sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Proposta de homenagem a Pelé no escudo do Santos-SP é vetado

Divulgação/Santos FC
Diário On Line (Via: Folha Press)

A proposta do presidente do Santos, José Carlos Peres, de colocar uma coroa sobre o escudo do clube, em homenagem a Pelé, não foi encaminhada para votação ao conselho deliberativo do clube. Uma comissão responsável por analisar o projeto encomendado pelo mandatário do clube retirou o item do texto do novo estatuto do clube.

Além da mudança no escudo, Peres sugeriu que a camisa 10 do clube fosse aposentada, também em homenagem a Pelé. A ideia tampouco será analisada.

A comissão do estatuto é formado por cinco conselheiros: Rodrigo Ferreira de S. Lyra, Marcus Vinícius Lourenço Gomes, Leopoldo Grecco Lisboa e Tiago Vallejo Marsaioli. Eles revisaram e enviaram para o conselho a versão final do projeto, que será votado pelo conselho do clube na terça-feira (24).

"A comissão do estatuto entendeu que a coroa e a aposentadoria da camisa 10 vão ficar para uma próxima oportunidade. Agora o foco total é reformar o estatuto para incluir artigos obrigatórios do Profut (Programa de Modernização da Gestão de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro). O restante vai ficar para depois, não só essas duas solicitações", afirma Marcelo Teixeira, presidente do conselho deliberativo do Santos.

O jornal Folha de S.Paulo revelou, no último dia 2, a intenção de Peres em alterar o escudo. A assessoria de imprensa do ex-jogador disse, na ocasião, que ele iria se manifestar somente depois de o projeto ser encaminhado para votação.

Pelo plano de Peres, o distintivo do Santos teria uma coroa negra em cima do escudo, em referência ao apelido de Rei do Futebol. Também estaria em sintonia com o slogan "a realeza do futebol brasileiro", usado pelo próprio clube em seu site e na Vila Belmiro.

O escudo atual é o mesmo usado desde 1996, quando houve alterações em detalhes no tamanho das letras e das listras. Em 1945, teve a última mudança significativa, quando o clube adotou a base do desenho que permanece até hoje.

O ex-camisa 10 jogou 18 anos no clube -entre 1956 e 1974. Venceu dois títulos mundiais, duas Libertadores, seis nacionais e dez paulistas, entre outras conquistas.

A reportagem entrou em contato com Peres e a assessoria de imprensa de Pelé, mas não ainda não obteve retorno.

Homem se assusta com tiros e atravessa rio a nado para fugir; veja vídeo

Reprodução
Diário On Line (Via: Portal Olhar Direto)

Uma troca de tiros entre policiais militares e criminosos, na manhã desta quinta-feira (19), fez com que um homem que passava pelo local se assustasse e atravessasse um trecho do rio Cuiabá a nado, na cidade de Várzea Grande, no Estado do Mato Grosso. A tentativa de fuga desesperada foi filmada por agentes de seguranças.

De acordo com informações da Polícia Militar, o homem pulou de um barranco por medo de ser atingido pelos tiros. Policiais militares ainda abordaram o “nadador” para checar se ele tinha algum envolvimento com os bandidos, mas ele foi logo liberado.

A troca de tiros resultou na morte de Regielton Arruda Luiz da Silva, conhecido como “Fumacinha”, de 20 anos. Um comparsa dele foi preso e identificado como Renato Alves de Bessa, idade não divulgada.

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, a dupla teria roubado uma Ford Ranger de uma pastora, nas proximidades da Universidade de Cuiabá (Unic). Na tentativa de fuga, eles se depararam com a PM e correram para um matagal. Houve a troca de tiros e “Fumacinha” acabou baleado.



O assaltante ainda foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Várzea Grande, mas já chegou ao local morto. “Fumacinha” seria conhecido por agir com extrema violência nos crimes que praticava. Ele possuía dez passagens criminais por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, roubo e furto.

Regielton também estaria envolvido no roubo de um Renault Logan, ocorrido na tarde de terça-feira (17). Na ocasião, a PM apreendeu um adolescente de 14 anos, após ele cair com o carro em um barranco próximo do Rio Cuiabá, no bairro Ipase.

Homem é eletrocutado ao fazer 'gato' em poste, desperta e foge de moto

Divulgação
Diário On Line (Via Portal Meio-Norte)

Um fato inusitado foi registrado na rua 14 do bairro Lourival Parente, na zona Sul de Teresina na tarde da última quinta-feira (19). Um homem ainda não identificado quase morreu eletrocutado ao tentar fazer uma ligação clandestina em um poste.

De acordo com a imprensa local, a vítima chegou na companhia de outro homem em uma motocicleta, subiu em um poste usando apenas um cinto de segurança e tentou realizar uma ligação clandestina (gato), logo sem seguida ele sofreu uma descarga elétrica e ficou desmaiado preso aos fios.

Em entrevista uma moradora disse que ficou assustada ao ver a situação. “Eu não queria nem ver, fiquei muito assustada, quando eu saí no portão ele estava lá no alto preso aos fios caído para trás e se batendo”, disse a testemunha.

“Na hora que ele subiu eu chamei minha mãe para ver, ele estava um pouco bêbado, logo depois ele começou a pegar um choque, desmaiou aí com um tempo ele acordou e desceu com a ajuda do outro que estava com ele”, disse outra testemunha.

Mas o que impressionou a todos foi que, após tomar o choque e desmaiar, o rapaz acordou, desceu do poste e foi embora na garupa da moto como se nada tivesse acontecido, sem aparentar qualquer problema.

A policia foi acionada e agora está tentando localizar e identificar a dupla.

Bolsonaro sanciona a lei liberdade econômica; confira os detalhes

Reprodução
Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sancionou hoje (20), em cerimônia no Palácio do Planalto, a Medida Provisória (MP) da Liberdade Econômica, agora convertida em lei. A MP havia sido apresentada pelo governo para diminuir a burocracia e facilitar a abertura de empresas, principalmente de micro e pequeno porte, e já havia sido aprovada pelo Senado Federal no último dia 21 de agosto.

Entre as principais mudanças, a lei flexibiliza regras trabalhistas, como dispensa de registro de ponto para empresas com até 20 empregados, e elimina alvarás para atividades consideradas de baixo risco. O texto também separa o patrimônio dos sócios de empresas das dívidas de uma pessoa jurídica e proíbe que bens de empresas de um mesmo grupo sejam usados para quitar débitos de uma empresa.

Em relação ao texto final aprovado pelo Congresso, houve quatro vetos presidenciais. Um deles, que foi negociado com o próprio Parlamento, eliminou o dispositivo que permitia aprovação automática de licenças ambientais.

O governo vetou um item da MP, alterado pelos parlamentares durante a tramitação, que flexibiliza testes de novos produtos ou serviços. Na justificativa do veto, o presidente argumentou que a redação, tal como veio do Legislativo, "permitiria o uso de cobaias humanas sem qualquer protocolo de proteção, o que viola não só a Constituição mas os tratados internacionais para testes de novos produtos".

Outro dispositivo vetado permitia a criação de um regime de tributação fora do direito tributário. O veto foi solicitado pelo Ministério da Economia, segundo o Palácio do Planalto. Foi vetado ainda o dispositivo que previa a entrada em vigor da nova lei em 90 dias. Com isso, a MP da Liberdade Econômica já entra em vigor a partir da publicação no Diário Oficial da União (DOU), que ocorrerá em edição extra nesta sexta-feira.

"Essa Medida Provisória, segundo estudos da Secretaria de Política Econômica, pode gerar, no prazo de dez anos, 3,7 milhões de empregos e mais de 7% de crescimento da economia. São números muito expressivos e necessários para o nosso país", afirmou o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Paulo Uebel.

Citando um jargão repetido pelo presidente Jair Bolsonaro, Uebel afirmou que a medida permite que “o estado saia do cangote das empresas” e fomente o cenário de empreendedorismo no país. O secretário citou ainda outras medidas previstos na nova lei, como o fim da validade de algumas certidões, como a de óbito, e a Carteira de Trabalho Digital.

