total de 16 gols na temporada, mesmo número de Gabigol, que segue se recuperando de uma lesão sofrida no jogo de volta contra o Independiente del Valle, pela Libertadores, no Rio de Janeiro.

Por UOL Esporte 

Cruzeiro encaminha empréstimo de Ariel Cabral para o Goiás

Foto: Cruzeiro/Divulgação

O Cruzeiro encaminhou nesta quarta-feira o empréstimo de Ariel Cabral para o Goiás. Entretanto, alguns detalhes entre o clube celeste e o empresário do atleta argentino, Rodolfo Baqué, precisam ser resolvidos. Assim que esta etapa for superada, o volante será liberado para fazer exames médicos e assinar contrato com o time de Goiânia até o fim do Campeonato Brasileiro, em fevereiro de 2021. A Raposa deve pagar uma pequena parte dos salários de Cabral.

Em contato com o Superesportes, a assessoria de imprensa do Goiás informou que, "oficialmente, o clube só se pronunciará sobre contratações com o documento assinado para não atrapalhar em nada".

O Cruzeiro ainda não se posicionou até a publicação desta nota.

Ariel Cabral, de 33 anos, tornou-se o estrangeiro com mais partidas pela Raposa ao entrar no segundo tempo da derrota por 1 a 0 para o Cuiabá, na Arena Pantanal, no dia 3 de outubro, pela 13ª rodada da Série B. O argentino atingiu 188 jogos e se igualou ao uruguaio Arrascaeta.

No clube celeste desde agosto de 2015, o meio-campista marcou quatro gols e conquistou quatro títulos: duas Copas do Brasil, em 2017 e 2018, e dois Campeonatos Mineiros, em 2018 e 2019.

Vinculado ao Cruzeiro até dezembro de 2021, Ariel repactuou os salários em 2020 dentro do teto de R$ 150 mil. Há um acordo para que a diferença seja paga em 20 parcelas a partir de abril de 2021.

Elogios de Enderson Moreira

O interesse do Goiás em Ariel Cabral se deu por indicação de Enderson Moreira, que o comandou no Cruzeiro entre maio e setembro. Em entrevista no dia 11 de agosto, após a vitória por 3 a 2 sobre o Guarani (terceira rodada da Série B), o treinador rasgou elogios ao estilo de jogo do camisa 5.

“É um jogador de extrema qualidade, que erra muito pouco e dá uma sequência de passes absurda. Se vocês estivessem in loco para observar o tanto que esse jogador dá estabilidade à equipe e o quão consegue criar um desequilíbrio com passe e roubada de bola (...)”.

No entendimento de Enderson Moreira, Ariel é um volante organizador e de grande facilidade para cumprir determinações táticas. “Talvez não apareça tanto nas roubadas de bola porque tem uma capacidade enorme de interceptar um passe, de encurtar, de não ter que usar a força física para poder ganhar uma bola. Faz isso com inteligência, capacidade tática e entendimento”.

Enderson foi demitido do Cruzeiro em 8 de setembro, um dia depois do empate por 1 a 1 com o CRB, no Mineirão, pela oitava rodada da Série B. Seu retrospecto na competição foi de três vitórias, dois empates e três derrotas. O time iniciou o campeonato com seis pontos negativos devido a uma punição na Fifa.

Por Superesportes

Neymar marca três vezes e seleção vence Peru nas Eliminatórias

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Em uma partida difícil disputada em Lima, a seleção venceu o Peru nesta quarta-feira (13), de virada, por 4 a 2 e garantiu a liderança das Eliminatórias da Copa na América do Sul, com seis pontos em dois jogos.

Os donos da casa ficaram na frente por duas vezes, mas a equipe de Tite (que completou seu jogo de número 50 no comando da seleção) mostrou poder de reação, empatou e conseguiu a virada com Neymar, que marcou três vezes. O duelo foi transmitido ao vivo pela TV Brasil e pela Rádio Nacional.
Vantagem peruana

O Peru abriu o placar logo aos cinco minutos de jogo com um bonito gol. Aquino avançou pela direita, girou e tentou o passe para a área. Marquinhos afastou mal e Carrillo chegou batendo de perna direita, de primeira, no cantinho do goleiro Weverton.

