quinta-feira, 4 de abril de 2019

Levir Culpi destaca mudança de postura na etapa final

Foto: Bruno Cantini / Atlético / Divulgação
Na entrevista coletiva que concedeu após a vitória por 3 a 2 sobre o Zamora, na noite desta quarta-feira, no Mineirão, pela Copa Conmebol Libertadores, o técnico Levir Culpi destacou a mudança de postura o time atleticano do primeiro para o segundo tempo.

Segundo o comandante alvinegro, a baixa produtividade da equipe na etapa inicial foi completamente diferente do previsto. Ele observou que o rendimento no primeiro tempo foi muito fraco.

“Não esperávamos isso e ainda tomamos dois gols. Aconteceu que, no segundo tempo, o time estava mais ligado, prevaleceu nossa condição técnica e viramos a partida. Foi, mais uma vez, uma partida tipo espetacular, mas não é boa para o meu coração e para o coração do torcedor. Saímos felizes de campo, houve uma empatia no segundo tempo, a torcida deu uma força e isso só ajuda. Todos comemoramos porque foi um jogo que acabou ficando muito legal”, disse o treinador.

“O que falei com eles no intervalo foi que não queria achar os problemas que tivemos. Fomos tão mal no primeiro tempo que vai voltar todo mundo, inclusive eu. Vamos voltar e reagir. O segundo tempo foi o que esperávamos, o time reagiu e jogou o que sabe. Então, prevaleceu a melhor condição técnica e eles também tiveram um jogador expulso. Foi um jogo difícil de explicar, pela nossa atitude no primeiro tempo. Precisamos conversar mais ainda, estamos vivendo momentos assim e é bom fazer correções depois de uma resultado positivo. Os jogadores perceberam também tudo que aconteceu, inclusive no intervalo, ninguém falava nada, voltamos , realmente, para decidir o jogo no segundo tempo”, acrescentou Levir.

O técnico afirmou que a qualidade do grupo é o principal fator que o faz crer na classificação às oitavas de final.

“O que me leva a acreditar é a qualidade do elenco. A parte tática, o entrosamento, o encaixe do time, estamos passando por um momento, no futebol brasileiro, em que o torcedor não consegue dizer o time titular. Temos ainda alguns problemas que não resolvemos, o time ainda não tem uma consistência que deve ter para conquistar os títulos“, concluiu.

(Site Oficial / Atlético)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

SIGA O FUTBLOG DO SORRISO NO FACEBOOK