Em um breve discurso, Jair Bolsonaro disse que a aprovação da MP é um primeiro passo para desburocratizar os serviços públicos no país. "Vai ajudar e muito a nossa economia", destacou. "Tenho falado com o Paulo Guedes, com o Paulo Uebel também. Nós devemos estudar um projeto, não o Meu Primeiro Emprego, mas o Minha Primeira Empresa. (...) Nós queremos é dar meios para que as pessoas se encorajem, tenham confiança, uma garantia jurídica de que o negócio, se der errado lá na frente, ele desiste e vai levar sua vida normalmente, e não fugir da Justiça para não ser preso", acrescentou.

O presidente criticou grupos de esquerda que, segundo ele, defendem direitos, mas não deveres. Ele elogiou a reforma trabalhista aprovada no governo de Michel Temer. "Alguns criticam, no passado a reforma da CLT, dizendo que ela não resolveu os problemas. Se não fosse ela, feita no governo Temer, o Brasil estaria em situação muito mais difícil do que está hoje. E eu vejo a esquerda potencializando a questão de direitos: tudo é direito, quase nada de deveres", afirmou.

Entenda as principais mudanças na MP:

Registro de ponto

- Registro dos horários de entrada e saída do trabalho passa a ser obrigatório somente para empresas com mais de 20 funcionários. Antes, a legislação previa esta obrigação para empresas com mínimo de dez empregados

- Trabalho fora do estabelecimento deverá ser registrado

- Permissão de registro de ponto por exceção, por meio do qual o trabalhador anota apenas os horários que não coincidam com os regulares. Prática deverá ser autorizada por meio de acordo individual ou coletivo

Alvará e licenças

- Atividades de baixo risco, como a maioria dos pequenos comércios, não exigirão mais alvará de funcionamento

- Poder Executivo definirá atividades de baixo risco na ausência de regras estaduais, distritais ou municipais

- Governo vetou item que dispensava de licenças para atividades de baixo risco que abrangem questões ambientais

Fim do e-Social

- O Sistema de Escrituração Digital de Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (e-Social), que unifica o envio de dados de trabalhadores e de empregadores, será substituído por um sistema mais simples, de informações digitais de obrigações previdenciárias e trabalhistas

Carteira de trabalho eletrônica

- Emissão de novas carteiras de Trabalho pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia ocorrerá “preferencialmente” em meio eletrônico, com o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) como identificação única do empregado. As carteiras continuarão a ser impressas em papel, apenas em caráter excepcional

- A partir da admissão do trabalhador, os empregadores terão cinco dias úteis para fazer as anotações na Carteira de Trabalho. Após o registro dos dados, o trabalhador tem até 48 horas para ter acesso às informações inseridas.

Documentos públicos digitais

- Documentos públicos digitalizados terão o mesmo valor jurídico e probatório do documento original

Abuso regulatório

- A MP cria a figura do abuso regulatório, para impedir que o Poder Público edite regras que afetem a “exploração da atividade econômica” ou prejudiquem a concorrência. Entre as situações que configurem a prática estão:

Criação de reservas de mercado para favorecer um grupo econômico

Criação de barreiras à entrada de competidores nacionais ou estrangeiros em um mercado

Exigência de especificações técnicas desnecessárias para determinada atividade

Criação de demanda artificial ou forçada de produtos e serviços, inclusive “cartórios, registros ou cadastros”

Barreiras à livre formação de sociedades empresariais ou de atividades não proibidas por lei federal

Desconsideração da personalidade jurídica

- Proibição de cobrança de bens de outra empresa do mesmo grupo econômico para saldar dívidas de uma empresa

- Patrimônio de sócios, associados, instituidores ou administradores de uma empresa será separado do patrimônio da empresa em caso de falência ou execução de dívidas

- Somente em casos de intenção clara de fraude, sócios poderão ter patrimônio pessoal usado para indenizações

Negócios jurídicos

- Partes de um negócio poderão definir livremente a interpretação de acordo entre eles, mesmo que diferentes das regras previstas em lei

Súmulas tributárias

- Comitê do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais da Receita Federal (Carf) e da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) terá poder para editar súmulas para vincular os atos normativos dos dois órgãos

Fundos de investimento

- MP define regras para o registro, a elaboração de regulamentos e os pedidos de insolvência de fundos de investimentos

Extinção do Fundo Soberano

- Fim do Fundo Soberano, antiga poupança formada com parte do superávit primário de 2008, que está zerado desde maio de 2018

Fogo triplica em Minas e sufoco só aumenta em BH

Corpo de Bombeiros/Divulgação 
Hoje em Dia

Em apenas uma semana, mais que triplicaram os focos de incêndio em Minas. De 213, a quantidade subiu para 651, de acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Esse cenário, combinado à umidade do ar com os níveis mais baixos do ano e nuvens de fumaça cobrindo o céu da metrópole, já impacta a saúde da população, aumentando os casos de crises respiratórias e desidratação.

No setor de emergência do Hospital Infantil João Paulo II, por exemplo, o número de atendimentos subiu 12% em sete dias. Nos postos da rede pública de BH não houve, até o momento, crescimento significativo na assistência. Porém, o perfil dos pacientes se tornou mais homogêneo.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a maioria das pessoas que procuram socorro é formada por crianças e idosos com sintomas ligados à desidratação.

Cenário pessimista

“Sem dúvida, a tendência é que haja crescimento dos casos. O mais importante é prezar pela hidratação, evitar atividades físicas de 9h às 16h e tentar umidificar o ambiente para evitar o ressecamento das vias aéreas”, alerta o pneumologista pediátrico, coordenador da emergência do hospital João Paulo II, Vinícius Ganem.

O médico Alex Sander Sena, gerente de Urgência da Secretaria Municipal de Saúde, reforça a orientação. “O ideal é beber de 3 a 4 litros de água por dia. Além disso, é aconselhável evitar roupas pesadas e escuras. Diante de sinais de doenças respiratórias, a pessoa deve procurar o centro de saúde mais próximo de casa”, destaca.

Sem trégua

A nuvem de fumaça que encobriu grande parte da capital, causando incômodo a milhares de pessoas na noite da última quarta-feira e ontem, pode se repetir nos próximos dias. Conforme meteorologistas, o fenômeno acontece devido à soma de fatores climáticos desfavoráveis.

“Com atmosfera ‘parada’ há cerca de uma semana, massa de ar quente e seco, grandes incêndios na capital e arredores, ausência de ventos fortes e, por fim, poluentes urbanos estacionados na baixa atmosfera, o resultado é o que muitos viram e sentiram”, explica Dayan Carvalho, diretor de Meteorologia e Alerta de Risco da Defesa Civil municipal.

As chuvas podem chegar em quatro dias. “Há expectativa que esse padrão atmosférico se altere no domingo, com indicativo de precipitações fracas e isoladas. A primavera se inicia no dia 23, e é muito provável que haja chuva já no início dessa estação”, acrescentou Carvalho.

Justiça bate martelo hoje sobre recurso do Paysandu na Série C

Foto: Jorge Luiz / Paysandu
Diário On Line

Nada de estádio lotado, bola rolando e gols para o torcedor festejar. As atenções da torcida do Paysandu estarão voltadas, hoje, para um outro campo, o jurídico, no qual o clube decide o seu mais importante jogo na temporada e que, ao final, decretará a volta ou não do time à Série C do Brasileiro. O recurso impetrado pelo clube, pedindo a impugnação da partida na qual foi derrotado, nos pênaltis (5 a 3), pelo Náutico-PE, nos Aflitos, em Recife, pela semifinal do campeonato, será julgado a partir das 11h pelo Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro (RJ).

Em sua defesa, o Papão, por intermédio do advogado contratado pelo clube na capital carioca, Michel Assef Filho, alega que houve erro de direito por parte do árbitro Leandro Pedro Vuaden ao marcar, supostamente equivocado, nos acréscimos do jogo, um pênalti, convertido por Jean Carlos, definindo o empate (2 a 2) no tempo normal da partida. Com o resultado, a decisão da vaga na penúltima etapa da Série C acabou sendo vencida pelo Timbu, que assegurou, também, acesso à Série B de 2020 junto com os outros três semifinalistas - Sampaio Corrêa-MA, Juventude-RS e Confiança-SE.

Em sua argumentação de defesa, Assef Filho se ampara na Regra 12, que não classifica como penalidade máxima se a mão ou braço estiver perto do corpo. No lance em questão, Caíque Oliveira cabeceou a bola na direção do braço esquerdo de Anderson Uchôa, que não teria, ainda na versão bicolor, interferido na trajetória da bola dentro da grande área do Papão.

