quinta-feira, 11 de julho de 2019

Lucas Romero pode fazer seu último jogo pelo Cruzeiro no clássico desta quinta-feira. Clube desmente

📷 Vinnicius Silva / Cruzeiro 
Hoje em Dia 

O volante Lucas Romero, de 25 anos, pode disputar sua última partida pelo Cruzeiro nesta quinta-feira (11), quando o time inicia a disputa das quartas de final da Copa do Brasil contra o Atlético, às 20h, no Mineirão. Improvisado na lateral direita, por causa das contusões de Edílson, que é titular, e do colombiano Orejuela, reserva, ele está muito próximo de ser vendido e não deve ser aproveitado pelo técnico Mano Menezes na partida de volta da competição nacional, na próxima quarta-feira (17), às 19h15, no Independência.

Passando pela maior crise da sua história, o Cruzeiro acumula uma dívida de meio bilhão de reais sendo que quase a metade desse valor precisa ser quitado em curto prazo. A “solução” que a diretoria do clube tinha encontrado era um empréstimo de R$ 300 milhões, numa instituição financeira do exterior, mas as recentes denúncias contra a administração celeste travaram o negócio, que já tinha sido inclusive autorizado pelo Conselho Deliberativo, embora isso nem fosse necessário.

Com salários atrasados e muitas pendências, o Cruzeiro passou a fazer um desmanche do seu grupos de jogadores. O primeiro a sair foi o meia Rafinha, liberado para retornar ao Coritiba e jogar a Série B. O volante Lucas Silva, que estava emprestado pelo Real Madrid, foi devolvido ao clube espanhol no final do empréstimo, pois a Raposa não tinha como pagar nada por ele e ainda queria ficar livre do alto salário.

As vendas se iniciaram com a ida do zagueiro Murilo, de 22 anos, cria da base do clube, para o Lokomotiv Moscou, da Rússia, por R$ 11 milhões, em 17 de junho. No início deste mês, o centroavante Raniel, de 23 anos, outro que também passou pelo sub-20 da Raposa, foi vendido ao São Paulo por cerca de R$ 13 milhões, com a Raposa mantendo parte dos seus direitos econômicos numa negociação futura.

Agora é a vez de Lucas Romero deixar a Toca da Raposa II. E o desejo de sair parte do jogador também, já que ele raramente consegue jogar na sua real posição, que é primeiro volante, já que a preferência de Mano Menezes é pelo capitão Henrique. Além disso, sua esposa está grávida e existe o desejo de retornar à Argentina. E isso poderia dar a ele de uma sequência jogando. O treinador chegou a conversar com o jogador, tentando mantê-lo no grupo.

Na Argentina está sendo noticiado o interesse do Independiente pelo jogador, com o clube de Avellaneda disposto a pagar R$ 7,6 milhões pelos 50% dos direitos econômicos do jogador que pertencem ao Cruzeiro. A outra metade é do Vélez Sarsfield, de onde ele veio, e que teria de concordar com a negociação para um clube do seu país.

De toda forma, pode ser que o Independiente não seja o destino de Lucas Romero. Quase certa é a sua transferência. E ela pode fazer com que sua despedida da torcida cruzeirense seja no clássico desta quinta-feira, contra o Atlético, pela Copa do Brasil.

Procurada pela reportagem, a assessoria de comunicação do Cruzeiro confirmou que existe uma proposta do Independiente, da Argentina, por Lucas Romero, mas afirmou que a ideia de momento do clube não é negociar o atleta, também pelo momento decisivo que vive a equipe na temporada.

"Realmente chegou uma proposta do Independiente, mas o Cruzeiro, no momento, não tem nenhum interesse em fazer qualquer tipo de negociação. A proposta foi avaliada e no momento não há interesse. Vamos aguardar o desenrolar. O contrato está em vigor e a gente vai conversar com o jogador, mas isso tem que ser depois dessa decisão com o Atlético" informou a assessoria do clube.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

SIGA O FUTBLOG DO SORRISO NO FACEBOOK