O Brasil tinha dificuldades em sair com velocidade do campo de defesa com a marcação alta da seleção peruana, e não conseguia chegar à área adversária tocando. A primeira grande chance brasileira veio aos 12 minutos, logo depois de Marquinhos deixar o campo, lesionado, para a entrada de Rodrigo Caio. Richarlison aproveitou lançamento longo e ajeitou de cabeça para Roberto Firmino. O camisa 20 finalizou e Gallese salvou o gol.

Aos 22 minutos, a seleção da casa assustou novamente em um chute cruzado de Gonzáles que Weverton defendeu em dois tempos. Três minutos depois, Neymar foi puxado na área e sofreu pênalti. Ele mesmo foi para a cobrança e empatou. O camisa 10 da seleção brasileira chegou a marcar o segundo dele na partida ainda no primeiro tempo, aos 27 minutos, mas a jogada foi anulada por impedimento de Richarlison no início do lance.
Vitória na etapa final

A segunda etapa começou com o Peru melhor. Logo aos cinco minutos, Trauco apareceu na área e chutou cruzado de perna esquerda, obrigando Weverton a fazer grande defesa. Aos 13 minutos, a equipe da casa ficou novamente na frente. Tapia arriscou de fora da área, a bola desviou em Rodrigo Caio e enganou Weverton.

Assim como no primeiro tempo, o Brasil reagiu. Neymar cobrou escanteio pela esquerda, Roberto Firmino desviou na segunda trave e Richarlison completou. O lance foi para análise do VAR (árbitro de vídeo), que demorou quatro minutos para confirmar o gol do Brasil.

A virada veio aos 34 minutos. Neymar dividiu no alto e a bola sobrou para Richarlison. O atacante lança Everton, que invade a área e cruza rasteiro. Neymar foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. O camisa 10 foi para a cobrança e, com categoria, fez o terceiro do Brasil.

No fim do jogo, o zagueiro Zambrano recebeu cartão vermelho por uma cotovelada no rosto de Richarlison. O Brasil partiu para cima e fez o quarto gol. Éverton passou para Everton Ribeiro, que chutou na saída de Gallese. A bola desviou no goleiro, bateu na trave direita e Neymar apareceu para fazer o terceiro dele no jogo.

Marca de Neymar

Com o triplete da noite desta terça-feira, Neymar atingiu a marca de 64 gols com a camisa da seleção brasileira, de acordo com a Fifa. Ele superou Ronaldo Fenômeno e agora é o segundo jogador com mais gols pelo Brasil em partidas oficiais, atrás apenas de Pelé, que tem 77 gols. Na contagem da CBF, que leva em consideração partidas contra clubes e combinados, Neymar também tem 64 gols e ainda está atrás de Ronaldo e Zico. O Fenômeno aparece com 67 gols e o ídolo do Flamengo, com 66. Pelé soma 95.

Por Agência Brasil

segunda-feira, 12 de outubro de 2020

Acompanhe no Futblog do Sorriso! São Caetano x São Bento

 

José Ângelo "Preca" não é mais técnico do Ipatinga FC

Foto: Divulgação/Ipatinga FC

José Ângelo "Preca" não é mais técnico do Ipatinga FC. O desligamento dele do Tigre ocorreu após a derrota no último sábado para o Democrata de Sete Lagoas, em pleno Ipatingão, por 1 a 0, em partida válida pela 7ª rodada do Campeonato Mineiro Módulo II. 

Nota oficial do clube:

O Ipatinga anuncia o desligamento de José Ângelo. Desta forma, Preca não é mais o treinador do Tigre e o auxiliar André Lima assume interinamente até uma nova definição da diretoria.

O Tigre agradece ao Preca pelos serviços prestados e deseja sucesso em sua nova caminhada.

Confira os resultados da 7ª rodada e como ficou a classificação do Mineiro Módulo II

Foto: TVN Sports

Foi realizada a sétima rodada do Campeonato Mineiro do Módulo 2 neste final de semana. A bola rolou no sábado e também no domingo. No sábado, o Betim derrotou o Nacional de Muriaé por 1 a 0 na Arena Vera Cruz, em Betim. O Ipatinga acabou sendo derrotado pelo Democrata de Sete Lagoas pelo placar de 1 a 0. 