O recurso, protocolado no dia 11, pouco mais de 48 horas após a partida, foi analisado e aceito pelo presidente do STJD, Paulo César Salomão Filho, que determinou à CBF a não homologação do resultado do jogo.

Embora tenha colocado a partida sub júdice (em apreciação na Justiça), o presidente do STJD negou a paralisação da Série C até que o caso fosse resolvido, como desejavam os bicolores. Em seu despacho, Paulo César, alegou que a medida seria excessivamente prejudicial aos clubes participantes e ao restante do desenrolar do campeonato.



EM APRECIAÇÃO

O recurso será apreciado pelos 12 auditores que formam o Pleno e que darão o veredito sobre o pedido do Paysandu que pede a impugnação da partida e, consequentemente, sua volta à Série C, o que garantiria ao clube o direito de disputar a Série B do ano que vem.

Os argumentos do Náutico

Comunicado pela secretaria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do recurso impetrado pelo Paysandu, o Náutico, como um dos implicados no caso, apresentou sua defesa na terça-feira (17), com a procuradoria do Tribunal tendo até ontem para se manifestar sobre os argumentos apresentados pelo clube. O advogado Roberto Selva, que foi contratado pelo Timbu, no Rio de Janeiro, promete fazer no Pleno “uma defesa técnica” de seu cliente, “demonstrando que não existe suporte para o pedido do Paysandu”, conforme detalhou ao Jornal do Commercio, de Recife.

Em entrevista à publicação pernambucana, Selva deu alguns detalhes da argumentação que pretende utilizar perante os auditores para tentar convencê-los a arquivar o caso. “Depois do jogo ocorrido, do resultado consumado, do árbitro competente para dar pênalti ter marcado, o STJD não pode fazer papel de VAR (sistema de vídeo que ajuda o árbitro a dirimir dúvida ou corrigir falha). Se houve erro, foi de interpretação e isso não se corrige em tribunal”, alega o advogado.

Pedido de VAR

Na defesa do clube, Selva também argumentará que o Náutico chegou a pedir à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a utilização do VAR na partida, o que não foi aceito pela entidade. A solicitação, no entanto, teria segundo um dirigente bicolor, feito parte dos planos do Náutico para mascarar a utilização de recursos ilícitos por parte do time durante a partida. O cartola, que pede anonimato, lembra que desde que o confronto entre os clubes ficou definido, o presidente alvirrubro, Edno Melo, vinha acusando o adversário de tramar nos bastidores. “Mas na verdade quem fazia isso era ele”, acusa o cartola.

Produção de leite sobe e a de ovos bate recorde, revela pesquisa

Arquivo/Marcello Júnior/Agência Brasil
Agência Brasil

O Brasil registrou aumento na produção e produtividade do leite em 2018, além de expansão na produção de mel e ovos de galinha e recuperação na carcinicultura (camarão).

Em contrapartida, o efetivo de bovinos sofreu a segunda queda consecutiva, depois de atingir o recorde de 218,2 milhões de cabeças em 2016. Os dados constam da pesquisa Produção da Pecuária Municipal 2018 (PPM), divulgada hoje (20) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A produção brasileira de leite atingiu 33,8 bilhões de litros, aumento de 1,6%, retomando a tendência de alta após queda de 1,1% em 2017. De acordo com o estudo, as regiões Sul e Sudeste, com participação de 34,2% e 33,9%, respectivamente, lideram a produção nacional.

Por estados, Minas Gerais foi o maior produtor, respondendo por mais de um quarto da produção nacional (8,9 bilhões de litros, ou o equivalente a 26,4% do total).

De 2017 para 2018, o preço médio nacional por litro de leite foi R$ 1,16, com alta de 4,7%, o que resultou em um valor de produção de R$ 39,3 bilhões.

O maior preço médio (R$ 1,26 por litro) foi encontrado na Região Nordeste, enquanto o menor preço (R$ 0,99 por litro) ficou na Região Norte. Em termos de municípios, a cidade de Castro (PR) liderou o ranking de produção nacional, com 0,9%, respondendo por 6,7% da produção do estado.

Castro é também o terceiro município em valor de produção na soma dos seis produtos pesquisados pelo IBGE (leite, ovos de galinha, ovos de codorna, mel de abelha, lã e casulos de bicho-da-seda).

Os primeiros lugares são ocupados por Santa Maria de Jetibá (ES) e Passos (SP), que são destaques também na produção de ovos de galinha.

A pesquisa revela, ainda, que em 2018 foram ordenhadas 16,4 milhões de vacas, representativas de 7,7% do efetivo de bovinos do país.

O número mostra queda de 2,9% em comparação com a quantidade ordenhada no ano anterior. O Sudeste apresenta o maior efetivo ordenhado do país (29,2%), seguido da Região Sul (20,6%) e do Nordeste (20,4%).

Em 2018, o Brasil atingiu média de produtividade de 2.069 litros/vaca/ano.

“O Sul foi responsável pelo aumento da produtividade, com 3.437 litros por vaca no ano”, informou à Agência Brasil a analista da pesquisa, engenheira agrônoma Mariana Oliveira. O aumento alcançou 4,3% em relação a 2017.

Os três estados do Sul tiveram produtividades superiores a 3.200 litros/vaca/ano. Em seguida, aparece Minas Gerais, com 2.840 litros/vaca/ano.

Galináceos

Em 31 de dezembro do ano passado, o efetivo de galináceos, que envolve galos, galinhas, frangos e pintos, atingiu 1,468 bilhão de cabeças, alta de 2,9% sobre o resultado de 2017. O Sul é destaque na criação de frangos para abate, com 46,9%, seguido do Sudeste, com 25,4%.

Essa região é destaque na produção de ovos de galinha. O Paraná lidera o ranking nacional do efetivo de galináceos, com 26,2% do total.

A pesquisa registra 246,9 milhões de galinhas existentes em 2018, aumento de 2,5% em relação a 2017, com o Sudeste respondendo por 38,9% do total de cabeças no país, superando o Sul, que ficou com 25% do total. O Sudeste aparece também em primeiro lugar na produção de ovos, respondendo por 43,8% do total produzido em 2018, ou 1,946 bilhão de dúzias.

A produção brasileira de ovos de galinha foi recorde no ano passado, alcançando 4,4 bilhões de dúzias, alta de 5,4% em comparação ao resultado apurado no ano anterior, com rendimento de R$ 14 bilhões.

O IBGE ressaltou que essa é a primeira vez na série histórica que o total de ovos ultrapassou 4 bilhões de dúzias. O maior produtor nacional foi o estado de São Paulo, com 25,6% do total de ovos.

Ovos de galinha e leite foram os produtos que geraram maior valor de produção pecuária, em 2018. Destaque para os municípios de Santa Maria de Jetibá (ES), com valor de produção de R$ 986,9 milhões e ovos de galinha como principal produto; Bastos (SP), também liderado por ovos de galinha, com valor de produção de R$ 708,5 milhões; e Castro (PR), com valor de produção de R$ 449,7 milhões, e tendo o leite como produto principal.

Codornas

A pesquisa do IBGE informa que, no período de 2003 a 2014, o efetivo de codornas e a produção de ovos desse animal mostraram crescimento constante, embora tenham ocorrido duas quedas seguidas, em 2015 e 2016.

A atividade voltou a crescer em 2017. No ano passado, o efetivo somou 16,8 milhões de aves, expansão de 3,9% sobre o ano anterior. Já a produção de ovos de codorna - 297,3 milhões de dúzias - caiu 2,1%.

A região Sudeste concentra mais da metade do efetivo brasileiro (64%), com destaque para os estados de São Paulo, com participação de 24,6% do total, e Espírito Santo, com 21% da produção. Embora São Paulo ocupe a liderança, a atividade entrou em declínio desde 2015 naquele estado, enquanto no Espírito Santo ela evoluiu 32% no período compreendido entre 2015 e 2018, com a introdução de novas tecnologias.

“São Paulo tem tradição, mas o Espírito Santo tem inovação”, disse a pesquisadora do IBGE Mariana de Oliveira. O Sudeste detém ainda 68,5% da produção de ovos de codorna.

