quarta-feira, 13 de março de 2019

Com duas mortes confirmadas, dengue dispara em Minas e número de casos aumenta em 509%

ECOVEC / Divulgação
Somente neste ano, Minas registrou 44.230 casos prováveis de dengue (entre casos confirmados e suspeitos), o equivalente a 631 casos por dia considerando o período de 1° de janeiro a 11 de março.
Os dados representam um aumento de 509% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram contabilizados 7.261 casos. 

Nos primeiros 70 dias de 2019, duas pessoas já morreram vítimas da doença em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, e Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Outras 18 mortes são investigadas.

Os casos de Zika também subiram este ano em comparação com o ano passado. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) já registrou 187 casos prováveis da doença em 2019. No mesmo período de 2018, foram 86 registros. Já sobre a febre Chikungunya, outra doença transmitida pelo mosquito Aedes, houve uma queda brusca de 1.590 casos prováveis contabilizados até 12 de março do ano passado para 640 casos este ano.

A SES informou que as ações de controle das doenças são permanentes e ocorrem durante todo ano, mas que no início do ano é esperado um aumento no número de casos devido aos meses quentes e chuvosos de janeiro, fevereiro e março, clima propício para a proliferação do mosquito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

SIGA O FUTBLOG DO SORRISO NO FACEBOOK