As últimas do esporte na região, no Brasil e no mundo. Saiba de tudo aqui no FUTBLOG DO SORRISO. Visite nossa página no Facebook (Futblog do Sorriso) e siga-nos ainda no Twitter (@futblogsorriso), no Instagram (Futblog do Sorriso) e no YouTube (Futblog do Sorriso). Informação com dinamismo!

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Um pouco melhor no primeiro tempo, mal no segundo e um Barcos fora d''água. Foi o Cruzeiro no Mineirão.

Crédito: Vinnicius Silva/Cruzeiro EC

O Cruzeiro avançou para a fase seguinte da Copa Libertadores da América. O time não mostrou um bom futebol, principalmente no segundo tempo, e acabou derrotado pelo Flamengo por 1 a 0 na partida de volta das oitavas de final. 


Mano Menezes mais uma vez deu um susto no torcedor com sua forma de manter o time em campo. Optou pela entrada de Hernán Barcos e deu com os "Barcos n'água", se levarmos em conta o rendimento do time. Um fiasco a atuação do atacante argentino. Muito mal até aqui desde sua chegada ao time celeste.

O gol que ele perdeu na etapa inicial qualquer um faria de olho fechado. Não avalio ele simplesmente por esse lance, mas por outros momentos do jogo também. Não encaixou. O garoto Raniel foi para a partida e era a pedida de muitos antes do início do jogo. Um Cruzeiro que até tentou no primeiro tempo. No segundo tempo sofreu o gol e o goleiro Fábio passando segurança em outros momentos, deixando o coração dos torcedores menos acelerado.

O time se classificou graças ao jogo feito no Rio de Janeiro. Aquele placar de 2 a 0 foi fundamental. Por muito pouco, o Cruzeiro em mais um jogo decisivo não ficava pelo meio do caminho em pleno Mineirão, como aconteceu naquela eliminação vexatória para o River Plate na Copa Libertadores 2015, quando perdeu por 3 a 0 diante de sua fanática torcida.

Uma das eliminações mais vergonhosas que já vi com relação a Raposa. Olha que o time havia ganho na Argentina por 1 a 0. Na época, o treinador era Marcelo Oliveira. O Cruzeiro na noite de quarta-feira se classificou, mas não jogou bem.

Precisa de se ajustar para encarar (provavelmente) o Boca Juniors - que está com a vaga bem encaminhada e ficaria sem ela somente se acontecesse um baita desastre contra o Libertad, do Paraguai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.