A análise por municípios mostra Santa Maria de Jetibá (ES) na primeira posição nacional, tanto em quantidade de codornas, como na produção de ovos, com aumentos respectivos de 35,7% e 31,7%, em 2018.

Caprinos

Entre os animais de médio porte, a pesquisa mostra que houve aumento, em 2018, tanto na criação de ovinos (+1,8%), como na de caprinos (+4,3%).

Os dois rebanhos somaram, respectivamente, 18,9 milhões de cabeças e 16,8 milhões de cabeças no ano passado.

A Região Nordeste se destaca, historicamente, nas duas criações, respondendo por 93,9% do total de caprinos do Brasil (10,7 milhões de cabeças no ano passado), e por 66,7% do total de 18,9 milhões de ovinos. Bahia, Pernambuco, Piauí e Ceará responderam por 79,6% do total de caprinos do país. “Essas criações de médio porte se adaptam muito bem à Região Nordeste”, disse Mariana.

A Bahia lidera o ranking dos dois rebanhos desde 2016, com 30,2% do efetivo de caprinos e com 22,1% do total de ovinos.

O Rio Grande do Sul surge na segunda posição, por causa da criação voltada para a produção de lã que, em 2018, concentrava 99% na Região Sul do país, revelou a pesquisadora. No Rio Grande do Sul estão 94,3% da produção de lã destinada à comercialização., que somou 8,7 milhões de quilogramas.

Suínos

Em termos de suínos, o estudo do IBGE estimou para 2018 a existência de 41,4 milhões de animais, alta de 0,14% em comparação a 2017.

O Brasil possui o quarto maior rebanho suíno do mundo. Quase metade desse efetivo (49,7%) fica na Região Sul, onde Santa Catarina respondeu por 19,2% do total nacional. Em seguida, vêm Paraná (16,6%) e Rio Grande do Sul (13,8%).

No ano passado, 5.486 municípios brasileiros apresentaram criação de suínos e 5.381 de matrizes de suínos. O efetivo total de suínos (11,6% ou o correspondente a 4,8 milhões), foi de matrizes, com alta de 1,5% sobre 2017.

Mel de abelha

A produção de mel no Brasil totalizou 42,3 mil toneladas, aumento de 1,6% em relação a 2017. A Região Sul manteve a liderança nacional, com 38,9% do total, mas a Região Nordeste, que sofreu longa estiagem desde 2012, vem recuperando a produção, tendo participado com 33,6% da produção brasileira de mel em 2018.

Mariana Oliveira informou que - de 2017 a 2018 - a produção de mel de abelha no Nordeste cresceu 11%, o que correspondeu a 1,4 milhão de quilos a mais. O valor da produção foi R$ 502,8 milhões, retração de 2,2% comparativamente ao ano anterior.

O Piauí aparece como destaque no Nordeste, com 12,3% da produção nacional e expansão de 18,6% na quantidade produzida, o que equivale a mais de 800 mil quilos de mel.

O Piauí ocupa a terceira posição no ranking de produção, depois do Rio Grande do Sul (15,2%) e Paraná (14,9%).

A pesquisadora disse, ainda, que a produção de mel é sensível a diversos fatores climáticos e ambientais. “Ela é afetada, é sensível. E agora é que o Piauí está se recuperando”.

Em Minas Gerais, a produção caiu cerca de 10%. Observou ainda que na Região Centro-Oeste, a produção de mel recuou 22,5% no ano passado, enquanto subiu 10,9% no Norte brasileiro, mas a participação dessa região no total da produção é de apenas 2,1%.

Piscicultura

A produção de peixes em criadouros somou 519,3 mil toneladas em 2018, alta de 3,4% em comparação a 2017. O IBGE não coleta dados de pesca.

A Região Sul manteve a liderança, respondendo por 32% da produção nacional, aumento de 15,2%. O valor de produção para a atividade atingiu R$ 3,3 bilhões em todo o país.

Em termos de estados, Paraná ocupa a primeira classificação, com produção de 23,4% do total da piscicultura nacional, seguido por São Paulo (9,9%) e Rondônia (9,7%).

A tilápia representa 60% de todas as espécies criadas, enquanto o tambaqui detém participação de 19,7%. O Paraná responde por 95% da produção brasileira de tilápia e por 73% da produção da piscicultura do país. O tambaqui predomina na Região Norte, onde foi responsável por 73,1% do total de 102,6 mil toneladas produzidas em 2018.

Camarão

A produção de camarão, ou carcinicultura, somou 45,8 mil toneladas no ano passado, aumento de 11,4% em relação ao ano anterior.

Entre 2016 e 2017, a produção sofreu queda de 21,2%, devido ao Vírus da Síndrome da Mancha Branca. O resultado de 2018 já demonstra recuperação, disse a analista da pesquisa. “A gente teve queda nas edições anteriores (da pesquisa), mas agora ela voltou a crescer”.

A Região Nordeste responde por 99,4% do total nacional. Destaque para os estados do Rio Grande do Norte, responsável por 43,2% do total da produção, e Ceará, com participação de 28,5%.

O valor de produção da carcinicultura atingiu R$ 1,1 bilhão. Dos 162 municípios que produziram camarão em cativeiro no ano passado, Pendências (RN) se tornou o líder.

Bovinos

O efetivo de bovinos foi de 213,5 milhões de cabeças em 2018, com redução de 0,7% em relação ao ano anterior.

Após o recorde de 218,2 milhões de cabeças registrado em 2016, o rebanho caiu para 215 milhões em 2017. Segundo o IBGE, o ano de 2018 foi marcado pelo aumento anual consecutivo do abate de bovinos e pelo recorde no volume de carne bovina exportada.

A Região Centro-Oeste, que detém o maior efetivo de bovinos desde 1981, teve queda de 0,4% em 2018, somando rebanho de 73,8 milhões de cabeças e respondendo por 34,6% do total nacional.

Mato Grosso segue como o estado com maior plantel bovino desde 2014, reunindo 30,2 milhões de cabeças, ou o equivalente a 14,1% do efetivo nacional.

De acordo com a Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, Mato Grosso teve o maior volume de abate bovino por estado, o que significa 16,3% dos 32 milhões de cabeças abatidas no Brasil no ano passado.

Dos 26 municípios com os maiores efetivos de bovinos em 2018, 15 foram identificados na Região Centro-Oeste e 11 na Região Norte.

A cidade de São Félix do Xingu (PA) se manteve na liderança do ranking de bovinos do país, com 2,3 milhões de cabeças e alta de 0,7% no ano.

Mariana Oliveira informou, ainda, que no Top 10 do efetivo de bovinos, quatro municípios estão no Pará, dois no Mato Grosso do Sul, três em Minas Gerais e um em Rondônia.

Todos os efetivos da pecuária são apurados pelo IBGE no último dia do ano, ou seja, em 31 de dezembro. Já a produção considera os resultados registrados durante todo o ano de 2018.

Bolsonaro quer investigar aumento abusivo em postos de combustível

Reprodução
Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro reclamou nesta quinta-feira (19) do aumento no preço de combustíveis praticado pelos postos. Segundo ele, que citou o ataque de drones, no sábado (14), contra instalações petroleiras da Arábia Saudita, tem havido prática abusiva de elevação dos preços mesmo antes dos reajustes da Petrobras.

"Ontem mesmo, em Brasília, antes desse anúncio da Petrobras [de aumento no preço], que foi no final da tarde, começo da noite, alguns postos subiram 5%, levando-se em conta o ataque de drones à refinaria lá da Arábia Saudita. O preço continuava o mesmo, [mas] teve aumento aqui. Isso para mim é um abuso. A gente vai pra cima deles, tudo que estiver de acordo com a lei, puder defender o consumidor, nós faremos", disse o presidente durante live semanal no Facebook, transmitida diretamente do Palácio do Alvorada, de onde ele despachou ao longo do dia. Ele estava acompanhado do diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas Energia, Miguel Ivan Lacerda de Oliveira.

O presidente disse ter determinado à pasta uma investigação sobre eventuais práticas irregulares. "Estou em contato com o ministro das Minas e Energia e ele, obviamente, vai entrar em contato com a Agência Nacional de Petróleo, para ver o que está acontecendo, cartel, seja lá o que for, isso não pode continuar acontecendo". O aumento citado por Bolsonaro está sendo investigado pelo Instituto de Defesa do Consumidor do Distrito Federal (Procon-DF), que passou a notificar postos pelo aumento sem justificativa.

