As últimas do esporte na região, no Brasil e no mundo. Saiba de tudo aqui no FUTBLOG DO SORRISO. Visite nossa página no Facebook. Siga-nos ainda no Instagram, Twitter e YouTube. FUTBLOG DO SORRISO: informação com dinamismo!

sábado, 8 de dezembro de 2018

Por final na Espanha, atacante do Boca detona: "Somos uma vergonha como país, é isso que somos"

Divulgação/Boca Juniors 

Não economizou nas palavras 


Um dos nomes pretendidos pelo São Paulo para próxima temporada 2019, o atacante Dario Benedetto teceu duras críticas ao seu país, a Argentina, depois dos incidentes ocorridos antes do jogo que acabou sendo adiado no estádio Monumental de Nunez, na finalíssima da Copa Libertadores, entre os dois maiores rivais do país, Boca Juniors e River Plate.

O atacante do Boca não economizou nas palavras quando perguntado sobre onde gostaria que a decisão ocorresse. Para Benedetto, a grande final da Copa Libertadores da América, que teve o seu primeiro jogo realizado no estádio La Bombonera, deveria ser realizado no estádio Monumental de Nunez.

De acordo com ele seria maravilhoso comemorar na casa do adversário,  um título que entraria para a história, já que o duelo entre Boca Juniors e River Plate, acontece pela primeira vez acontece em uma final do considerado maior campeonato de clubes do continente.

Na ida, empate por 2 a 2 no estádio do Boca. "É muito lindo estar aqui na Espanha, mas deixo claro que gostaria de jogar na casa deles (Monumental). Não só e, mas o nosso time. Ter que jogar em outro país por causa da nossa incapacidade é muito ruim. Somos uma vergonha como país, é isso que somos", disse Benedetto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.