O único gol do jogo no Ipatingão foi marcado por Guilherme Júnio. O CAP Uberlândia foi derrotado pelo Athletic, pelo placar de 2 a 1, no estádio Parque do Sabiá. Já o Serranense, fechando os jogos de sábado, derrotou o Guarani de Divinópolis pelo placar de 3 a 0, na Arena do Calçado, em Nova Serrana. 

A rodada que foi complementada neste domingo com duas partidas. O Democrata de Governador Valadares derrotou o Tupi em Juiz de Fora por 1 a 0. Já o Pouso Alegre jogando em casa ficou no empate por 0 a 0 com o Mamoré. 

FMF

SHOW DE RESULTADOS! Todos os resultados do fim de semana pela região

Holanda x Elite

Foram realizados neste final de semana vários jogos amistosos pela região. Vamos trazer todos os resultados aqui no Futblog do Sorriso. Uma rodada movimentada onde a rede balançou para valer. Foram muitos gols. Os jogos amistosos sendo realizados aos sábados na parte da tarde e aos domingos pela manhã.

A equipe do Bugre goleou o Unidos de Ipaba por 5 a 1, em Bugre. 

O Sevale de Vargem Alegre goleou o Juventus por 5 a 2, em Vargem Alegre. 

O Ipaba venceu o LDU por 3 a 1, em Ipaba. 

Vila Celeste e Juventus Árica empataram por 2 a 2, no campo da Vila Celeste. 

O Itaúna venceu o União São Cândido por 2 a 1, no campo do Rodoviários. 

O Galeto de Cachoeira Escura, em um jogão, empatou com o Chupa-Cabra por 5 a 5, em Cachoeira Escura. 

O Caratinga C perdeu do Esplanada A por 2 a 1, no estádio Dr. Maninho, em Caratinga. 

O Holanda derrotou o Elite por 5 a 2, no campo do Caravelas. 

O IBBJ foi derrotado no campo do Canaã por 4 a 2 pelo AERP. 

O Barra Alegre jogando em casa bateu o Sirrose por 4 a 2. 

O Revés do Belém aplicou 6 a 2 no Barcelona de Iapu, fora de casa. 

O ARF venceu o Vila Celeste B por 1 a 0, no campo do AERC.

O Barcelona bateu o Novo Cruzeiro por 4 a 2, no campo do Novo Cruzeiro. 

No campo do Forquilha, Borussia de Ipatinga e Chácara Madalena empataram por 0 a 0. 

O Industrial do Paraíso bateu o Itamarati D por 5 a 2, no campo do Itamarati.

O Galáticos de Ipatinga venceu o Ipabinha por 1 a 0, fora de casa. 

Real Madri e Braúnas empataram por 3 a 3, na Usipa.


Real Madri x Braúnas 

O Londrina venceu o Palmeiras de Fabriciano por 3 a 1, no campo do União.

O Palmeiras de Timóteo empatou com Santo André, no campo do Primavera, em Timóteo, por 1 a 1.  

O Palmeiras de Ipatinga venceu o Pesquisa, no Campo da Família, por 5 a 3. 

Em Belo Oriente, um choque entre equipes locais, Servos e Aluvaeira empataram por 1 a 1, no campo do Aluvaeira. 

O São Lourenço derrotou o Litrão de Pingo d'Água por 3 a 2, no campo de São Lourenço. 

O Valência foi derrotado no campo da Chácara Madalena pelo Independente do Limoeiro pelo placar de 3 a 1. 

O JUNAF jogando em Bom Jesus do Bagre goleou a equipe do Íbis pelo placar de 4 a 0.

O Limoeiro de Ipatinga empatou com Social pelo placar de 3 a 3 jogando no campo do Limoeiro

O Tubarão de Santa Bárbara foi derrotado em casa, em Santa Bárbara, pela equipe do Folha Viva de Entre Folhas, pelo placar de 5 a 2.

No campo da Barreira, a equipe do Real Sat venceu o Manchester por 4 a 2.

Já o Napoli de Fabriciano goleou o Olímpico jogando no campo do CAF, em Coronel Fabriciano. O placar final terminou em 6 a 0. 

O Real do Vale Verde bateu o Água Limpa dos Gonçalves por 3 a 2, no campo da Água Limpa.

No campo do Jabaquara, o Comunitário derrotou o São Borja pelo placar de 3 a 2. 

O SERGRAF, em um jogo recheado de gols, venceu o Audax do Boachá (Ipaba) pelo placar de 7 a 4. 