Política de preços

Ao mencionar o reajuste da Petrobras e os valores da gasolina e do óleo diesel, Bolsonaro destacou que a companhia tem autonomia para definir sua política de preços e que não haverá interferência do governo nessa definição. Ele também condenou o ataque terrorista à maior refinaria de petróleo do planeta, na Arábia Saudita.

"Logicamente nós condenamos qualquer ataque terrorista. Esse ataque fez subir até 20% o preço do petróleo. O presidente da Petrobras resolveu segurar o preço o máximo possível, segurou, mas infelizmente, ontem, a decisão [de aumentar] é da Petrobras, não tem interferência nossa, é a Petrobras que faz sua política de preços, e aumentou em média 3% o diesel e a gasolina". Os reajustes anunciados foram de aumento, nas refinarias, de 3,5% na gasolina e 4,2% no óleo diesel. O preço final na bomba é sempre maior por causa da incidência de impostos, incluindo tributos federais e estaduais.

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Seleção brasileira recua para 3ª posição no ranking masculino da Fifa

Divulgação/Fifa
Agência Brasil

A seleção brasileira caiu uma posição no ranking mundial masculino da Federação Internacional de Futebol (Fifa) e agora está na terceira posição. De acordo com a lista, divulgada hoje (19), a Bélgica continua no topo e a França subiu para a segunda colocação.

As demais seleções que ocupam o Top 10 são Inglaterra (4º), Portugal (5º), Uruguai (6º), Espanha (7º), Croácia (8º), Colômbia (9º) e Argentina (10º).

O maior avanço entre agosto e setembro foi obtido pela seleção da ilha caribenha de Granada, que subiu 13 colocações e passou para a 160ª posição. As maiores quedas ocorreram com a Nicarágua e com Eswatini (antiga Suazilândia), que caíram 11 colocações. A Nicarágua está na 148ª posição e Eswatini, na 150ª.

Pis/Pasep: pagamento aos nascidos em setembro começa hoje

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Agência Brasil 

A Caixa paga nesta quinta-feira (19) o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) para os trabalhadores nascidos em setembro com direito ao benefício. Para quem tem conta no banco, o depósito foi feito automaticamente na terça-feira (17).

No caso dos servidores públicos, o pagamento do abono salarial do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) é feito pelo Banco do Brasil (BB). Receber o benefício este mês os cadastrados com final de inscrição 2.

Quem pode sacar o benefício

Tem direito ao abono as pessoas cadastradas no PIS/Pasep há, pelo menos, cinco anos e ter trabalhado com carteira assinada em 2018 por, no mínimo, 30 dias, com remuneração salarial até dois salários mínimos, em média.

É preciso, também, que o empregador tenha informado corretamente os dados do trabalhador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) de 2018, entregue ao governo federal.

O Abono Salarial estará disponível para saque até 30 de junho de 2020.

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Sábado tem bola rolando AO VIVO na Tela do Futblog do Sorriso. A garotada estará em campo pela Tacinha.

Divulgação
No próximo sábado (21) acontece a 2ª rodada da 1ª edição da Tacinha de Futebol Sub-10, 12 e 14 de Belo Oriente.

A bola vai rolar nas três categorias. O FUTBLOG DO SORRISO transmitirá AO VIVO, às emoções de Oriente x Naque, pelo Sub-12 e Sub-14.

Estaremos de olho ainda em tudo que rolar no duelo pela categoria Sub-10. Outro duelo deste sábado pela Tacinha, será entre CONSEP x Pedra Corrida. A rodada tem bola rolando a partir de 8h da manhã.

Telespectador vai acompanhar checagem do VAR no Brasileirão

CBF/Divulgação
Agência Brasil

As imagens que o árbitro de campo têm acesso quando checa os lances com auxílio do árbitro do vídeo (VAR) serão exibidas também a quem estiver assistindo à partida da Série A do Campeonato Brasileiro pela televisão. Segundo a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a novidade entrará em vigor no início do segundo turno da competição.

"Há um lapso de tempo em que o árbitro faz a checagem. No mundo, (a média é de) 60 segundos. Por óbvio, leva-se mais 30, 40 segundos em deslocamento até a área de revisão. São segundos ganhos em justiça. No segundo turno (da Série A), quando isso for passado ao público, a sensação de perda de tempo diminuirá sensivelmente. É questão de adaptação. Tenho certeza que, muito em breve, os árbitros passarão de 1'54" para 1'20", 1'30", que é a média mundial", defende Sérgio Corrêa, um dos responsáveis pela implantação do VAR no país e ex-presidente da comissão de arbitragem da CBF.

Corrêa atendeu a Agência Brasil durante a Brasil Futebol Expo, feira sobre negócios do esporte realizada em São Paulo, onde trabalhou em um estande que possibilitava aos visitantes testar o VAR. Segundo ele, foram 102 lances revistos com apoio da tecnologia até a 17ª rodada da Série A do Brasileirão.

"Imagine você se não tivéssemos o VAR nessas 102 situações? Seriam 102 potenciais reclamações e dúvidas jogadas sobre o árbitro. E hoje nós temos, ainda, algumas situações em que o VAR concorda com a decisão de campo ou a interpreta de forma diferente. Isso gera polêmica, mas é infinitamente inferior ao que era antes", analisa.

Durante o evento na capital paulista, o atual presidente da comissão nacional de arbitragem, Leonardo Gaciba, informou que houve 98% de acerto em lances decisivos verificados com o auxílio do VAR no Brasileirão. O recurso estreou em campeonatos nacionais nas quartas de final da Copa do Brasil do ano passado. Foi utilizado também no mata-mata de nove estaduais.

"Diziam que era melhor ter treinado (o VAR) no sub-20, na segunda divisão. Só que custa R$ 50 mil por jogo. Não dá para treinar gastando R$ 20 milhões ao todo para depois gastar mais R$ 20 milhões. Temos que usar o dinheiro para investimento e treinamento. E isso foi feito. A CBF capacitou 180 árbitros em seis cursos longos, de 12 dias. Tivemos workshops pelo Brasil. E as pessoas estão começando a entender", conclui Corrêa.

Botafogo e São Paulo abrem a 20ª rodada do Brasileirão neste sábado, às 11h, no estádio Nilton Santos (Engenhão), no Rio de Janeiro, no que deverá ser o primeiro jogo com exibição das imagens do VAR ao telespectador.

Vinícius destaca importância de bom resultado na Argentina

Site Oficial /Atlético
Nesta quinta-feira, Atlético e Colón se enfrentam na Argentina, em partida válida pela semifinal da Copa Sul-Americana. Ciente da importância do jogo, o meia Vinícius ressalta a importância de entrar atento em campo e conquistar um bom resultado.

“Não tem espaço para errar na Sul-Americana, é um mata-mata, então, que todos do grupo possam ir bem fortalecidos e firmes para chegar na Argentina e fazer um bom jogo. A gente tem que estar ligado do início ao fim, em tudo que vai acontecer lá dentro”, disse o jogador atleticano.

Vina lembra que é necessário ter tranquilidade neste jogo de ida, para trazer um bom resultado e decidir a classificação diante da torcida, no Mineirão.

“Sabemos que o primeiro jogo pode decidir muito, mas ainda tem o jogo da volta, que vai ser em nossos domínios. Então, que a gente possa fazer um jogo tranquilo, com a cabeça firme, para voltar com um grande resultado”, afirmou Vinícius.

Atlético e Colón irão se enfrentar às 21h30 desta quinta-feira (19), no Estádio Brigadier General Estanislao López, em Santa Fe.

Projeto que amplia posse de arma no campo é sancionado

Marcos Corrêa/PR
Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta terça-feira (17) o Projeto de Lei 3.715/19, que amplia a posse de arma em propriedades rurais. A medida foi aprovada pela Câmara dos Deputados no dia 21 de agosto. Bolsonaro confirmou a sanção diretamente do Palácio do Alvorada, onde despacha no primeiro dia de trabalho, após ter ficado afastado do cargo para a realização de uma cirurgia no abdômen, ocorrida no dia 8 de setembro.

Segundo o projeto aprovado pelo Legislativo, fica autorizada a posse de arma em toda a extensão de uma propriedade rural. A medida garante ao dono de uma fazenda, por exemplo, o direito de andar com uma arma de fogo em qualquer parte de sua propriedade. Até então, a posse só era permitida no perímetro da sede do imóvel rural.

Vaquejada

O presidente da República também sancionou outros três projetos de lei. Um deles é o PL que regulamenta as práticas da vaquejada, do rodeio e do laço no Brasil. O projeto é resultado da Emenda Constitucional 96 que, entre outros pontos, reconheceu a vaquejada como bem de natureza imaterial integrante do patrimônio cultural brasileiro.

A emenda determinou a regulamentação da prática por uma lei específica, que assegure o bem-estar dos animais envolvidos. De acordo com o texto aprovado no dia 20 de agosto, e que foi sancionado sem vetos pelo presidente, ficam reconhecidos o rodeio, a vaquejada e o laço como expressões esportivas e culturais pertencentes ao patrimônio cultural brasileiro de natureza imaterial.

A proposta aprovada define as modalidades que passam a ser reconhecidas como esportivas, equestres e tradicionais. Na lista estão, entre outras, o adestramento, o concurso completo de equitação, o enduro, o hipismo rural, as provas de laço e velocidade, a cavalgada, a cavalhada, o concurso de marcha, a corrida, as provas de rodeio e o polo equestre.

Violência doméstica

Jair Bolsonaro também sancionou o Projeto de Lei 2.438/19, que prevê a responsabilidade do agressor de ressarcir os custos dos serviços de saúde prestados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em situações relacionadas às vítimas de violência doméstica e familiar. Segundo o texto aprovado, o agressor que, por ação ou omissão, causar lesão, violência física, sexual ou psicológica e dano moral ou patrimonial à mulher será obrigado a ressarcir todos os danos causados, inclusive os custos dos serviços de saúde prestados pelo SUS para o total tratamento das vítimas. A medida entrará em vigor em 45 dias.

Amamentação em concursos

O presidente da República ainda sancionou, sem vetos, o Projeto de Lei nº 3.220, de 2015, que estabelece o direito de as mães amamentarem seus filhos de até 6 meses de idade durante a realização de provas de concursos públicos na administração pública direta e indireta da União. De acordo com o texto, a mãe poderá amamentar cada filho pelo período de trinta minutos a cada duas horas e o tempo utilizado na amamentação será compensado durante a realização da prova. Para garantir o direito, a mãe deve fazer uma solicitação prévia à instituição organizadora do concurso.

Promessa de vaias? Arrascaeta enfrentará o Cruzeiro pela primeira vez no Mineirão

Foto: Flamengo/Divulgação
Hoje em Dia

O uruguaio Arrascaeta foi um dos jogadores mais importantes dos últimos anos no Cruzeiro. Em quatro anos de Raposa, o meia-atacante se consagrou em clássicos, fez pinturas e comemorou gols em finais, como na decisão da Copa do Brasil de 2018 contra o Corinthians.

Mas a euforia dos cruzeirenses se transformou em mágoa após a saída conturbada do jogador para o Flamengo no começo da temporada. Arrascaeta chegou a faltar em vários treinos antes da negociação com o time carioca ser concretizada, o que aumentou a ira da torcida.

Neste sábado (21), às 17h, o uruguaio enfrentará o Cruzeiro pela primeira vez no Mineirão. O reencontro promete ser de vaias da torcida azul no Gigante da Pampulha.

Esta será a segunda vez que Arrascaeta pisa no estádio após a saída do Cruzeiro. Em julho, na Copa América, o jogador esteve no Mineirão com a seleção uruguaia no confronto contra o Equador, mas não entrou em campo. Mesmo no aquecimento, foi vaiado pelos cruzeirenses.

O volante Henrique lembrou da forma conturbada que Arrascaeta deixou o clube, mas ressaltou a importância do atleta enquanto jogou com a camisa celeste.

“É um jogador que nos deu muita alegria. Nos ajudou com conquistas em momentos difíceis como este. Também foi um jogador importante. Não saiu de uma forma no futebol que não foi tão legal, mas é escolha de cada um de sair do clube. Ele sabe muito bem da repercussão que aconteceu. Um atleta de altíssimo nível estava até pouco tempo conosco e nós já enfrentamos no Rio. Acho que será um grande duelo e vamos com tudo para buscar o resultado”, destacou Henrique.

Em 188 jogos pelo Cruzeiro, Arrascaeta marcou 50 gols e conquistou três títulos - duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e um Estadual (2018). Pelo Flamengo, o uruguaio balançou as redes adversárias 12 vezes em 35 partidas.

ANP se diz atenta quanto a abusos em preços de combustíveis no Brasil

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Agência Brasil

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou, por meio de nota, que está “atenta” para possíveis cobranças abusivas por combustíveis no Brasil. A cotação internacional do petróleo sofreu uma alta depois de ataques a uma refinaria na Arábia Saudita, na semana passada.

Segundo a nota da ANP, os preços no Brasil são “livres, por lei, em todas as etapas da cadeia: produção, distribuição e revenda. Diante de denúncias de preços abusivos, a ANP faz ações de campo para confirmar essas suspeitas. Quando constata a prática de preços abusivos, a agência atua em conjunto com os Procons para penalizar os infratores”.

Na última segunda-feira (16), a Petrobras divulgou nota informando que também está monitorando a cotação internacional do petróleo, mas que, até aquele momento, não havia previsão de reajustar o preço dos combustíveis.

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Jogadoras do Cruzeiro comemoram goleada na estreia da Seleção Brasileira em Torneio na Argentina

Foto: Laura Zago/CBF
Cruzeiro

A estreia não poderia ter sido melhor. Jogando em Buenos Aires, a Seleção Brasileira Feminina estreou, nesta segunda-feira, na Liga Sul-Americana Feminina Sub-19 goleando o Uruguai por 6 a 1, de virada. O segundo gol brasileiro aconteceu após uma jogada cruzeirense, Duda marcou com assistência de Micaelly. As duas começaram a partida entre as 11 titulares. Os outros gols brasileiros foram marcados por: Nycole (2), Jaqueline (2) e Juliana.

Artilheira do Cruzeiro no último Campeonato Brasileiro Feminino A-2, com 12 gols, Duda comemorou o gol marcado após receber o passe de Micaelly.

“O jogo foi bom, em uma bola parada tomamos um gol, mas mantivemos o foco na partida e conseguimos reverter o placar e, na segunda etapa, consertando alguns erros, voltamos e fizemos um excelente resultado. Aproveito para agradecer pelo meu primeiro gol com a camisa da Seleção, foi um momento único, muito feliz em poder ajudar em um momento que estávamos precisando”, disse.

Levando o entrosamento do Cruzeiro para a Seleção, tocando a bola para o gol de Duda, Micaelly, que foi a líder de assistências celeste, com seis passes para as companheiras marcarem no Brasileiro A-2, falou sobre a partida:

“Estou bastante feliz pela vitória, pela partida e pela entrega de cada uma. Feliz demais por ajudar esse grupo, por fazer parte dele e continuar com foco para o próximo jogo que é amanhã. O primeiro passo foi dado, mas é preciso manter a cabeça 100% no objetivo”, comentou.

Diante do Uruguai, o técnico Jonas Urias colocou a seguinte formação: Nicole; Juliana, Camila, Isadora e Gisseli (Rute); Jaqueline, Raquel (Yaya) e Angelina (Miriam); Micaelly (Júlia Beatriz), Duda (Vitória Bruna) e Nycole.

A Seleção Brasileira volta a campo nesta terça-feira, às 13h30 para enfrentar a Bolívia. A competição é formada por dois grupos com cinco seleções cada. As melhores equipes de cada chave, além do melhor segundo colocado geral, conquistam a chance de disputar o triangular final.

Vôlei: canadense Gord Perrin chega motivado ao Sada Cruzeiro

Foto: Agência i7/Sada Cruzeiro
Cruzeiro

A semana começou intensa para o Sada Cruzeiro, que recebeu nesta segunda-feira, 16/09, mais um importante reforço para seu elenco. O ponteiro canadense Gord Perrin se apresentou ao clube, no CT do Barro Preto, onde foi recebido pelo técnico Marcelo Mendez, que aproveita uma pausa na seleção argentina para acompanhar o esquadrão cruzeirense. E o mais novo guerreiro da Raposa diz que está muito feliz por começar oficialmente a temporada pelo clube.