OUTROS JOGOS:

Real Mangueiras 3 x 4 Vale do Aço 
Gols do Vale do Aço:
Wingston 
Jonatan 
Warley 
Denisson

Napoli de Fabriciano 6 x 0 Olímpico
Gols do Napoli:
4 Sandro Carioca
1 Fabrício
1 Caneco

Fusão 1 x 1 Industrial
Gol do Fusão:
Tatu

Manchester 3 x 2 Juventus

Oriente 2 x 2 Milionários 

Juventus de Bom Jesus do Galho 0 x 1 Bethânia 

Desportiva 3 x 3 Borussia 

Vila Formosa 6 x 1 Itamarati A

AMISTOSO CATEGORIA JÚNIOR 

Oriente 1 x 0 Unidos 

domingo, 11 de outubro de 2020

Nadal atropela Djokovic, vence 13º título em Roland Garros e iguala Federer com 20 Grand Slams

ATP/Divulgação

O Rei do Saibro agora se torna também um dos imperadores do tênis. Com uma atuação de gala neste domingo, Rafael Nadal superou Novak Djokovic por 3 sets a 0, parciais de 6/0, 6/2 e 7/5, em 2h41, conquistou o 13º título em Roland Garros e, de quebra, chegou ao 20º Grand Slam de sua carreira, igualando o recorde de Roger Federer como o maior vencedor nos torneios mais importantes do circuito profissional.

A vitória deste domingo foi a de número 100 na carreira de Rafael Nadal atuando em Roland Garros. Um feito expressivo de quem foi derrotado apenas duas vezes em 16 participações no Grand Slam - o espanhol ainda teve uma desistência em 2016, quando sofreu uma lesão no punho. Não deixou de ser uma espécie de revanche também sobre Novak Djokovic, que o tinha vencido no último encontro entre eles em Paris, nas quartas de final de 2015.

Rafael Nadal ainda emplaca uma sequência impressionante de 26 vitórias consecutivas em Roland Garros, garantindo os títulos de 2017, 2018, 2019 e 2020, além dos dois triunfos em 2016, quando houve desistência e o W.O na terceira rodada. O espanhol não soma pontos no ranking, uma vez que defendeu sua conquista.

A campanha em 2020 foi impecável do início ao fim. Mesmo com as condições diferentes para essa temporada, com o clima mais frio, quadra pesada e bolinhas consideradas mais lentas, Rafael Nadal se adaptou rapidamente e conquistou as seis vitórias sem perder um set sequer. Foi a quarta vez que o espanhol conseguiu alcançar o título sem ter um set perdido em Roland Garros: 2008, 2010, 2017, 2020.

Vencer um torneio por 13 vezes na história do tênis se torna um feito único na conta de Rafael Nadal. Jamais um jogador, em qualquer nível de competição, sejam ATPs 250, 500 ou Masters 1000, conseguiu vencer tantas vezes no mesmo lugar e o espanhol alcançou a marca num Grand Slam.

O jogo

Foi um início avassalador de Rafael Nadal. Apesar de Novak Djokovic imprimir um ritmo forte e buscar variações, curtinhas... o espanhol esteve em todas as bolas. Foram apenas dois erros não forçados ao longo de todo o primeiro set, 10 winners marcados e um volume de jogo impressionante. Assim, construiu uma vitória por 6/0, com três quebras de serviço, algo que poucos imaginavam. O sérvio ainda teve três break points, mas não conseguiu converter nenhuma das oportunidades.

O segundo set foi uma certa continuação do que vinha acontecendo. A tática de Nadal funcionava bem, o backhand estava afiado e as curtinhas de Djokovic pouco incomodavam. O sérvio, mentalmente abalado, passou a errar mais, não conseguiu chegar a qualquer break point e viu o espanhol passear mais uma vez, fazendo 6/2.

O título estava a caminho e Nadal chegou a conquistar mais uma quebra de serviço, mas Novak Djokovic dessa vez reagiu. Empatou em 3/3 e levantou o público. O sérvio elevou o nível, mas não foi o suficiente para incomodar o espanhol. Com um game de serviço mal jogado, cometeu dupla falta e viu Nadal sacar com autoridade em 6/5 para garantir o título da competição.

Por Globo Esporte

Los Angeles Lakers atropela Miami Heat e conquista 17º título na NBA

Foto: NBA/Divulgação

Depois de 10 anos, o Los Angeles Lakers é novamente campeão da NBA. Na noite deste domingo (11), o time da Califórnia venceu a sexta partida na série contra o Miami Heat e chegou ao seu 17º título na liga, igualando o recorde do Boston Celtics. O troféu de MVP da decisão ficou com LeBron James, que atingiu o feito pela quarta vez na carreira. O camisa 23 é o primeiro jogador na história a conquistar o prêmio por três equipes diferentes – antes, havia vencido pelo próprio Heat, em 2012 e 2013, e Cleveland Cavaliers, em 2016.

O técnico Frank Vogel fez um ajuste na escalação inicial do Lakers. No lugar do pivô Dwight Howard, entrou com o armador Alex Caruso, deixando Anthony Davis na posição de número cinco. Além disso, LeBron entrou como marcador principal de Jimmy Butler, principal jogador de Miami. As trocas funcionaram, e o time de Los Angeles venceu o primeiro quarto por 28 a 20. Além disso, forçou o Heat a sete erros no período, com Butler limitado a três pontos.

No quarto, "Playoff Rondo" entrou em ação e, com 13 pontos, comandou o ataque dos campeões acertando todos os seis arremessos que tentou. Na defesa, o Lakers seguiu dominante e permitiu ao Heat apenas 16 pontos, ganhando a parcial por 36 a 16 e indo para o vestiário com uma vantagem de 28 pontos, a segunda maior de um jogo de final, atrás apenas dos 30 do Celtics sobre a própria franquia de LA, em 1985.

Segundo tempo

O terceiro quarto foi mais equilibrado. Com muitos erros ofensivos dos dois lados, o Lakers venceu por 23 a 22 e encaminhou de vez a conquista. Miami ainda tentou lutar nos 12 minutos finais, mas a diferença se mostrou mesmo irreversível e o troféu vai para Los Angeles pela vitória por 106 a 93.

Principais destaques:

Los Angeles Lakers:

LeBron James: 26 pontos, 13 rebotes, 10 assistências
Anthony Davis: 19 pontos e 15 rebotes
Rajon Rondo: 19 pontos e 4 assistências
Kentavious Caldwell-Pope: 17 pontos

Miami Heat:

Bam Adebayi: 25 pontos e 10 rebotes
Jimmy Butler: 12 pontos, 7 rebotes e 7 assistências

Por GaúchaZH

Hamilton presta homenagem a Schumacher após igualar recorde de vitórias: "Ícone e lenda"

Foto: Getty Images

Após a histórica 91ª vitória na Fórmula 1
, Lewis Hamilton não deixou de prestar uma homenagem a Michael Schumacher, com quem agora divide o recorde de triunfos na categoria. Substituto do alemão na Mercedes, quando o heptacampeão parou de correr, Hamilton fez questão de exaltar os feitos de Schumi, com quem dividiu as pistas de 2010 a 2012.

"Naturalmente, todos sabem que ele é um ícone e uma lenda do esporte. O que ele conquistou em tantas áreas, forçando o limite em termos físicos, ele foi realmente o pioneiro em ser o piloto mais preparado na época. O que ele fez pelas duas equipes em que atuou, especialmente na Ferrari, foi simplesmente notável."

Nas redes sociais, Hamilton repostou um vídeo divulgado pela F1 no qual imagens semelhantes dele e de Schumacher são sobrepostas, num pódio, numa pista, e comemorando. E agradeceu pelo apoio dos fãs durante a carreira.

"Sentindo-me realmente honrado por ser mencionado da mesma forma que um piloto como Michael. O que aconteceu hoje está além dos meus sonhos mais selvagens. Não posso expressar o quão grato estou a todos os fãs e à minha equipe incrível por estar comigo nesta jornada."

Hamilton recebeu de Mick Schumacher, filho de Michael, a réplica de um capacete usado pelo heptacampeão quando foi piloto da Mercedes na F1. Os dois se cumprimentaram, e o líder da temporada da F2, que é reserva da Alfa Romeo, parabenizou Lewis:

"Recordes estão lá para serem quebrados. Parabéns, Lewis!"