“Eu estou muito empolgado por estar aqui no Brasil, começar a temporada jogando pelo Sada Cruzeiro e estou ansioso para começar logo a jogar. Estou gostando de tudo o que já vi, a área onde estou morando, da cidade e do clube. Eu joguei contra muitos jogadores que estão aqui, com eles atuando pela seleção brasileira. Com o Facundo Conte já joguei contra por muitos anos, e é a primeira vez que vamos defender um time juntos. Quero me aproximar e conhecer todos, o mais rápido possível. Neste time o grande objetivo é vencer. E eu espero criar um forte laço e entrosamento com todos os colegas, o Marcelo Mendez e a comissão técnica, porque eu acredito que esta é uma maneira de vencer. Com essa ligação, e com tudo o que podemos fazer em quadra, nós poderemos alcançar todas as nossas metas na temporada”, destacou Perrin.

Capitão da seleção do Canadá, Gord Perrin falou das informações que tinha do Sada Cruzeiro, que o fizeram decidir pelo clube. “Eu já venho acompanhando o Sada Cruzeiro há alguns anos no cenário internacional e é um dos times com mais prestígio hoje no mundo. E agora sei que é um clube que tem uma imensa torcida, com mais de oito milhões de torcedores, e a gente percebe que não é somente voleibol, é sobre reunir pessoas que têm um interesse e uma paixão em comum. Fico muito feliz e honrado por estar envolvido em algo tão grande e vestir essa camisa”, destacou.

E o mais novo integrante do time chega em um importante momento. Nesta semana a equipe azul faz uma pausa no Campeonato Mineiro, período mais que oportuno para que o grupo consiga treinar junto e ganhar entrosamento. O outro estrangeiro do time, o argentino Facundo Conte, está há apenas uma semana em Belo Horizonte.

O treinador Marcelo Mendez já viaja na quarta-feira de volta para a Argentina. O elenco estrelado já conta agora com o central Cledenilson, campeão Sul-Americano com a seleção brasileira e que chegou a Belo Horizonte nesta segunda-feira. O levantador Fernando Cachopa e o central Isac ainda estão defendendo o Brasil.

Os próximos compromissos da Raposa, que luta pelo décimo título seguido do Estadual, acontecerão fora de casa contra o Uberlândia, nos dias 24 e 25 de setembro.

Vândalos arremessam potes de manteiga em janelas e quebram vidros de escola em Governador Valadares

Reprodução/InterTV dos Vales
G1 Vales

Documentos, outros materiais e ambientes também foram danificados na Escola Municipal Valdete Nominato; PM registrou boletim de ocorrência e aulas não foram suspensas.

Uma escola municipal foi alvo de vandalismo na madrugada desta segunda-feira (16), em Governador Valadares. De acordo com a Prefeitura, potes de manteiga foram arremessados em janelas e paredes e vidros foram quebrados da Escola Municipal Valdete Nominato; documentos, outros materiais e ambientes também foram danificados. A escola fica no bairro São Tarcísio e as aulas não foram suspensas.

De acordo com a diretora da Instituição, esta não é a primeira vez que a escola é invadida. “Não é a primeira vez que isso acontece, da gente chegar pra trabalhar e ver uma situação dessas, triste. Os computadores e vários documentos ficaram danificados. Até o parquinho feito para as crianças foi danificado”, lamentou Daiane Alcântara.

A PM registrou um boletim de ocorrência e informou que nada foi furtado. “A princípio fomos acionados para atender um arrombamento. Ao chegarmos, constatamos que não se tratava deste crime, mas sim de um dano ao patrimônio público. Os órgãos competentes já foram acionados”, explicou a cabo Célia Vieria, responsável pela ocorrência.

A PM já identificou alguns dos suspeitos, mas até esta publicação ninguém havia sido detido. Em nota, a Secretaria Municipal de Educação lamentou o ocorrido.

Criminosos roubam carro com R$ 8.350 em Ipatinga; veículo e dinheiro foram recuperados

Divulgação/Polícia Militar
G1 dos Vales

Segundo a PM, automóvel foi vasculhado, mas os assaltantes não encontraram o dinheiro, que estava dentro de uma mochila. Até o momento ninguém foi preso.

Dois homens roubaram um carro com R$ 8.350 em espécie neste domingo (15), em Ipatinga (MG). O veículo foi encontrado e toda a quantia, que estava dentro de uma mochila, também foi recuperada.

Segundo as informações da Polícia Militar, o crime aconteceu no Bairro Ideal. As duas vítimas do roubo contaram que estavam saindo de casa quando foram abordadas pelos assaltantes, um deles estava armado.

De acordo com informações da PM, os criminosos obrigaram as vítimas a saírem do carro e fugiram com o veículo. O automóvel foi vasculhado pela dupla, que não encontrou o dinheiro.

Depois que o carro foi recuperado, perto do shopping, as vítimas recolheram os pertences e a mochila. Ao chegarem em casa, descobriram que a quantia não tinha sido levada. As vítimas contaram que seguiriam para São Paulo com o objetivo de comprar bijuterias para a loja delas.

Até o momento nenhum suspeito do crime foi preso.

Petrobras diz que não há previsão para reajuste de preços

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
Agência Brasil

A Petrobras informou, por meio de nota, que está monitorando o mercado internacional de petróleo, em função dos ataques a uma refinaria na Arábia Saudita.

Os ataques aéreos à refinaria de Abqaiq resultaram na elevação dos preços internacionais do petróleo.

Por enquanto, não há previsão de reajuste de preços nos produtos negociados pela estatal, como os combustíveis e derivados de petróleo.

Segundo a Petrobras, a cotação internacional do petróleo apresenta volatilidade e a alta súbita de preços “pode ser atenuada na medida em que maiores esclarecimentos sobre o impacto na produção mundial sejam conhecidos. A Petrobras decidiu por acompanhar a variação do mercado nos próxi-mos dias e não fazer um ajuste de forma imediata”, diz a nota.

Polícia faz busca e apreensão em endereços de Flordelis

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
Agência Brasil

A Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí deflagrou na manhã de hoje (17) uma operação para cumprir mandados de busca e apreensão em endereços ligados à deputada federal Flordelis.

A ação faz parte das investigações sobre o assassinato do marido da deputada, o pastor Anderson do Carmo, no dia 16 de junho. Dois filhos do casal, Flávio dos Santos Rodrigues e Lucas Cezar dos Santos de Souza, foram presos no dia 20 de junho pelo crime e tiveram a prisão preventiva decretada em 17 de agosto.

As buscas ocorrem em quatro endereços da parlamentar: o apartamento funcional em Brasília, a casa em Niterói, o gabinete no Rio de Janeiro e um imóvel da família em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio. O objetivo é apreender celulares, computadores e documentos que possam contribuir para as investigações.

Animado pelo primeiro gol, Bruninho quer repetir feito do pai na Sul-Americana

Foto: Bruno Cantini/Atlético/Divulgação
Hoje em Dia

Se o jogo do Atlético contra o Internacional foi positivo para algum atleticano, o nome dele é Bruninho. O jovem, que é uma promessa da base atleticana e marcou seu primeiro gol entre os profissionais no domingo, já mudou seu foco para a partida da próxima quinta-feira, contra o Colón, na Argentina, pelas seminais da Copa Sul-Americana. “Foco total para quinta-feira. Vamos analisar o jogo de hoje, ver o que a gente errou, para acertar. Quinta tem mais. Vamos para cima dos caras”, declarou o jovem meia-atacante

Antes de Bruninho nascer, seu pai, Bruno, já era decisivo em uma competição internacional. O ex-lateral, que vestiu a camisa do Galo entre 1996 e 2002, marcou o primeiro dos quatro gols do Atlético contra o Lanús, da Argentina, na partida de ida da final da Copa Conmebol de 1997, competição similar ao que hoje representa a Copa Sul-Americana.

O jogo em questão, que encaminhou o segundo título do Atlético na Copa Conmebol, ficou marcado por uma das maiores brigas generalizadas já ocorridas entre brasileiros e argentinos dentro de campo. Na ocasião, o técnico Emerson Leão foi agredido e precisou fazer um enxerto no rosto.

Possivelmente, quando Bruno contava suas histórias de jogador para seu filho, o jogo contra o Lanús era lembrado. Certamente, Bruninho já ouviu falar da grande confusão que aconteceu com seu pai em campo em solo argentino. No entanto, isso não parece intimidar o jovem, que se colocou à disposição do técnico Rodrigo Santana para jogar nesta quinta-feira e prometeu “não ter medo” dos adversários

“Esse é meu estilo de jogo, de ir para cima, não ter medo, encarar o adversário. É claro que eu vou errar também, mas eu sei que também vou acertar. Em relação a jogar quinta-feira, eu estou à disposição do treinador”, disse.

Bolsonaro deixa hospital em São Paulo e volta para Brasília

Marcos Corrêa/PR
Agência Brasil

O presidente da República Jair Bolsonaro deixou o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, às 15h desta segunda-feira (16), após dez dias de internação. A comitiva de Bolsonaro saiu do hospital com destino ao aeroporto de Congonhas, de onde embarca para Brasília. Bolsonaro saiu sem falar com jornalistas e populares que aguardavam do lado de fora e assistiram à saída dos carros da comitiva. O tráfego na rua do hospital foi interrompido para a passagem do comboio.

Cirurgia

Bolsonaro foi admitido no hospital em São Paulo no dia 7 de setembro e a cirurgia de correção de uma hérnia incisional ocorreu no dia seguinte (8). Esta é a quarta vez que Bolsonaro se submete a uma cirurgia, desde que sofreu um atentando à faca, no dia 6 de setembro do ano passado, em Juiz de Fora (MG), durante a campanha eleitoral.

Em Brasília, ele continuará o processo de recuperação, seguindo as orientações médicas relacionadas a dieta e atividade física.

Ainda por orientação médica, ele ficará afastado da presidência até quarta-feira, que será assumida nesse período pelo vice-presidente Hamilton Mourão.

O cirurgião-chefe do hospital Antônio Luiz Macedo disse que foi retirada a nutrição parenteral (endovenosa) do presidente hoje pela manhã, mas que ele continuará com a dieta cremosa em Brasília pelo menos até sexta-feira, quando a equipe médica deverá viajar para a capital para avaliar se Bolsonaro já poderá passar para a dieta pastosa. A expectativa do médico é de que o presidente possa voltar a se alimentar normalmente a partir de segunda ou terça que vem.

De acordo com Macedo, os exames médicos do presidente estão normais e o quadro dele “é muito bom”.

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

1ª Tacinha de Futebol Sub-10, Sub-12 e Sub-14 teve seu pontapé no último sábado

Divulgação 

Teve início no último sábado, a 1ª edição da Tacinha de Futebol Sub-10, Sub-12 e Sub-14. A competição é realizada pela Liga de Desportos de Belo Oriente e conta com o apoio da Administração Municipal. São quatro equipes na disputa: Oriente, CONSEP, Naque e Pedra Corrida - os dois últimos são convidados. A primeira rodada da competição foi movimentada e recheada de gols.

Os resultados: 

SUB-10
Naque 4x0 CONSEP
Pedra Corrida 3x1 Oriente

SUB-12
Naque 0x1 CONSEP
Pedra Corrida 2x5 Oriente

SUB-14
Naque 1x5 CONSEP
Pedra Corrida 1x2 Oriente

Nas penalidades, Juventus conquista o título em Piedade de Caratinga

Divulgação
No final de semana aconteceu a grande final do Campeonato Amador de Piedade de Caratinga. Um domingo que sacudiu a localidade com a decisão. No tempo normal, jogo empatado por 0 a 0, entre Juventus e Piedade.

Nas dramáticas cobranças de penalidades, quem levou a melhor foi a equipe do Juventus: 4 a 2. O jogo teve a arbitragem de Lineu Cezar de Matos, auxiliado por Ângelo e José João.

Santo André vence Caldeiraria na decisão e fica com a taça do Fabricianense de Juniores

Divulgação - Anízio e os jogadores comemoram
o título do Fabricianense de Juniores
O Santo André, representando os bairros Caladão/Contente, sagrou se campeão do Campeonato Fabricianense de Juniores, de forma invicta, na manhã deste domingo.

O time comandado pelos desportistas Anízio e Lucas "Luquinha", levantou a taça de campeão, ao derrotar o Caldeiraria na finalíssima por 1 a 0.

O único gol do jogo e que garantiu o título foi anotado aos 40 minutos do segundo tempo pelo volante Danrley. O jogo na manhã deste domingo foi realizado no campo do Social.

Fim da exigência de simulador e redução das aulas noturnas; veja o que muda para tirar CNH em Minas

Rodrigo Nunes/MinCidades/divulgação
Hoje em Dia

Os mineiros poderão fazer menos aulas para conseguir tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A redução ocorre porque o simulador de direção veicular, a partir desta segunda-feira (16), deixa de ser obrigatório. Além disso, novas regras determinadas pelo governo federal preveem a redução das aulas noturnas e alterações para guiar cinquentinhas, como são conhecidos os ciclomotores com motor de até 50 cm³.

A principal mudança é o fim da exigência do simulador para categoria B, que desde 2016 era obrigatório. Após resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o equipamento passa a ser facultativo. O Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG) explicou que, com isso, houve redução de cinco horas para as aulas práticas na categoria, que passa a ter a mesma carga horária que a categoria A (motocicleta), que é de 20 horas/aula, no mínimo.

Outra alteração é com relação às aulas noturnas. Agora é exigida uma hora/aula prática durante a noite para alunos em formação para conduzir motos, carros ou ciclomotores. Antes das novas regras entrarem em vigor, era cobrado pelo menos cinco horas de aulas no período noturno.

Em abril, durante reunião do Contran que definiu as novas regras, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, argumentou que o simulador não teria eficácia comprovada. “Ninguém conseguiu demonstrar que isso tem importância para formação do condutor. Nos países ao redor do mundo, ele não é obrigatório, em países com excelentes níveis de segurança no trânsito também não há essa obrigatoriedade. Então, não há prejuízo para a formação do condutor”, disse.

Cinquentinhas

A resolução do Contran prevê, ainda, que aqueles que desejarem obter a ACC, que permite a condução das chamadas "cinquentinhas", poderão fazer durante o período de um ano apenas as provas teórica e prática, sem a necessidade de frequentar aulas.

Contudo, se for reprovado, as aulas práticas passam a ser exigidas. Passado o período de um ano, a carga horária para tirar a ACC passa de 20 horas para 5 horas e poderão ser feitas no ciclomotor do aluno.

Oriente passeia em campo e goleia o Caravelas

Oriente massacrou o Caravelas 
Em duelo amistoso realizado no último sábado, e que valeu ponto para o ranking da Associação Master 35, o Oriente não tomou conhecimento do Caravelas. O time de Belo Oriente fez valer o fator casa e massacrou os ipatinguenses por um sonoro e acachapante placar de 6 a 1.

Gols do jogo

O primeiro gol da partida saiu após a defesa do Caravelas tentar afastar, a bola bater em Nathan, do Oriente, e entrar. Dema aumentou a contagem. Na etapa final, Rodrigo descontou para o Caravelas. Porém, a tarde era mesma do Oriente. Foram saindo um gol atrás do outro. O time do Caravelas se desencontrou na partida.

Kará fez 3 a 1. Woshinho, Fá e Marcinho complementaram. Goleada no Menezão.

domingo, 15 de setembro de 2019

Talismã e JUNAF vencem Santa Tereza e Unidos, respectivamente, e largam na frente na semifinal em Belo Oriente

Foto: Wladimir Claves - Imagem do jogo realizado 
no Menezão, entre Santa Tereza e Talismã
Neste domingo (15) aconteceram os jogos de ida da semifinal do Campeonato Amador de Belo Oriente 2019. Logo pela manhã, no estádio Menezão, com transmissão AO VIVO do FUTBLOG DO SORRISO, o Talismã bateu o Santa Tereza pelo placar de 3 a 0. Os gols foram anotados por Parrão, Cleubim e André.

Já em Cachoeira Escura, o JUNAF visitou e venceu o Unidos também pelo placar de 3 a 0. Os gols do time de Bom Jesus do Bagre foram anotados por Mateusinho, Guilherme e Breno. Os jogos de volta serão realizados no próximo domingo. O JUNAF recebe o Unidos pela manhã em Bom Jesus do Bagre e o Talismã recebe o Santa Tereza na parte da tarde em Cachoeira Escura.