A conta oficial de Michael Schumacher postou o seguinte texto:

"A família Schumacher sobre a vitória número 91 de Lewis Hamilton, igualando o recorde de Michael: um enorme parabéns, uma conquista expressiva de um grande piloto. Nao podemos negar que amaríamos Michael manter esses recordes, mas como nós costumamos dizer: recordes estão para ser quebrados."

Com os resultados do GP de Eifel, Hamilton chegou a 230 pontos na liderança do campeonato, contra 161 de Valtteri Bottas, companheiro do inglês na Mercedes, e 145 de Max Verstappen, da RBR. Daniel Ricciardo, da Renault, é o novo quarto colocado na tabela, com 78 pontos.

Por Globo Esporte

Acompanhe no Futblog do Sorriso! Oeste x Cruzeiro

De novo? Mais um final de semana de árbitro sendo agredido no Vale do Aço

Reprodução

Mais um fim de semana e o filme se repete: árbitro sendo agredido na região do Vale do Aço. Desta vez, foi Júlio Cézar Francisco, popularmente conhecido como Sassá. De acordo com as informações repassadas, a agressão aconteceu no jogo entre Croácia e AERC, na manhã deste domingo, em partida válida pelo Super Master. Um dos jogadores do AERC teria agredido o árbitro que ficou com escoriações pelo corpo. 

No último final de semana, o árbitro Cristiano, também havia sido agredido por um jogador do Chácara Madalena, em amistoso. Nos dois casos, as diretorias dos clubes dos jogadores agressores não compactuaram com tal atitude.

Alguns árbitros saíram em defesa do colega agredido e lamentaram mais um triste fato ocorrido no futebol amador regional. 

Keno já é Top 3 dos artilheiros do Galo no novo Mineirão e pode superar Fred na próxima quarta-feira

Foto: Bruno Cantini/Atlético

Com seis gols marcados nos últimos seis jogos disputados pelo Atlético no Mineirão, o atacante Keno, goleador do time de Jorge Sampaoli, função que nunca exerceu nas outras equipes que defendeu, entra na briga por outra marca: a artilharia do Galo no novo Mineirão.

O estádio só virou realmente a casa atleticana após a sua reinauguração, em fevereiro de 2013, nesta temporada. Em quase oito anos, foram apenas 46 as partidas do Atlético como mandante no Gigante da Pampulha. Considerando os confrontos em que foi visitante, a grande maioria em clássicos contra o Cruzeiro, este número chegou a 70 na goleada de 3 a 0 sobre o Goiás, no último sábado, que manteve o alvinegro na liderança isolada da Série A do Campeonato Brasileiro. E a vitória foi aberta com um gol de Keno, cobrando pênalti, o sexto dele na arena.

Com essa bola na rede, ele deixou o equatoriano Cazares para trás e se igualou a Carlos e Fred na condição de terceiro maior goleador do Atlético o novo Mineirão, com seis gols.

E a mira do camisa 11 de Sampaoli, que vem desequilibrando as partidas a favor do Galo no Gigante da Pampulha, passa a estar em Robinho e Lucas Pratto, que lideram este ranking.

O Pedalada, que retorna ao Santos em negociação que é alvo de muitas cobranças, pois o atacante tem uma condenação por estupro na Itália, processo que já rolava quando ele defendia o Atlético, tem nove gols no estádio.

O argentino Lucas Pratto, do River Plate, que esteve no radar atleticano nesta temporada, para reforçar o time de Jorge Sampaoli, balançou a rede 12 vezes no Mineirão usando a camisa 9 alvinegra.

Médias

A média de gols de Keno na “nova casa atleticana” é de 0,54, pois ele disputou 11 jogos no Gigante da Pampulha. E o início foi complicado, sendo substituído em todos os jogos. O primeiro gol pelo Galo saiu apenas no quinto jogo no Mineirão, aos 52 minutos do segundo tempo, na partida de ida da decisão do Campeonato Mineiro, contra o Tombense, vencida por 2 a 1, de virada.

A guinada da sua história atleticana também foi na arena, justamente no único jogo em que foi reserva, na sua oitava partida com a camisa alvinegra no estádio. 

Em 13 de setembro, Keno entrou em campo aos 12 minutos do segundo tempo, quando o time empatava por 1 a 1 com o Bragantino. Sofreu um pênalti, que foi desperdiçado por Sasha, o que transformou ele no cobrador oficial da equipe, o que vem colaborando para sua fase artilheira. Além disso, a assistência para o gol da vitória, marcado por Savarino aos 42 minutos do segundo tempo, foi dele.

A partir daí, Keno deslanchou. No jogo seguinte, no Gigante da Pampulha, alcançou o segundo hat-trick seguido nos 3 a 1 sobre o Grêmio. Ele já tinha feito três gols nos 4 a 3, de virada, sobre o Atlético-GO, em Goiânia, uma semana antes.

Voltou a marcar nos 4 a 1 sobre o Vasco, em 4 de outubro, e agora nos 3 a 0 diante do Goiás, no último sábado.

Os 12 gols de Lucas Pratto foram marcados em 19 partidas no Mineirão, média de 0,63. Robinho balançou a rede nove vezes em 18 confrontos, média de 0,50.

O Galo jogará mais 13 vezes no Gigante da Pampulha neste Brasileirão, se seguir mandando seus jogos pela competição no estádio. Se Keno conseguir manter a média de 0,54, ele marcará sete gols, um a mais que Lucas Pratto.

Por Hoje em Dia

Galo goleia Goiás no Mineirão e segue líder; placar não foi mais elástico por causa do goleiro adversário

Foto: Pedro Souza/Atlético

O Atlético segue na liderança do Campeonato Brasileiro da Série A. A equipe mineira derrotou neste sábado o Goiás pelo placar de 3 a 0. Os gols foram marcados por Keno, Nathan e Marrony. A equipe comandada pelo técnico Jorge sampaoli chegou aos 30 pontos na competição. O placar do jogo contra o Goiás só não foi ainda mais elástico devido a atuação do goleiro adversário, Tadeu, que praticou grandes defesas no decorrer da partida.

Serranense goleia Guarani de Divinópolis na Arena do Calçado

Divulgação/Serranense 

Na Arena do Calçado, em Nova Serrana, o Serranense não tomou conhecimento do Guarani marca de, de Divinópolis, e derrotou o time adversário, por 3 a 0, em partida válida pela 7ª rodada do Campeonato Mineiro do Módulo 2. Thiers e Jô (2) anotaram os gols da vitória. O Serranense chegou a 8 pontos. Já o Guarani, de Divinópolis, está na sexta colocação com 10 pontos. Dois jogos complementam a rodada neste domingo. O Tupi encara o Democrata, de Governador Valadares, às 10h30, em Juiz de Fora. O líder da competição, com 16 pontos, o Pouso Alegre, enfrenta o Mamoré, às 15h30, no Manduzão, em Pouso Alegre. 

No Parque do Sabiá, vitória do Athletic sobre o CAP Uberlândia

Divulgação/Athletic

O Athletic de São João Del-Rei derrotou o CAP Uberlândia por 2 a 1 na tarde deste sábado, em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Mineiro do Módulo 2. Michael Paulista e William Mococa marcaram os gols do Athletic; Thiago Silvy descontou para a equipe do CAP Uberlândia. O resultado deixa o Athletic na vice-liderança com 13 pontos; o CAP Uberlândia é vice-lanterna somando apenas 4 pontos. 

Ipatinga FC é derrotado em casa pelo Democrata de Sete Lagoas

Divulgação/Democrata-SL

Fora de casa, O Democrata de Sete Lagoas derrotou o Ipatinga Futebol Clube pelo placar de 1 a 0 e complicou a situação do Tigre no Campeonato Mineiro Módulo 2. O único gol do jogo e do Jacaré no triunfo contra o Tigre no Vale do Aço foi marcado pelo jogador Guilherme Junio, aos 37 minutos da etapa final. O resultado deixou o Democrata de Sete Lagoas na terceira colocação com 12 pontos. O Ipatinga é sétimo colocado com 8 pontos. 

Betim derrota o Nacional na Arena Vera Cruz

Foto: Betim FC/Divulgação

Com gol do atacante Paulo Henrique (ex-Ipatinga Futebol Clube), o Betim conseguiu uma importante vitória por 1 a 0, no Campeonato Mineiro do Módulo 2, na tarde deste sábado, jogando na Arena Vera Cruz, em Betim, contra Nacional de Muriaé. O gol do jogo foi marcado aos 10 minutos do primeiro tempo. O resultado deixa o Betim com 10 pontos ganhos. O Nacional é quarto colocado com 11.